Parcerias e meios de implementação

O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável da ONU número 17 diz: “Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável”. As metas específicas incluem as áreas de finanças, tecnologia, capacitação, comércio, bem como questões sistêmicas e cooperação em ciência, tecnologia e inovação.

O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável da ONU número 17 diz: “Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável”. As metas específicas incluem as áreas de finanças, tecnologia, capacitação, comércio, bem como questões sistêmicas e cooperação em ciência, tecnologia e inovação.

 

Mais sobre este ODS em https://nacoesunidas.org/pos2015/ods17 e notícias sobre o tema abaixo.

Em Boa Vista, migrantes e refugiados venezuelanos que viviam acampados na praça Simón Bolívar foram transferidos para dois abrigos temporários. Foto: ACNUR/Reynesson Damasceno

Oficinas capacitam atores envolvidos no acolhimento de refugiados e migrantes no Brasil

A Rede de Capacitação a Refugiados e Migrantes lança em Brasília na segunda-feira (18) um projeto de capacitação de atores envolvidos no acolhimento, integração e interiorização de refugiados e migrantes no Brasil. O evento ocorrerá às 18h e também celebrará o Dia Mundial do Refugiado, comemorado em 20 de junho.

O projeto “Atuação em rede” oferecerá oficinas gratuitas nos próximos 18 meses, tendo início nas cidades que atualmente participam do processo de interiorização de migrantes e refugiados venezuelanos. A iniciativa tem a participação da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

O Centro de Excelência contra a Fome apoia países africanos a reproduzir iniciativas brasileiras de alimentação escolar. Na imagem, criança se alimenta em centro do Programa Mundial de Alimentos na Região das Nações, Nacionalidades e Povos do Sul (SNNPRS), na Etiópia. Foto: PMA/Silvanus Okumu

Centro de Excelência do PMA e Patati Patatá se unem para vencer a fome

O Centro de Excelência contra a Fome, do Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas (PMA), e a Rinaldi Produções, responsável pela dupla de palhaços Patati Patatá, uniram esforços para promover campanhas e arrecadar recursos para ações de combate à fome no Brasil e no mundo. Assinatura do termo de parceria ocorrerá no escritório do PMA em Brasília, na próxima sexta-feira (1º), e contará com um pocket show da dupla de palhaços para cerca de 30 crianças.

Secretário-geral da ONU, António Guterres (esquerda), e o presidente do Grupo Banco Mundial, Jim Yong Kim, em Washington. Foto: Banco Mundial/Grant Ellis

Em Washington, chefe da ONU assina acordo com Banco Mundial e se reúne com Trump

As Nações Unidas e o Banco Mundial assinaram na sexta-feira (18) um acordo para trabalharem juntos no apoio aos países na implementação da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e para atingir resultados mensuráveis na transformação de suas economias e sociedades.

Paralelamente, o chefe da ONU se reuniu com o presidente norte-americano, Donald Trump, na Casa Branca, onde discutiram a situação do Oriente Médio e da Península Coreana.

Parada do Orgulho LGBT em São Paulo, 2015. Foto: Leo Pinheiro / Fotos Públicas

População LGBT tem acesso reduzido a direitos sociais, econômicos e culturais, dizem relatores

Em pronunciamento para o Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, observado nesta quinta-feira (17), relatores da ONU e especialistas internacionais de direitos humanos lembraram que governos têm a obrigação de combater a violência contra a população LGBT. Em 72 países, ainda existem leis que criminalizam relações homossexuais e expressões de gênero. Apenas um terço das nações contam com legislação para proteger indivíduos da discriminação por orientação sexual.

Grupo Assessor da Sociedade Civil Brasil da ONU Mulheres e parte da equipe da entidade. Foto: ONU Mulheres/Mara Silva

ONU Mulheres abre inscrições para grupo assessor da sociedade civil

A ONU Mulheres recebe até 17 de junho candidaturas de representantes de organizações e redes brasileiras para o Grupo Assessor da Sociedade Civil (Brasil).

O grupo é formado por 15 pessoas, sendo oito integrantes das organizações e redes feministas e de mulheres; quatro integrantes das organizações e redes de base da sociedade civil e três especialistas nas áreas temáticas de ONU Mulheres Brasil, que podem ser acadêmicas(os) ou especialistas endossadas(os) por institutos de pesquisa ou organizações e redes de mulheres e feministas. Saiba como se inscrever.

Biblioteca da ONU leva o nome do ex-secretário-geral das Nações Unidas, Dag Hammarskjöld. Foto: ONU

Portugal faz doação de livros para biblioteca da ONU em dia da língua portuguesa

O governo de Portugal doou no último final de semana cerca de 200 livros para a Biblioteca da ONU, localizada na sede do organismo internacional, em Nova Iorque.

Capitaneada pelo Instituto Camões da Cooperação e da Língua, inciativa foi uma das atividades do país europeu para comemorar o Dia da Língua Portuguesa, celebrado em 5 de maio. Idioma é falado por mais de 260 milhões de pessoas nos cinco continentes e em nove países.

Encontro de fundações e empresas discutiu engajamento filantrópico no cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Foto: PNUD

PNUD mobiliza empresas e instituições filantrópicas do Brasil para cumprir metas globais de desenvolvimento

Em São Paulo, a Plataforma de Filantropia do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) reuniu representantes de empresas e fundações para debater o papel do setor privado no cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, os ODS. Realizado na semana passada na sede da ONG Comunitas, encontro discutiu futuras parcerias nas áreas de educação, combate às disparidades sociais e justiça e instituições eficazes.

Mesa de abertura do evento de lançamento da Agenda Regional de Trabalho Decente de Carajás. Foto: OIT

Agenda regional une 57 instituições pela promoção do trabalho decente em Carajás

Foi lançada em Marabá (PA) na última semana (24), a Agenda Regional de Trabalho Decente de Carajás, região que engloba 39 municípios do sul e sudeste do Pará.

Para o diretor do escritório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil, Martin Hahn, a iniciativa ajudará a orientar o desenvolvimento e a coordenação de políticas e atividades para promover o trabalho decente em Carajás.

“A implementação desta agenda é importantíssima para construir o trabalho decente na região”, declarou.

Cerimônia de nomeação dos representantes dos Conselhos Regionais das Redes Locais. Foto: Rede Brasil do Pacto Global

Rede Brasil é eleita representante da América Latina em conselho do Pacto Global da ONU

A Rede Brasil foi nomeada representante da América Latina no Conselho Global das Redes Locais, uma das instâncias que compõem a nova estrutura de governança do Pacto Global da ONU.

O Pacto Global é uma iniciativa desenvolvida pelo ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan com o objetivo de mobilizar a comunidade empresarial internacional para a adoção, em suas práticas de negócios, de valores fundamentais e internacionalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção.

Edifícios nos arredores de Wall Street. Foto: Michael Aston/Flickr (CC)

ONU e 16 bancos elaboram primeiro guia sobre mudanças climáticas para o setor financeiro

Dezesseis bancos dos quatro continentes, entre eles os brasileiros Itaú Unibanco e Bradesco, uniram-se à Iniciativa Financeira da ONU Meio Ambiente na elaboração de uma metodologia desenvolvida para aumentar o entendimento das instituições financeiras sobre o impacto das mudanças climáticas e da ação pelo clima em seus negócios.

“Muitos desafios ambientais que o mundo enfrenta hoje, especialmente as mudanças climáticas, podem ser atribuídos a uma causa fundamental: o pensamento de curto prazo. Os mercados financeiros podem se tornar um catalisador da ação para a sustentabilidade, mas, para isso, precisam se orientar mais para o longo prazo”, disse Erik Solheim, chefe da ONU Meio Ambiente.

Agências da ONU e empresas brasileiras estarão no Fórum Pacto Global 2018

Novos palestrantes estão com presença confirmada no Fórum Pacto Global – 15 anos da Rede Brasil, que ocorre em 16 de maio no auditório do Museu de Arte de São Paulo (MASP). O evento debaterá o panorama dos avanços e perspectivas da sustentabilidade corporativa desde o início das atividades do Pacto Global da ONU no Brasil, em 2003, até o contexto atual dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Representantes de 28 países de América Latina e Caribe reuniram-se na sede da CEPAL para fórum sobre desenvolvimento sustentável. Foto: CEPAL

Países latino-americanos e caribenhos pedem esforços redobrados para conquista da Agenda 2030

Representantes de 28 países latino-americanos e caribenhos, 35 organizações não governamentais, organismos especializados, agências da ONU e mais de 300 membros de setor privado, academia e sociedade civil encerraram na sexta-feira (20) na sede da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) em Santiago, no Chile, a segunda edição do Fórum dos Países da América Latina e do Caribe sobre o Desenvolvimento Sustentável.

O evento foi encerrado com o compromisso de redobrar esforços na inclusão de todos os setores — público, privado e sociedade civil — para avançar na conquista da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Avião CS100 da canadense Bombardier. Foto: Wikimedia Commons/Yan Gouger

OMC rejeita recurso do Canadá contra o Brasil em disputa sobre subsídios na aviação

A Organização Mundial do Comércio (OMC) divulgou nesta terça-feira (17) uma decisão preliminar que rejeita as acusações de inconsistência impetradas pelo Canadá contra o Brasil no caso envolvendo a fabricante de aeronaves Bombardier. Em outubro do ano passado, o país sul-americano solicitou a abertura de um painel para avaliar se subsídios do governo canadense à empresa constituíam uma violação das regras do organismo internacional. O pedido foi considerado irregular pelo Canadá.

Cantando canções em homenagem às mulheres, cerca de 150 representantes de todo o Sudão do Sul deram realizaram em março deste ano um diálogo nacional de três dias com funcionários da Missão das Nações Unidas no país, a UNMISS. Realizado na capital, Juba, visa ampliar as vozes das mulheres nos processos de paz. As mulheres sul-sudanesas – incluindo mulheres no governo, na sociedade civil, na política, nas forças armadas e entre as pessoas deslocadas internamente – estão expressando a necessidade urgente de paz e maior representação política para todos e todas.

No Sudão do Sul, mulheres participam de diálogo nacional para ampliar participação política

Cantando canções em homenagem às mulheres, cerca de 150 representantes de todo o Sudão do Sul deram realizaram em março deste ano um diálogo nacional de três dias com funcionários da Missão das Nações Unidas no país, a UNMISS.

Realizado na capital, Juba, visa ampliar as vozes das mulheres nos processos de paz.

As mulheres sul-sudanesas – incluindo mulheres no governo, na sociedade civil, na política, nas forças armadas e entre as pessoas deslocadas internamente – estão expressando a necessidade urgente de paz e maior representação política para todos e todas. Assista nesse vídeo.

No Camboja, cerca de um terço da população vive abaixo ou um pouco acima da linha da pobreza e dependem da agricultura como única atividade geradora de renda. Devido ao Sistema Participativo de Garantia (SPG), um programa implementado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), esta família cambojana foi capaz de escapar da pobreza cultivando produtos orgânicos de maneira sustentável.

FAO ajuda agricultores no Camboja a gerar renda e fugir da pobreza; vídeo

No Camboja, cerca de um terço da população vive abaixo ou um pouco acima da linha da pobreza e dependem da agricultura como única atividade geradora de renda. Devido ao Sistema Participativo de Garantia (SPG), um programa implementado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), esta família cambojana foi capaz de escapar da pobreza cultivando produtos orgânicos de maneira sustentável. Confira no vídeo.

Representantes da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde em visita à Casa da ONU. Foto: UNFPA Brasil

Fundo de População da ONU reforça parceria com Ministério da Saúde na área farmacêutica

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) reforçou na terça-feira (10) em Brasília (DF) parceria firmada com o Ministério da Saúde para qualificar profissionais da área e fornecer medicamentos de qualidade à população.

Segundo o UNFPA, a parceria prevê a assistência farmacêutica, que inclui identificar boas práticas e evidências científicas para subsidiar a formulação de novas diretrizes na área, e a pré-qualificação dos insumos em saúde sexual e reprodutiva, o que permite aos fornecedores brasileiros entrarem no mercado internacional e no catálogo global da ONU.

Também participou do evento Haroldo Machado, assessor sênior do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Foto: Rede Brasil do Pacto Global/Elisa Badziack

Evento em SP incentiva empresas a impulsionar objetivos globais em sua estratégia de negócios

A importância dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) para o setor privado motivou a realização no fim de março (27) de mais um workshop “SDG Compass: guia de implementação dos ODS para empresas”, que reuniu cerca de 80 representantes de companhias e organizações brasileiras na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), na capital paulista.

O treinamento, desenvolvido pelo Grupo Temático ODS da Rede Brasil do Pacto Global, em parceria com o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS) e o Global Reporting Initiative (GRI), aborda os cinco passos contemplados na publicação homônima por meio de conteúdos, cases e dinâmicas.

Com apoio do PNUD, Secretaria Municipal de Educação de Maceió marca início do ano escolar da rede. Foto: PNUD

Com apoio do PNUD, prefeitura de Maceió marca início de ano escolar na rede de ensino

Em cooperação técnica com a Secretaria Municipal de Educação de Maceió (SEMED), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) promoveu na quinta-feira (5), em Maceió (AL), o Seminário de Volta às Aulas 2018 — que marca de modo simbólico o início do ano escolar da rede municipal de ensino. Nesta quarta edição, o seminário trouxe como tema a política municipal de educação de Maceió e o processo de universalização e inclusão.

Centro de Convenções Ulysses Guimarães em Brasília. Foto: Agência Brasília/Tony Winston

ONU apoia governo do DF em licitação para gerir centro de convenções

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) ajudou o governo do Distrito Federal a elaborar o termo de licitação para conceder a instituições privadas o direito de operar o Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Os investimentos para as reformas e adequações necessárias estão estimados em cerca de 12 milhões de reais, e as receitas esperadas com a operação são da ordem de 22 milhões por ano.

Foto: Prefeitura de São Francisco da Glória

Grupo Assessor da ONU lança glossário de termos sobre água e saneamento

O que significa acesso universal e equitativo à água, dessalinização, eficiência do uso e gestão integrada dos recursos hídricos? Para apresentar de forma propositiva as definições internacionalmente acordadas sobre esses e outros temas, o Grupo Assessor do Sistema ONU no Brasil sobre a Agenda 2030 lançou na segunda-feira (19) em Brasília (DF) o glossário de termos do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6 – Água potável e saneamento.

Lançado em 2015, o Movimento Menos Perda, Mais Água tem o objetivo de combater as perdas de água nos sistemas urbanos de distribuição do Brasil. Foto: Pedro França/Agência Senado

Rede Brasil do Pacto Global discute papel do setor privado na gestão sustentável da água

A Rede Brasil do Pacto Global, em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS) realiza no domingo (18) evento em Brasília para discutir como as empresas brasileiras vêm trabalhando para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), especialmente o ODS número 6, que trata de assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todas e todos.

O Water Business Day antecede o 8º Fórum Mundial da Água, que ocorre até sexta-feira (23) na capital federal. O encontro também abordará o ODS número 17, que trata de parcerias e meios de implementação para viabilizar o alcance da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

A Reserva da Biosfera de Bia, em Gana, é uma das três reservas na África que se beneficiou do projeto ‘Economia Verde em Reservas da Biosfera: um meio para conservação da biodiversidade, redução da pobreza e desenvolvimento sustentável na África subsaariana’.

Com apoio da UNESCO, Gana preserva reserva florestal e apoia comunidades locais; vídeo

A Reserva da Biosfera de Bia, em Gana, é uma das três reservas na África que se beneficiou do projeto ‘Economia Verde em Reservas da Biosfera: um meio para conservação da biodiversidade, redução da pobreza e desenvolvimento sustentável na África subsaariana’.

O objetivo do projeto era diversificar a economia das comunidades que vivem nas Reservas da Biosfera e ao seu redor, a fim de reduzir a dependência excessiva de recursos florestais, como os produtos florestais não madeireiros. O objetivo final é melhorar o status socioeconômico das comunidades locais e conservar a biodiversidade.

O projeto é financiado pela Agência de Cooperação Internacional da Coreia do Sul (KOICA) e implementado pela UNESCO no âmbito do Programa O Homem e a Biosfera (MaB). Saiba mais nesse vídeo especial.

Fundo agrícola da ONU apoia mulheres no Sudão por meio do microfinanciamento

Fundo agrícola da ONU apoia mulheres no Sudão por meio do microfinanciamento; vídeo

Com a suspensão das sanções impostas pelos EUA ao Sudão, um programa de microfinanciamento que já ajudou 30 mil camponesas pretende alcançar outras 1 milhão até 2025.

A iniciativa – conhecida como ABSUMI – é apoiada pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola das Nações Unidas (FIDA) e trabalha com poupanças e créditos comunitários voltados para mulheres. No projeto, os empréstimos feitos por elas costumam a ser pagos dentro do prazo e reinvestidos em suas famílias. Saiba mais nesse vídeo.

Evento teve a participação do coordenador-residente da ONU e representante do PNUD no Brasil, Niky Fabiancic (centro). Foto: Natália Souza/ PNUD Brasil

Seminário em Brasília discute inovação social para alcance dos objetivos globais

A troca de estratégias e práticas de inovação social em políticas públicas para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) foi o tema central de seminário realizado esta semana em Brasília (DF) com apoio institucional do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Nos dois dias de seminário, especialistas apresentaram casos relevantes de inovação social e tendências globais e nacionais.

VÍDEO: O que é desenvolvimento sustentável?

Comissão Nacional para os ODS divulga plano de ação para implementar Agenda 2030

A Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), formada por organizações do setor público, privado e da sociedade civil brasileira, divulgou nesta quinta-feira (1) durante evento em Brasília (DF) seu plano de ação para a implementação da Agenda 2030.

Criada em outubro de 2016, a comissão é uma instância de natureza consultiva e paritária, cuja finalidade é internalizar, difundir e dar transparência às ações relativas aos ODS. A entidade é apoiada pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

PNUD e central sindical lançam concurso de fotografias sobre água e saneamento

Para estimular a divulgação e a implementação do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 6 – Água potável e saneamento —, a União Geral dos Trabalhadores (UGT) e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) lançaram na quarta-feira (21) o “Concurso de fotos dos ODS 6”.

Pessoas com conhecimento em fotografia têm até 15 de março para participar, apresentando imagens que remetam às metas do ODS 6. Com esse enfoque, as organizações pretendem identificar obras que remetam ao desenvolvimento econômico, social, ambiental e institucional do país, tendo como base o tema da água.

Secretário-geral da ONU, António Guterres, se encontra com pessoas internamente deslocados em Bangassou, República Centro-Africana, em outubro de 2017. Foto: ONU/Eskinder Debebe

ONU amplia parceria com a União Africana; líderes discutem paz, segurança e combate à corrupção

Parceria com a União Africana vai envolver diálogo com Conselho de Segurança e países que contribuem com fundos e forças de paz. Secretário-geral da ONU, António Guterres, participou de Cúpula dos líderes africanos em Adis Abeba, onde assinou acordo ampliando a cooperação com a organização regional.

As situações urgentes são Sudão do Sul, República Democrática do Congo, República Centro-Africana e Mali. De acordo com a ONU, os respectivos mandatos devem ser mais específicos, além de apoiar soluções políticas e a proteção dos civis.

Projetos do FIDA ajudam a reduzir a pobreza em comunidades rurais do Peru. Foto: FIDA/Pablo Corral Vega

Pesquisa associa atividades da ONU a redução da pobreza em zonas rurais do Peru

Seis projetos do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) no Peru estão por trás da redução da miséria em zonas rurais do país. É o que comprova uma avaliação independente sobre a atuação da agência das Nações Unidas. Nas regiões de Sierra Norte e Sierra Sur, onde o organismo da ONU mantém operações, a pobreza caiu 22% e 12% respectivamente de 2002 a 2016. Análise, porém, alerta para a necessidade de chegar a quem permanece excluído economicamente.

Membros do Conselho Consultivo do UNFPA. Foto: UNFPA/Débora Klempous

Fundo de População das Nações Unidas no Brasil empossa Conselho Consultivo

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) empossou oficialmente na semana passada (31) em São Paulo seu Conselho Consultivo, grupo formado por 14 profissionais reconhecidos nacional e internacionalmente nas áreas em que atuam.

O principal objetivo do Conselho é constituir um espaço plural, de incentivo e apoio à identificação, articulação e proposição de estratégias, parcerias e soluções inovadoras para o UNFPA.