Quase 100 milhões de pessoas são levadas à extrema pobreza no mundo porque precisam pagar por assistência médica, disse a diretora-executiva do UNAIDS, Winnie Byanyima. Foto: UNAIDS

Quase 100 milhões de pessoas são levadas à extrema pobreza no mundo porque precisam pagar por assistência médica, disse a diretora-executiva do UNAIDS, Winnie Byanyima. Foto: UNAIDS

Quase 100 milhões de pessoas são levadas à extrema pobreza no mundo porque precisam pagar por assistência médica, disse a diretora-executiva do UNAIDS, Winnie Byanyima. Foto: UNAIDS