Secretário-geral da ONU nomeia holandês para chefiar coordenação humanitária no Haiti

Peter de Clercq trabalhou quase 30 anos na Agência da ONU para Refugiados. Tem experiência em operações de emergência e gestão de processos políticos.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, anunciou nesta segunda-feira (12) a nomeação do holandês Peter de Clercq como vice-representante especial para a Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (MINUSTAH). Ele também atuará como coordenador residente, coordenador humanitário e representante residente da ONU.

De Clercq substituiráo canadense Nigel Fisher, que concluiu seu mandato em julho de 2013. Atual conselheiro sênior para o representante especial do secretário-geral da ONU para a Somália (Missão de Assistência das Nações Unidas na Somália, UNSOM), de Clercq trabalhou por 27 anos para o Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR) desenvolvendo programas no Sudão, Zimbábue, Angola e Paquistão.

Segundo o porta-voz do secretário-geral da ONU, de Clercq “tem uma sólida experiência na gestão de processos políticos, no desenvolvimento do setor de segurança, em operações e gestão de emergências, proteção de civis e o Estado de direito, além de mobilização de assistência humanitária e de desenvolvimento”.