‘Vitória logística’, afirma ONU sobre resultados preliminares de eleições no Afeganistão

Segundo a Missão das Nações Unidas no país, resultado – divulgado uma semana após as eleições – representa avanço na democracia.

Eleitores afegãos em ponto de votação na capital Kabul, em 5 de abril. Foto: UNAMA/Fardin Waezi

Eleitores afegãos em ponto de votação na capital Kabul, em 5 de abril. Foto: UNAMA/Fardin Waezi

Após a divulgação, neste domingo (13), da primeira rodada de resultados das eleições presidenciais do Afeganistão, a Missão de Assistência da ONU no país (UNAMA) parabenizou o processo, mas informou que os dados representam apenas uma pequena porção dos milhões de votos ainda a serem contabilizados.

“Ainda que os resultados parciais de hoje sejam um avanço bem-vindo, eles provêm apenas uma amostra, e esta deve ser atualizada regularmente pela Comissão Eleitoral Independente (IEC) até que todos os votos de todas as urnas estejam contabilizados e verificados”, informou Ján Kubis, chefe da UNAMA, em declaração na capital afegã Kabul.

Realizado pela IEC uma semana após as eleições de 5 de abril, a preliminar baseia-se em uma amostra de 10% dos resultados de 26 das 34 províncias afegãs – uma vitória logística no país, segundo a UNAMA, que também pediu paciência aos candidatos e eleitores enquanto a contagem dos votos segue em andamento.

“Até que os resultados finais sejam anunciados pela IEC, todas as partes interessadas devem ser cuidadosas ao tomar decisões prematuras, a fim de não criarem falsas expectativas”, concluiu Kubis.