UNODC participa de seminário sobre prevenção ao uso prejudicial de drogas em Natal

Foto: UNODC

A oficial de Programa da Unidade de Saúde e Desenvolvimento do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) no Brasil, Nara Santos, participou no início de fevereiro do Seminário de alinhamento conceitual sobre prevenção ao uso prejudicial de drogas, que ocorreu em Natal, Rio Grande do Norte. O evento foi organizado pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

A abertura do evento contou com a participação do procurador-geral de Justiça (PGJ), Rinaldo Reis Lima, do governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, e do secretário nacional de Políticas sobre Drogas, Luiz Guilherme Mendes de Paiva.

Paiva destacou que a parceria entre o MPRN e a SENAD é pioneira, pois trabalha o enfrentamento ao uso de drogas de forma ampla e profunda. O secretário expressou ainda sua vontade de exportar essa experiência para fora do Rio Grande do Norte.

Após a abertura do evento, o professor Antônio Nery Filho, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), proferiu a palestra “Porque os humanos usam drogas”. A apresentação foi seguida da exposição “A política de drogas no Brasil – Avanços e Desafios”, feita por Paiva.

Foi realizada ainda uma mesa-redonda para debater aspectos de prevenção a partir de paradigmas nacionais a internacionais e para discutir a implantação de três programas de prevenção no âmbito de escolas municipais e estaduais situadas em Natal, Mossoró e Parnamirim.

A representante do UNODC, Nara Santos, apresentou diretrizes internacionais sobre a prevenção do uso de drogas que sintetizam evidencias cientificas atualmente disponíveis. Também participaram da mesa o diretor de Articulação e Políticas sobre Drogas da SENAD, Leon Garcia, e a coordenadora do componente de prevenção do projeto ‘Diga sim à vida’, Andrea Leite.

O seminário contou com um público de aproximadamente 600 profissionais das áreas de educação, assistência social, saúde e justiça dos municípios de Natal, Parnamirim e Mossoró.