Universidade Federal do Paraná e ACNUR lançam livro sobre refúgio no Brasil nesta sexta-feira (20)

Publicação discute situação delicada de refugiados no Brasil a partir do ponto de vista de juristas, cientistas sociais e linguistas. Livro será lançando em Curitiba e foi organizado por oficial de Proteção da Agência da ONU para Refugiados e outros especialistas.

Refugiado reassentado sírio, Khaled, posa para foto com sua filha Yara, um ano de idade, no centro de São Paulo, Brasil. Foto: ACNUR/G.Morales

Refugiado reassentado sírio, Khaled, posa para foto com sua filha Yara, um ano de idade, no centro de São Paulo, Brasil. Foto: ACNUR/G.Morales

Na próxima sexta-feira (20), em Curitiba, a Universidade Federal do Paraná e a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) lançam o livro “Refúgio e Hospitalidade” – publicação que apresenta reflexões sobre a situação delicada dos refugiados no Brasil a partir do ponto de vista de juristas, cientistas sociais e linguistas.

Com a proposta de apresentar diferentes experiências que contribuem para a integração dessas populações deslocadas no país de acolhida, o livro aborda o conhecimento de direitos e deveres no novo Estado, assim como o aprendizado da língua local.

Organizada pelo professor da UFPR e coordenador do Projeto Hospitalidades, José Gediel, e pelo doutor em Direito e oficial de Proteção do ACNUR, Gabriel Godoy, a publicação é vinculada à Cátedra Sérgio Vieira de Mello – iniciativa implementada pela agência da ONU no Brasil e que conta com a participação de diversas instituições de ensino superior.

“O título do livro em si já reflete essa perspectiva justamente de refúgio e hospitalidade, transcendendo questões técnicas. É preciso visualizar as diferentes matrizes que fazem parte do acolhimento do estrangeiro dentro de uma nova comunidade”, explica Godoy.

A ambição da publicação é se tornar uma inspiração para outras universidades e pesquisadores, apontando caminhos de atuação efetiva para o acolhimento dos refugiados.

É também desejo dos organizadores que a obra atinja a sociedade civil, permitindo com que os cidadãos enxerguem a presença do estrangeiro no seu dia a dia. Para Godoy, “uma resposta de hospitalidade aos refugiados significa que aqueles que estão aqui possam efetivamente pertencer a este espaço”.

Ao longo da sexta-feira, além do lançamento do volume, profissionais do ACNUR e voluntários estarão no campus Santos Andrade da UFPR e nas suas imediações, divulgando a campanha #IBelong e coletando assinaturas para que governos possam assegurar o fim da apatridia.

Serviço
Evento: Lançamento do livro Refúgio e Hospitalidade (ACNUR e UFPR)
Quando: dia 20 de maio (sexta-feira)
Horário: 19h
Onde: Salão Nobre da UFPR (Praça Santos Andrade)
Informações: (61) 3044-5714 / (61) 8354-9221