Universidade Federal do Triângulo Mineiro abre seleção para refugiados em cursos de graduação

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

O Conselho Universitário da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) aprovou processo seletivo para preenchimento de vagas adicionais em cursos de graduação presenciais na universidade.

As vagas são direcionadas às pessoas refugiadas que possuem documentação comprobatória pelo Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE). A informação foi divulgada pela Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) nesta sexta-feira (1).

Universidade Federal do Triângulo Mineiro abre processo seletivo para refugiados em cursos de graduação. Foto: EBC

Universidade Federal do Triângulo Mineiro abre processo seletivo para refugiados em cursos de graduação. Foto: EBC

O Conselho Universitário da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) aprovou processo seletivo para preenchimento de vagas adicionais em cursos de graduação presenciais na universidade. As vagas são direcionadas às pessoas refugiadas que possuem documentação comprobatória pelo Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE) conforme a Lei 9.474/97 e que já concluíram o Ensino Médio ou grau equivalente.

A informação foi divulgada pela Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) nesta sexta-feira (1).

No total, são 23 vagas nos campi de Uberaba e Iturama em mais de 20 cursos da UFTM. As inscrições devem ser feitas pela Internet, entre 3 e 24 de janeiro, e terão como base classificatória os resultados obtidos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) dos últimos cinco anos (2012 a 2016). Deverá ser utilizada a maior nota obtida, indicando o ano de realização da prova no Formulário de Inscrição disponível em goo.gl/cUKwmt.

Documentação

Uma das dificuldades de pessoas em situação de refúgio é a documentação. Para a inscrição, deve-se apresentar documentação que comprove a condição de refugiado pelo CONARE e que comprove a conclusão do Ensino Médio ou equivalente, seguida de Parecer de Equivalência emitido pela Secretaria do Estado de Educação para quem estudou fora do Brasil. Os documentos devem ser digitalizados e enviados para o e-mail ingresso@uftm.edu.br.

Os resultados estarão disponíveis a partir de 5 de fevereiro no site da UFTM www.uftm.edu.br. A matrícula será realizada entre 15 e 16 de fevereiro no Departamento de Registro e Controle Acadêmico (Campus Uberaba) e na Secretaria Acadêmica (Campus Iturama). Em Uberaba, o início das aulas está previsto para 26 de fevereiro, e em Iturama, em 12 de março.


Mais notícias de:

Comente

comentários