Cultura e comunicação

Todas as notícias sobre estes temas.

Atividade realizada em Brasília (DF) teve o objetivo de refletir e incentivar a cidadania alimentar com base no afeto, nas tradições e no direito. Foto: PEXELS

Oficina em Brasília lembra importância da alimentação baseada em afeto, tradições e direito

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) e o Observatório de Políticas de Segurança Alimentar e Nutrição da Universidade de Brasília (OPSAN) organizaram na quarta-feira (18), como parte do 25º Congresso Brasileiro de Nutrição (CONBRAN), a oficina “Por uma comida que seja nossa!”.

A atividade, que aconteceu no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF), teve o objetivo de gerar reflexões e promover a cidadania alimentar com base no afeto, nas tradições e no direito.

Indígena da etnia Bororo Boé durante os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas. Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

Acordos globais de direitos humanos podem reduzir desigualdades contra os indígenas, diz UNFPA

Em encontro na Universidade de Brasília (UnB) com alunos e pesquisadores indígenas, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) elogiou na terça-feira (17) o interesse dos povos originários em conhecer acordos internacionais de direitos humanos. Para a agência da ONU, convenções podem fortalecer mobilização pelo fim das disparidades enfrentadas por essas populações no Brasil.

Bolsistas de 2017 do Programa para Jornalistas Memorial Reham Al-Farra com o secretário-geral da ONU, António Guterres. Foto: ONU

ONU oferece bolsa para jovens jornalistas cobrirem eventos em Nova Iorque; prazo é 7 de maio

O Departamento de Informação Pública das Nações Unidas (DPI) abriu vagas para o Programa de Bolsas para Jornalistas Memorial Reham Al-Farra (RAF), que leva repórteres para cobrir o debate anual da Assembleia Geral em Nova Iorque. Esse ano, o Programa acontecerá de 16 de setembro a 6 de outubro. A ONU pagará as passagens de ida e volta para Nova Iorque e fornecerá diárias para cobrir despesas com alimentação e acomodação.

A cabeleireira Claudia Fernandes (direita) lembrou a importância de haver informações e produtos de beleza para a população negra, principalmente para crianças e jovens. Foto: UNIC Rio/Ana Rosa Alves

Uso do cabelo afro é ato político, dizem blogueiras e especialistas em beleza

O Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio) conversou com blogueiras, empresárias e cabeleireiras sobre como a aceitação do cabelo afro pode influenciar na construção de autoestima e da identidade negra.

Em julho de 2017, uma pesquisa realizada pelo Google BrandLab mostrou que, pela primeira vez no Brasil, houve maior número de buscas no Google por cabelos cacheados em comparação a lisos. Os dados mostraram um crescimento de 232% na busca por cabelos cacheados entre 2016 e 2017 e um crescimento de 309% por cabelos afro.

Arte criada por Gregory R Todd sobre o satélite Sputnik 1. Imagem: Gregory R Todd/Wikimedia/CC

ONU celebra 57 anos do ‘início da era espacial para a humanidade’

Em 12 de abril de 1961, o soviético Yuri Gagarin tornou-se o primeiro homem a ir para o espaço e sua nave orbitou a Terra. Segundo a ONU, “este evento histórico trilhou o caminho para a exploração espacial, beneficiando toda a humanidade”.

O dia internacional é uma oportunidade para destacar a contribuição da ciência e da tecnologia para a conquista dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e garantir que o espaço seja utilizado apenas para fins pacíficos.

UNAIDS lança chamada pública para segunda fase de concurso sobre prevenção do HIV

O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS), em parceria com a Embaixada dos Países Baixos, divulgou na terça-feira (10) chamada para a segunda fase do concurso #DesafioUNAIDS, que será realizada em Salvador (BA).

A disputa convoca jovens residentes na região metropolitana da cidade a propor um projeto que tire o #DesafioUNAIDS do mundo virtual e o traga para o mundo real, a partir da apresentação de proposta que visem levar o diálogo sobre prevenção do HIV e zero discriminação para comunidades, bairros, escolas, universidades e outros espaços da região metropolitana de Salvador.  As inscrições podem ser feitas até 23 de abril.

Foto: Banco Mundial/Simone D. McCourtie

Banco Mundial: adoção de novas tecnologias é fundamental para empregos do amanhã

Em um momento de crescentes temores em relação a um futuro em que os trabalhadores são substituídos pela automação, a inovação tecnológica tem o potencial de criar mais e melhores empregos nos próximos anos na América Latina e no Caribe, tanto para os trabalhadores qualificados quanto para os não qualificados, segundo novo relatório do Banco Mundial divulgado na quarta-feira (11) em Buenos Aires.

“Devemos adotar e promover a tecnologia e a inovação para acelerar o crescimento econômico e a redução da pobreza e ampliar as oportunidades disponíveis para todos, ao invés de criar barreiras”, afirmou Jorge Familiar, vice-presidente do Banco Mundial para a América Latina e Caribe. “Educação e treinamento de melhor qualidade são fundamentais para garantir que os jovens tirem o máximo proveito do mundo digital e estejam preparados para os empregos do futuro”.

Gianluigi Buffon, goleiro da Juventus, em foto de 2016. Foto: Wikimeadia Commons/Doha Stadium Plus Qatar (CC)

UNESCO e Juventus lançam concurso de fotografia sobre futebol

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e o clube italiano Juventus lançaram nesta semana um concurso de fotografias com o objetivo de retratar formas com as quais o futebol promove a inclusão, supera estereótipos e reverte discriminações.

Para participar do concurso, é necessário enviar uma fotografia retratando esse potencial do esporte, com uma mensagem de paz e tolerância. Os vencedores receberão prêmios e participarão de uma campanha em vídeo. As inscrições vão até 6 de maio.

Relator pediu diretrizes legais globais para proteger privacidade online. Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Relator da ONU pede ação conjunta dos países para proteger privacidade online

Ação internacional é necessária para proteger a privacidade no ciberespaço, disse o relator especial da ONU para o direito à privacidade ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas em Genebra, no início de março (6).

O relator enfatizou sua crença de que a comunidade global precisa tomar medidas urgentes para desenvolver uma estrutura legal clara e abrangente sobre privacidade e vigilância no ciberespaço, a fim de que o direito à privacidade seja respeitado dentro de cada país e além das fronteiras nacionais.

Abdias Nascimento na Câmara durante pronunciamento, convenção nacional do PDT. Tribuna da Câmara dos Deputados, 1982. Foto: Acervo Abdias Nascimento/IPEAFRO

Há 40 anos, livro de Abdias Nascimento denunciava violência contra população negra do Brasil

Quarenta anos depois, o livro de Abdias Nascimento – uma obra de referência no debate étnico-racial – é relançado para denunciar a violência contra a população negra no Brasil.

Falecido em 2011, aos 97 anos, Abdias deixou um legado de luta contra o racismo na literatura, na política e em muitos aspectos da sociedade brasileira. O ativista – que viveu exilado entre 68 e 81, durante a ditadura militar – foi senador, deputado, escultor, ator e fundador do Teatro Experimental do Negro.

Confira nesse vídeo especial do Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio).

Porto Alegre recebe ‘Virada Sustentável’ com apoio do PNUD

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) apoia a 3ª edição da Virada Sustentável de Porto Alegre (RS), que ocorre de sexta-feira (6) a domingo (8) com o tema educação e seus desafios na agenda de sustentabilidade. O evento terá debates e oficinas sobre redução das desigualdades, cidades resilientes, consumo responsável, água potável e saneamento, acesso à Justiça, empreendedorismo sustentável e ecogastronomia, tendo como base a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

Projeto Bem Diverso na comunidade do Alto do Rio Pardo de MG. Foto: Projeto Bem Diverso

Conferência discute direitos e desafios de comunidades tradicionais do norte de MG

Assim como os indígenas e quilombolas, as populações tradicionais do norte de Minas Gerais, conhecidas como “geraizeiros”, têm formas próprias de organização social, ocupação e manejo de territórios e recursos naturais, que são condição para sua reprodução cultural, social, religiosa, ancestral e econômica. O grupo utiliza conhecimentos, inovações e práticas gerados e transmitidos pela tradição.

Com o apoio do Projeto Bem Diverso, iniciativa do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) que capacita comunidades rurais para a produção sustentável, ocorre de 6 a 8 de abril em Catanduva, município de Vargem Grande do Rio Pardo (MG), a 5ª Conferência Geraizeira, que discutirá os desafios atuais e comuns a essas comunidades.

Festejos do Bumba meu boi no Maranhão. Foto: IPHAN/Edgar Rocha

Bumba meu boi dá 1º passo para se candidatar a patrimônio cultural da humanidade

Desde 2011, os festejos do Bumba meu boi no Maranhão são considerados patrimônio cultural do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Nesta quinta-feira (5), o organismo entregará um dossiê de candidatura dessa manifestação cultural ao Ministério das Relações Exteriores, para concorrer ao título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, concedido pela UNESCO.

Foto: UNAIDS/Bernardo Enoch

UNAIDS conclui curso de audiovisual para pessoas trans em São Paulo

Como parte das celebrações pelo Dia Internacional da Visibilidade Trans (31 de março), o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) concluiu no fim de março (28), em São Paulo, o curso “Luz, Câmera, #ZeroDiscriminação”, uma formação em audiovisual voltada exclusivamente para pessoas trans.

O objetivo do projeto foi contribuir para a redução do estigma e da discriminação em relação às pessoas trans e abrir espaços para que elas possam se apropriar das mídias sociais e de outras plataformas de audiovisual, fomentando o acesso a esse mercado de trabalho, tanto na frente quanto atrás das câmeras.

De acordo com a UNCTAD, metade dos países em desenvolvimento não tem leis de proteção à privacidade online. Foto: Flickr/SimonQ (CC)

ONU: metade dos países em desenvolvimento não tem leis de proteção à privacidade online

A principal agência da ONU para a economia da globalização disse na quarta-feira (28) que as preocupações com a privacidade levantadas após a revelação de que uma empresa de marketing político teve acesso a milhões de dados de usuários do Facebook sem seu consentimento “ilustra que a maior parte dos países não está bem preparada para a economia digital”.

Isso é ainda mais preocupante tendo em vista que cerca de 90% dos novos usuários de Internet nos últimos cinco anos vivem em países em desenvolvimento — metade dos quais não têm legislação para proteger sua privacidade, de acordo com a Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD).

Vencedores recebem prêmio em cerimônia promovida pela OIM em Buenos Aires. Foto: OIM

ONU premia jornalistas brasileiras por cobertura sobre migração e direitos humanos

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) reconheceu neste mês o trabalho de duas repórteres brasileiras, que participaram do Prêmio Sul-Americano de Jornalismo sobre Migração. Ângela Bastos, do Diário Catarinense, foi uma dos vencedores da premiação pela reportagem Fronteira Aberta, sobre migrantes e refugiados do Haiti, Senegal e Síria. Carolina Holland, do G1, recebeu menção honrosa por matéria sobre o desemprego entre mulheres haitianas em Cuiabá.

Aulas do projeto do UNAIDS aconteceram no Centro de Cidadania LGBT Luiz Carlos Ruas, em São Paulo. Foto: UNAIDS

Cerimônia nesta quarta-feira (28) em SP encerra curso de audiovisual para pessoas trans

Uma cerimônia em São Paulo marcará nesta quarta-feira (28) o encerramento do curso “Luz, Câmera, #ZeroDiscriminação”, uma formação em audiovisual voltada exclusivamente para pessoas trans promovida pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS).

O objetivo da formação é contribuir para a redução do estigma e da discriminação e abrir espaço nas mídias sociais e outras plataformas de audiovisual, fomentando o acesso a esse mercado de trabalho, tanto à frente como atrás das câmeras.

Langston Hughes, poeta e dramaturgo norte-americano. Foto: Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos

UNESCO homenageia escritor negro norte-americano em dia mundial da poesia

No Dia Mundial da Poesia, observado neste mês (21), a UNESCO celebrou a trajetória e os versos do norte-americano Langston Hughes, um dos expoentes do movimento literário e cultural conhecido como a Renascença do Harlem. Nesse bairro de Nova Iorque, artistas e intelectuais desenvolveram formas particulares de expressão e de reflexão durante os anos 1920 a fim de afirmar sua negritude na sociedade estadunidense.

Crianças de Cidade do Cabo, na África do Sul na década de 1980, quando o casamento inter-racial era ilegal no país. Foto: ONU

Em data contra discriminação racial, ONU pede promoção da tolerância e respeito à diversidade

Pessoas em todo o mundo estão sendo encorajadas pelo secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, a pensar em como podem promover melhor a tolerância, a inclusão e o respeito pela diversidade.

Apesar dos avanços, Guterres listou questões urgentes pendentes, como a desigualdade de gênero; o “aumento alarmante” da xenofobia, do racismo e da intolerância; e um ressurgimento dos partidos políticos de extrema-direita e dos pontos de vista neonazistas.

“De insultos e humilhações a crimes de ódio e massacres, das dificuldades de se obter acesso ao mercado de trabalho às práticas racistas institucionalizadas, a discriminação racial assume muitas formas, que às vezes são extremamente brutais, enquanto em outras são ocultas e dissimuladas”, acrescentou a chefe da UNESCO, Audrey Azoulay.

Foto: ONU Meio Ambiente/Bruno Bimbato

Metrô de Brasília ganha vagão especial em homenagem à preservação da água

Com o objetivo de promover a conscientização sobre o uso sustentável da água e incentivar o contato com a natureza, o ICMBio, a Embaixada do Canadá e a ONU Meio Ambiente, em parceria com o Metrô-DF, inauguraram vagão adesivado com informações sobre a importância da água e sobre o papel do Parque Nacional de Brasília para sua preservação, trazendo em forma de arte os importantes elementos da fauna e flora do Cerrado.

Jovens de todo o mundo de até 25 anos podem inscrever vídeos de até cinco minutos no Festival Plural+. Organizado pela Aliança de Civilizações das Nações Unidas (UNAOC) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM), o Festival busca vídeos criativos sobre inclusão social, migrantes, respeito à identidade, à diversidade e aos direitos humanos, bem como prevenção da xenofobia. Prazo é dia 3 de junho.

Abertas inscrições do Festival de Vídeo da ONU Plural+ para jovens de até 25 anos

Jovens de todo o mundo de até 25 anos podem inscrever vídeos de até cinco minutos no Festival Plural+. Organizado pela Aliança de Civilizações das Nações Unidas (UNAOC) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM), o Festival busca vídeos criativos sobre inclusão social, migrantes, respeito à identidade, à diversidade e aos direitos humanos, bem como prevenção da xenofobia. Prazo é dia 3 de junho.

Maratona digital na sede da UNESCO levou para a Wikipedia mais biografias de mulheres notáveis. Foto: UNESCO

UNESCO e Wikipédia se unem para contar histórias de mulheres notáveis em dia mundial

Atualmente, apenas uma em cada seis biografias publicadas na Wikipédia é sobre uma mulher. Para reverter esse desequilíbrio e chamar atenção para as desigualdades de gênero no universo digital, a UNESCO se uniu à plataforma de conhecimento e promoveu em sua sede, em Paris, uma maratona de edição de conteúdo.

Organizada para o Dia Internacional das Mulheres, lembrado neste 8 de março, a iniciativa busca levar para o portal mais histórias de mulheres cujas realizações nas áreas de cultura, educação e ciência são inegáveis.

Imagem: onuangola.org

Em parceria com Nações Unidas no Brasil, Sistema ONU em Angola lança novo portal

Sistema ONU em Angola lançou plataforma multimídia online com informações do trabalho da organização e parceiros no país africano; portal foi desenvolvido pelo Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio), com conteúdo fornecido pelo Escritório do Coordenador Residente da ONU em Angola.

Parceria entre a ONU em Angola e o UNIC Rio de Janeiro se insere em esforço global de promover uma maior cooperação entre os países lusófonos no compartilhamento de conhecimento e de informações essenciais sobre as Nações Unidas.

Manual aborda exportação de serviços e bens culturais levando em conta particularidades de diferentes segmentos da indústria criativa brasileira. Foto: Ministério da Cultura/UNESCO

UNESCO e governo brasileiro lançam manual de exportação de bens e serviços culturais

Publicação visa estimular empreendedores a levar a produção cultural brasileira para além das fronteiras do país. O documento abrange cinco áreas da indústria criativa — TV e Mídias Digitais, Cinema, Música, Games e Publicidade — e traz orientações sobre como se inserir no mercado global.

A publicação apresenta informações sobre acesso a mercados, exigência de vistos, regimes tributários, cobrança de taxas, necessidade de documentos adicionais, procedimentos e prazos de tramitação, modelos de contratos e feiras de negócios.

Aulas do projeto do UNAIDS aconteceram no Centro de Cidadania LGBT Luiz Carlos Ruas, em São Paulo. Foto: UNAIDS

Em São Paulo, UNAIDS começa formação em audiovisual para pessoas trans

Vinte pessoas trans começaram nesta semana (28), em São Paulo, uma formação em audiovisual promovida pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS). Com a capacitação, a agência da ONU quer estimular o ativismo em redes sociais pelo fim do estigma e da discriminação de cunho transfóbico. Outro objetivo é promover o acesso dos participantes ao mercado de trabalho de cinema, TV e produção de vídeo.

O concurso tem como objetivo selecionar vídeos que promovam uma reflexão sobre as comunidades afrodescendentes e a busca do pleno exercício de seus direitos. Foto: EBC

IberCultura Viva e UNESCO divulgam candidatos aprovados para próxima etapa de concurso de vídeos

O programa IberCultura Viva e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) divulgaram a lista final dos candidatos habilitados a seguir para a próxima etapa do concurso de curtas-metragens “Comunidades Afrodescendentes: Reconhecimento, Justiça e Desenvolvimento”.

Dos 132 vídeos inscritos, foram habilitados 90, sendo 57 do Brasil, 16 da Argentina, seis do Chile, três da Costa Rica, três do Equador, três do Uruguai, um do Peru, e um do México.

Malala Yousafzai é interpretada pela personagem Mônica na exposição da Maurício de Sousa Produções. Imagem: Maurício de Sousa Produções

Turma da Mônica apresenta histórias de grandes mulheres em exposição em São Paulo

A Maurício de Sousa Produções inaugurou nesta quarta-feira (28), em São Paulo, uma exposição que homenageia 18 mulheres notáveis da história recente da humanidade. Entre elas, a campeã de judô Rafaela Silva e a ativista e ganhadora do Prêmio Nobel da Paz, Malala Yousafzai. Personalidades são interpretadas por personagens da Turma da Mônica.

Mostra é inspirada pelo projeto Donas da Rua, uma parceria da Maurício de Sousa com a ONU Mulheres. Exposição faz parte da Semana de Arte global da campanha das Nações Unidas ElesPorElas.

Agência da ONU para Migrações, OIM, desenvolveu um aplicativo para ajudar migrantes de todo o mundo. De forma personalizada, o #MigApp envia notícias e alertas em função das necessidades e localização geográfica do migrante cadastrado – como programar sua viagem, se informar sobre visto e questões de saúde, comparar custos de remessa de dinheiro ao exterior, entre outras facilidades.

Agência da ONU lança aplicativo para apoiar migrantes em todo o mundo

Agência da ONU para Migrações, OIM, desenvolveu um aplicativo para ajudar migrantes de todo o mundo. De forma personalizada, o #MigApp envia notícias e alertas em função das necessidades e localização geográfica do migrante cadastrado – como programar sua viagem, se informar sobre visto e questões de saúde, comparar custos de remessa de dinheiro ao exterior, entre outras facilidades.

Acesse o aplicativo em www.iom.int/migapp.

#DesafioUNAIDS apresenta finalistas para votação do público

Tendo reunido mais de 30 criadores de conteúdo e influenciadores digitais e cerca de 1,1 milhão de visualizações dos vídeos produzidos para Youtube em dezembro, o #DesafioUNAIDS chega à sua etapa final para a escolha do favorito entre três vencedores.

Lançado em dezembro de 2017, o #DesafioUNAIDS buscou provocar o engajamento de youtubers e influenciadores digitais de públicos bem diversos para promover um debate informativo, descontraído e inusitado sobre HIV, AIDS, estigma e discriminação, com foco no alcance dos jovens.