UNESCO lança no Brasil projeto para combater discriminação e violência nas escolas

Cariacica (ES) é o primeiro município brasileiro a receber o projeto “Ensinar Respeito por Todos” que visa a promover respostas educativas para combater a discriminação e a violência.

Foto: EBC

Foto: EBC


Foi anunciado nesta quarta-feira (13) em Cariacica, no Espirito Santo, o projeto-piloto “Ensinar Respeito por Todos” da Organização da ONU para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), que promove respostas educativas para combater a discriminação e a violência.

Cariacica é o primeiro município brasileiro a receber o projeto que será implementado pela Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a UNESCO no Brasil e o Ministério da Educação. O público do projeto é composto de crianças e adolescentes inseridos na educação básica, com faixa etária entre 8 e 16 anos, que frequentem a educação formal e não formal.

Lançado pela UNESCO em alguns países em 2012, o projeto conta com material pedagógico para a capacitação de professores, diretores de escolas, gestores de educação e representantes da sociedade civil, que devem promover métodos educativos de combate ao preconceito, à discriminação e ao racismo. 

A ideia é contribuir para reduzir violências e potencializar a tolerância mútua, ao cultivar o respeito pela diversidade de raça, cor, etnia, gênero, religião e identidade nacional.