Secretário-geral pede que funcionários da ONU ‘nunca desistam’ de enfrentar desafios globais

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

Na véspera do Dia das Nações Unidas, celebrado em 24 de outubro, o chefe da ONU, António Guterres, reafirmou a determinação do organismo internacional em implementar ações contra as mudanças climáticas e lutar por direitos humanos e pela paz.

Na véspera do Dia das Nações Unidas, celebrado em 24 de outubro, o chefe da ONU, António Guterres, pediu para homens e mulheres a serviço da Organização “nunca desistirem” de enfrentar os desafios do mundo. O secretário-geral reafirmou a determinação do organismo internacional em implementar ações contra as mudanças climáticas e lutar por direitos humanos e pela paz.

Em vídeo divulgado nesta terça-feira, Guterres disse que apesar dos obstáculos e das crescentes disparidades socioeconômicas, “nós não desistimos porque nós sabemos que ao reduzir a desigualdade, nós aumentamos a esperança, oportunidades e a paz ao redor do mundo”.

“No Dia das Nações Unidas, vamos reafirmar nosso comprometimento. Para reparar a confiança quebrada. Para curar nosso planeta. Para não deixar ninguém para trás. Para defender dignidade para um e para todos, como nações unidas”, acrescentou o secretário-geral.

O 24 de outubro marca o aniversário da entrada em vigor da Carta das Nações Unidas, em 1945. Com a ratificação do documento pela maioria de seus signatários, incluindo os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança, a ONU foi oficialmente criada.

Entre outubro e novembro, visitantes na sede da ONU em Nova Iorque podem ver uma mostra fotográfica chamada “People on the Move” (Pessoas em Deslocamento, em tradução livre para o português), exibida no Lobby de Visitantes do prédio da Assembleia Geral. A iniciativa faz parte das atividades para lembrar o Dia das Nações Unidas em 2018. A exibição captura momentos das últimas sete décadas em que milhões de indivíduos tiveram de migrar.

Leia abaixo a mensagem na íntegra:

Secretário-geral da ONU: mensagem para o Dia da ONU, 24 de outubro de 2018

“O Dia das Nações Unidas marca o aniversário da nossa Carta fundadora – o documento de referência que incorpora as esperanças, os sonhos e as aspirações de “nós, os povos”. Todos os dias, mulheres e homens das Nações Unidas trabalham para dar significado prático a essa Carta.

Apesar das adversidades e dos obstáculos, nunca desistimos. A pobreza extrema está sendo reduzida, mas vemos a desigualdade crescendo. No entanto, não desistimos porque sabemos que, ao reduzir a desigualdade, aumentamos a esperança, a oportunidade e a paz em todo o mundo.

A mudança climática está se movendo mais rápido do que nós, mas não desistimos porque sabemos que a ação climática é o único caminho. Direitos humanos estão sendo violados em muitos lugares. Mas não desistimos porque sabemos que o respeito pelos direitos humanos e pela dignidade humana são uma condição básica para a paz.

Os conflitos estão se multiplicando – as pessoas estão sofrendo. Mas não desistimos porque sabemos que todo homem, mulher e criança merecem uma vida de paz.

No Dia das Nações Unidas, vamos reafirmar nosso compromisso. Para restaurar a confiança quebrada. Para curar nosso planeta. Para não deixar ninguém para trás. Para manter a dignidade para todos e cada um, como nações unidas.”


Mais notícias de:

Comente

comentários