UNFPA e Maranhão firmam parceria para fortalecer políticas públicas voltadas para a juventude

Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) acredita que investimento nos jovens é fundamental para que Brasil aproveite momento de bônus demográfico. No Maranhão, agência da ONU chamou atenção para o papel de gestores municipais no diálogo entre diversos setores do governo.

Na foto (da esquerda para direita): o secretário estadual de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves; o representante do UNFPA no Brasil, Jaime Nadal; e a secretária estadual de Juventude, Tatiana de Jesus Pereira Ferreira. Foto: UNFPA Brasil

Na foto (da esquerda para direita): o secretário estadual de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves; o representante do UNFPA no Brasil, Jaime Nadal; e a secretária estadual de Juventude, Tatiana de Jesus Pereira Ferreira. Foto: UNFPA Brasil

O governo do Maranhão e o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) firmaram nesta quarta-feira (22) uma parceria com o objetivo de promover oportunidades de desenvolvimento para os jovens do estado.

“O Fundo de População da ONU tem como uma de suas prioridades de trabalho: investir em juventude. Este é o momento-chave para focar os investimentos nas jovens e nos jovens, levando em consideração o contexto atual de bônus demográfico em que se encontra o país, em especial o estado do Maranhão”, destacou o representante do UNFPA, Jaime Nadal.

A formalização do acordo entre o estado e a agência da ONU aconteceu ao final de uma capacitação de gestores e gestoras municipais que participam do programa “Mais Juventude” — cujo objetivo é qualificar a administração dos municípios para garantir a inclusão das necessidades específicas dos jovens em programas de governo.

“É importante transversalizar a perspectiva geracional nas políticas públicas, especialmente nos âmbitos dos estados e municípios, além de reconhecer o papel fundamental das gestoras e dos gestores de juventude nesse diálogo entre os diversos setores de governo”, ressaltou Nadal sobre a importância dos atores municipais.

O evento contou com a presença também do secretário estadual de Direitos Humanos, Francisco Gonçalves, e da secretária estadual de Juventude, Tatiana de Jesus Pereira Ferreira.