UniSantos e agência da ONU promovem evento sobre proteção de refugiados no Brasil

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

UniSantos sediará II Conferência Latino-Americana e VIII Seminário Nacional da Cátedra Sérgio Vieira de Mello. Evento acadêmico debaterá, entre 13 e 15 de setembro, os 20 anos da Lei Brasileira de Refúgio e os 50 anos do Protocolo relativo ao Estatuto dos Refugiados.

Katia e Marcia são irmãs e chegaram recentemente ao Rio de Janeiro, vindas da República Democrática do Congo. O país é o principal foco de onde refugiados têm vindo para buscar segurança no estado. Apenas no primeiro trimestre de 2016, 116 congoleses vieram para o RJ. Foto: Cáritas RJ

Katia e Marcia são irmãs e chegaram ao Rio de Janeiro, vindas da República Democrática do Congo. Foto: Cáritas RJ

Com a proposta de debater em profundidade o conceito ampliado de refugiado e o consequente aumento de proteção de pessoas em situação de refúgio, o ACNUR (Agência da ONU para Refugiados) e a Universidade Católica de Santos (UniSantos) promovem a II Conferência Latino-Americana e o VIII Seminário Nacional da Cátedra Sergio Vieira de Mello, entre os dias 13 e 15 de setembro.

O evento celebrará com debates e palestras os 20 anos da Lei Brasileira de Refúgio (9474/1997) e os 50 anos do Protocolo relativo ao Estatuto dos Refugiados (1967).

Estas atividades terão uma programação extensa e plural, contando com a participação de pesquisadores e profissionais nacionais e internacionais sobre o tema, como Alexander Betts (da Universidade de Oxford) e a representante do ACNUR no Brasil, Isabel Marquez.

O objetivo do encontro é refletir sobre as dimensões do refúgio no campo prático e teórico, incentivando a pesquisa, a discussão e a produção intelectual sobre a aplicabilidade da legislação sobre este tema no cotidiano de quem foi forçado a deixar seus lares.

De acordo com a última edição do relatório “Tendências Globais” (do ACNUR), mais de 65 milhões de indivíduos se encontram fora dos seus locais de origem por causa de guerras, conflitos e perseguições, sendo que 22,5 milhões cruzaram uma fronteira internacional e foram reconhecidos como refugiados (leia a íntegra do relatório clicando aqui).

Promover a educação, pesquisa e extensão acadêmica voltada à população em condição de refúgio é um dos objetivos do ACNUR. Desde 2003, a Agência da ONU para Refugiados implementa no Brasil a Cátedra Sérgio Vieira de Mello (CSVM), atualmente em cooperação com 17 instituições brasileiras de ensino superior, tanto públicas como privadas. O evento deste ano comemora ainda uma década de instalação da CSVM na UniSantos.

A Cátedra é uma iniciativa que busca difundir de forma transversal a inclusão da temática do refúgio no currículo de diferentes cursos, atuando nos eixos de pesquisa, ensino e extensão universitária. Mais informações sobre a CSVM podem ser obtidas clicando aqui.

Agenda: II Conferência Latino-Americana e VIII Seminário Nacional da Cátedra Sérgio Vieira de Mello
Local: Universidade Católica de Santos – Santos/SP
Datas: 13 e 14 de setembro: Campus Dom Idílio José Sorares (Av. Conselheiro Nébias, 300)
15 de setembro: Campus Boqueirão (Av. Conselheiro Nébias, 589)
Informações: seminarionacionalcsvm@unisantos.br


Mais notícias de:

Comente

comentários