Projeto visa ao desenvolvimento sustentável das grotas de Maceió. Foto: ONU-Habitat

ONU-Habitat apoia debate online com lideranças comunitárias de Maceió (AL)

O Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) apoiou o debate online “Ouvindo as comunidades em tempos de pandemia: ocupações, grotas e bairros populares em Maceió”, realizado no início de junho (8) pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), com apoio do Instituto Ideal.

O evento discutiu como ocupações, grotas e bairros populares de Maceió estão vivendo a crise da COVID-19 e como a arquitetura e o urbanismo podem contribuir para a solução dos problemas durante e depois da pandemia.

Pabllo Vitar conversa com refugiado venezuelano Elvis Messias sobre os desafios da comunidade LGBTQIA+ especialmente no contexto da pandemia do novo coronavírus. Foto: Divulgação

Pabllo Vittar e Liberatum se unem ao ACNUR em apoio a refugiados e lançam vídeo

Como parte de projeto humanitário global e das celebrações do Dia Mundial do Refugiado, a organização internacional Liberatum lança na quarta-feira (24), em apoio à Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), um episódio em vídeo sobre os desafios de pessoas LGBTIQIA+ e refugiadas no Brasil e no mundo, especialmente em tempos de pandemia.

Em conversa com a drag queen e cantora Pabllo Vittar, o assistente de laboratório e refugiado venezuelano Elvis Messias fala sobre a realidade de seu país de origem, as barreiras que encontrou quando chegou ao Brasil e como o ACNUR contribuiu para que hoje tenha uma vida digna e já consiga ajudar outros em situação similar. Pabllo Vittar, por sua vez, conta e compartilha suas vivências como pessoa queer.

Jovens de todo o mundo estão sendo afetados pelos efeitos socioeconômicos da pandemia de COVID-19. Foto: Alexandra Koch/Pixabay

UNESCO participa de lançamento de pesquisa sobre reflexos da pandemia na juventude

O Conselho Nacional da Juventude (Conjuve), em parceria com a representação no Brasil da UNESCO, Fundação Roberto Marinho, Rede Conhecimento Social, Em Movimento, Visão Mundial, Mapa Educação e Porvir, lança nesta terça-feira (23), às 16h, a pesquisa “Juventudes e a Pandemia do Coronavírus”.

O estudo ouviu 33.688 jovens de todas as regiões do Brasil e apresentará dados inéditos sobre o tema. O evento virtual será transmitido ao vivo pela pelo Canal Futura no YouTube.

Produtores rurais, aterros sanitários e indústrias relacionadas à agropecuária podem produzir biogás. Foto: CIBiogás

UNIDO e Sebrae-PR lançam comunidade digital com artigos sobre biogás

A comunidade digital “Biogás Brasil”, desenvolvida pelo Sebrae-PR, foi lançada no âmbito do projeto GEF Biogás Brasil, que é implementado pela Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO) e coordenado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Objetivo da comunidade é promover um espaço colaborativo para a publicação de artigos de análise, notícias setoriais, informações sobre novas tecnologias e outros assuntos ligados ao biogás no Brasil.

Empreendedores, produtores rurais, pesquisadores, estudantes, gestores públicos e outros atores-chave do setor podem colaborar com artigos temáticos. A comunidade funciona como um blog e já conta com 16 publicações.

Conheça as ações realizadas pelo ACNUR para proteger refugiados da COVID-19 no Brasil

No Brasil, os efeitos da pandemia impõem desafios adicionais a um contexto já emergencial. Por isso, o ACNUR, Agência da ONU para Refugiados, intensificou seus esforços para frear a disseminação entre os refugiados e a comunidade que os acolhem.

Para responder à esta crise de saúde, o ACNUR e parceiros apoiaram a construção um hospital de campanha para COVID-19, distribuiu itens de emergência e informações seguras sobre a prevenção ao novo coronavírus, ofereceu auxílio financeiro emergencial e realocou refugiados para espaços seguros.

Renata Fernandes é moradora da comunidade Jundiaí Figueiras, no município de Orobó (PE). Foto: ANATER

Projeto de fomento produtivo melhora renda de agricultores familiares do Semiárido

Plantar. Colher. Sobreviver. Lutar. Sonhar. Esses verbos sempre fizeram parte da vida de Renata Fernandes, moradora da comunidade Jundiaí Figueiras, no município de Orobó (PE).

Ela é uma das agricultoras familiares beneficiadas pelo Projeto Dom Helder Câmara, ação financiada pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) das Nações Unidas em apoio ao desenvolvimento rural sustentável na região do Semiárido.

Com a pandemia, governos federal, estaduais e municipais tiveram que readequar normas e desenvolver estratégias para dar continuidade à entrega de alimentos a estudantes. Foto: Prefeitura do Rio de Janeiro

Entrega de alimentos a estudantes tem continuidade no Brasil durante a pandemia

Criado há mais de 60 anos, o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) apoia diariamente cerca de 42 milhões de estudantes da rede pública de ensino. Com a pandemia de COVID-19, governos federal, estaduais e municipais tiveram que readequar normas e desenvolver estratégias para dar continuidade à entrega de alimentos a milhões de alunos e alunas no país.

Para compartilhar experiências de execução do PNAE durante a suspensão das atividades escolares, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) no Brasil e a Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável promoveram webinar visto por mais de 4 mil pessoas na semana passada (18).

Williams com seu desenho sobre o que ele deseja para seu futuro no Brasil. Foto: ACNUR/ Allana Ferreira

Por meio da arte, venezuelanos revelam o que esperam de seu futuro no Brasil

Cores e palavras marcaram as produções artísticas feitas por refugiados e migrantes venezuelanos em celebração ao Dia Mundial do Refugiado (20 de junho) nos abrigos temporários das cidades de Boa Vista, Pacaraima (RR) e Manaus (AM).

A data homenageia a força, coragem e resiliência de milhões de pessoas que foram forçadas a se deslocar de suas cidades e países por causa de guerras, conflitos e perseguições, deixando sonhos e vidas para trás. Leia o relato da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

Site da campanha Verificado disponibiliza informações precisas e confiáveis sobre a COVID-19 em português

ONU lança versão brasileira de site de combate à desinformação

A iniciativa global das Nações Unidas para combater a desinformação durante a pandemia do novo coronavírus ganha hoje a sua versão brasileira. Com o objetivo de aumentar o volume e o alcance de informações precisas e confiáveis sobre a COVID-19, o site ‘Verificado’ disponibiliza conteúdo inteiramente em português e pode ser acessado pelo endereço compartilheverificado.com.br.

O site Verificado é liderado pelo Departamento de Comunicação Global (DCG) da ONU e traz dados, orientações e números relacionados ao novo coronavírus vindos de fontes seguras e confiáveis, graças a parcerias feitas pelas Nações Unidas com agências, influenciadores, sociedade civil, empresas e organizações de mídia.

Pesquisa revela sentimentos e preocupações de adolescentes do PR em relação à pandemia

Os dados divulgados pela enquete “E aí, como está a sua vida neste período de isolamento social?” demonstram que a pandemia da COVID-19 trouxe novos desafios, preocupações e sentimentos para o público jovem residente do oeste paranaense.

Os números mostram que 37% está com medo em relação à COVID-19. Entre as preocupações atuais se destacam a saúde de sua família (80%), o futuro (61%), e as violências dentro e fora de casa (19%).

A enquete foi realizada pelo projeto Prevenção e Redução da Gravidez Não Intencional na Adolescência nos Municípios do Oeste do Paraná, por meio de uma ação do UNFPA Brasil em parceria com a Itaipu Binacional.

Doação de equipamentos de proteção reforça segurança de agentes que atuam na Tríplice Fronteira em Foz do Iguaçu (PR). Foto: OIM

COVID-19: agentes que atuam na Tríplice Fronteira recebem equipamentos de proteção

Agentes públicos da Polícia Federal e da Secretaria de Saúde de Foz do Iguaçu (PR) que atuam na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai receberam esta semana uma doação de 80 termômetros infravermelhos e 2.160 máscaras N-95 para se proteger da COVID-19.

A doação foi feita pelo projeto de cooperação EUROFRONT, financiado pela União Europeia e implementado por Organização Internacional para as Migrações (OIM) e parceiros.

UNOPS comprou 25 ventiladores pulmonares que serão destinados a hospitais do estado de Rondônia. Foto: TRT14

UNOPS, MPT e TRT entregam 25 ventiladores pulmonares a hospitais em Rondônia

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) comprou 25 ventiladores pulmonares que serão destinados a hospitais de Rondônia. Os equipamentos foram entregues na quinta-feira (18) para fortalecer a resposta do estado à pandemia de COVID-19.

A compra foi realizada com recursos provenientes da atuação da Procuradoria Regional do Trabalho da 14ª Região, em ações civis públicas na Justiça do Trabalho e termos de ajuste de conduta firmados extrajudicialmente.

Cestas básicas, kits de higiene e de limpeza são distribuídos a famílias de pessoas refugiadas e migrantes em Boa Vista e Pacaraima (RR). Foto: UNFPA Brasil

Em parceria com SESC, UNFPA entrega 1 mil cestas básicas a refugiados e migrantes em Roraima

Em parceria com o Serviço Social do Comércio (SESC), o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) começou a entregar nesta sexta-feira (19) 1 mil cestas básicas e 700 kits de higiene a famílias de pessoas refugiadas e migrantes venezuelanas em Roraima.

O objetivo é ajudar a minimizar o impacto da pandemia de COVID-19 entre esses grupos, que se encontram em situação de vulnerabilidade, além de oferecer produtos que os auxiliem a se proteger da doença, como sabonetes e álcool em gel.

Wilhelm, Ericka e Vilfredo Schurmann seguem confinados num veleiro nas Ilhas Falkland. Foto: Família Schurmann

Família Schurmann adota lições do mar para enfrentar o distanciamento social e inspira brasileiros

Defensora da campanha Mares Limpos do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), a Família Schurmann usa a experiência de 36 anos de expedições pelos mares para enfrentar os desafios do distanciamento social.

Paciência, resolução rápida de conflitos e divisão de tarefas nas atividades do dia a dia são algumas das estratégias que podem ser incorporadas por todos no atual cenário da pandemia de COVID-19.

Segundo dados de 2014 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), negros e negras, o que inclui pardos e pretos, compõem 53,6% da população brasileira.

Nove em cada dez brasileiros dizem que negros têm mais chance de serem abordados de forma violenta pela polícia

O primeiro webinário Fórum Data Favela, com a organização da Central Única das Favelas (CUFA), do Instituto Locomotiva e da UNESCO no Brasil, apresentou na quarta-feira (17) dados inéditos da pesquisa “As Faces do Racismo”.

O levantamento aponta as desigualdades que os negros enfrentam para entrar no mercado de trabalho e para ter acesso e oportunidades de estudo. Também revela que nove em cada dez brasileiros reconhecem que pessoas negras têm mais chance de serem abordados de forma violenta pela polícia.

PNUD apoia universalização da cobertura de esgoto no Mato Grosso do Sul

Com vistas à universalização da cobertura de esgoto no Mato Grosso do Sul, o governo do estado abriu na segunda-feira (15) licitação pública para Parceria Público-Privada (PPP) da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) na modalidade de concessão administrativa.

A licitação é resultado de um longo processo de trabalho, que teve início em 2016, quando o governo do estado e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) firmaram acordo de cooperação técnica.

Os equipamentos foram entregues ao Hospital Regional São José – Homero de Miranda Gomes (HRSJ), o maior hospital público do estado, e ao Hospital Nereu Ramos, na Grande Florianópolis. Foto: HRSM

UNOPS e MPT compram R$200 mil em equipamentos médicos para resposta à pandemia em SC

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) adquiriu equipamentos e insumos médicos para o enfrentamento à COVID-19 em Santa Catarina.

O investimento de aproximadamente 200 mil reais foi destinada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), proveniente de multas aplicadas pelo órgão.

Os equipamentos foram entregues ao Hospital Regional São José – Homero de Miranda Gomes (HRSJ), o maior hospital público do estado, e ao Hospital Nereu Ramos, na Grande Florianópolis.

Visita de atendimento do programa Criança Feliz - Foto: Mauro Vieira/Ministério da Cidadania

Agências da ONU fortalecem capacidade de visitadores familiares em meio à pandemia

Para apoiar o Programa Criança Feliz no contexto da pandemia, agências do Sistema ONU estão desenvolvendo uma série de conteúdos para fortalecer o trabalho dos visitadores familiares do programa.

Toda semana, esses profissionais recebem vídeos, podcasts e conteúdos informativos com foco em temas como saúde emocional familiar e os cuidados parentais; ansiedade infantil; entre outros.

O Criança Feliz, que teve início em 2016, é uma política pública com foco no desenvolvimento adequado na primeira infância e articula um trabalho entre os setores de saúde, assistência social, educação, justiça, cultura e direitos humanos. Leia o relato do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

Vencedores do Hackcovid-19 apresentam soluções inovadoras para enfrentar pandemia

Quatro soluções inovadoras com potencial de contribuir para o enfrentamento da pandemia de COVID-19 venceram o Hackcovid-19. Conheça as propostas de cada um dos vencedores do troféu #CientistasPelaVida, três deles na categoria geral e um na categoria computacional.

O hackaton reuniu 983 participantes em uma maratona virtual de programação, ocorrida em maio. A iniciativa é do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, da Fundação Oswaldo Cruz, e do Laboratório Nacional de Computação Científica com apoio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Plantação de cana-de-açúcar. Foto: JamesDeMers

Projeto brasileiro usa palha da cana-de-açúcar para gerar energia renovável

Um projeto desenvolvido no Brasil com a palha da cana-de-açúcar para gerar energia renovável é candidato a um prêmio de inovação promovido pelo Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF).

O Projeto SUCRE, gerido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, visa reduzir as emissões dos gases de efeito estufa por meio da geração de energia renovável, com aumento do uso de palha de cana, antes considerada “resíduo”, para complementar o bagaço já utilizado nas usinas.

Especialistas discutem desafios enfrentados pelos adolescentes durante a pandemia

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e Itaipu Binacional realizarão nesta quinta-feira (18), às 15h, o primeiro webinário da série “Tá no Rumo: Traçando Caminhos” focado na vivência de adolescentes durante a pandemia. Temas como trabalho, relações sociais, autocuidado, saúde mental e outros aspectos ligados à construção dos planos de vida desses jovens irão compor a programação.

A primeira edição terá a participação de Werika Amaral, adolescente e estudante secundarista; Vinicius Ortiz, coordenador do Programa de Iniciação e Incentivo ao Trabalho da Itaipu Binacional; Rosângela Gouveia, coordenadora do Centro da Juventude e Convivência; Jomar Vieira Rocha, professor do município de Cascavel; e Vinícius Monteiro, oficial para População e Desenvolvimento do UNFPA Brasil. A mediação será de Cintia Cruz, coordenadora local do projeto Prevenção e Redução da Gravidez Não Intencional na Adolescência nos Municípios do Oeste do Paraná.

Uma vez que os cartões cheguem até os beneficiários, eles poderão utilizar os recursos em qualquer loja, desde que o uso seja feito para compra de produtos de primeira necessidade. Foto: WFP

WFP e Carrefour unem-se em campanha para apoiar famílias brasileiras afetadas pela pandemia

O Centro de Excelência contra a Fome do Programa Mundial de Alimentos (WFP) firmou parceria com o Grupo Carrefour Brasil para a campanha Compra Solidária, que pretende arrecadar recursos para ajudar famílias afetadas pela pandemia com a distribuição de cartões de vale-alimentação.

Parte das doações será entregue ao WFP, que por sua vez irá coordenar a distribuição dos cartões em 13 capitais e regiões metropolitanas.

UNESCO lamenta incêndio no prédio do Museu de História Natural da UFMG

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil lamentou o incêndio que atingiu o Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG (MHNJB/UFMG) na manhã de segunda-feira (15) e manifestou solidariedade diante da perda inestimável para o patrimônio cultural brasileiro e para a humanidade.

O museu está instalado em uma área de vegetação típica da Mata Atlântica, em Belo Horizonte (MG), e dispõe de um acervo formado por aproximadamente 265,6 mil itens, entre peças e espécimes científicos preservados e vivos, além de vasta documentação bibliográfica e arquivística.

OIM apoia prefeitura de Manaus no acolhimento seguro de indígenas venezuelanos

Neste momento de pandemia, a Organização Internacional para as Migrações (OIM) em Manaus está apoiando a Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) a manter os indígenas Warao protegidos contra os riscos da COVID-19. Alimentação, doação de itens de higiene e apoio técnico estão entre as ações realizadas.

A OIM apoia na alimentação de mais da metade dos indígenas acolhidos na capital amazonense tendo entregado quase 16 mil refeições desde o início das ações em abril. Atualmente, já são 400 almoços diários distribuídos entre três locais de abrigamento, incluindo a escola municipal Valdir Garcia, destinada a abrigar apenas casos suspeitos e confirmados do novo coranavírus. O objetivo é oferecer alimentação balanceada, inclusive para crianças e idosos, e ajudar a fortalecer a imunidade dos indígenas.

Arte: Claudius Ceccon

UNICEF e parceiros lançam cartilha sobre vacinação durante a pandemia

A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) lançaram na semana passada (13) a cartilha digital “Pandemia da COVID-19: o que muda na rotina das imunizações”.

O material é parte da campanha “Vacinação em dia, mesmo na pandemia”, que tem como objetivo conscientizar especialistas e o público em geral sobre a importância de não deixar de se vacinar. A iniciativa inclui ações uma variedade de ações e conteúdos digitais.

Artesãos do Piauí produzem máscaras faciais para proteção contra o novo coronavírus. Foto: Luiz Carlos Vieira

Ações da sociedade civil são essenciais na resposta à pandemia de COVID-19, dizem especialistas

A mobilização e a atuação da sociedade civil têm se destacado como estratégia essencial para o combate dos efeitos da pandemia de COVID-19, não apenas na área sanitária, como também econômica, social e cultural.

A conclusão é de palestrantes reunidos online na quarta-feira (10) a convite do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), em debate que abordou estratégias de mobilização social na resposta à doença.

Está em andamento uma série de pesquisas para desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus. Foto: Unplash

OPAS apoia MS em plano para ajustar distanciamento social e restrição de viagens no estado

O governo do Mato Grosso do Sul e a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) estão trabalhando juntos na elaboração de um plano e de critérios para ajuste de medidas não farmacológicas, como distanciamento social e restrição de viagens, para resposta à COVID-19 no estado.

A OPAS tem elaborado uma série de ferramentas, em apoio ao Ministério da Saúde, para auxiliar os governos na tomada de decisão sobre essas ações – incluindo indicadores.

Ferramenta permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela OMS para tratar efeitos da COVID-19. Foto: UNOPS

Ferramenta permite comparar preços de medicamentos para os efeitos da COVID-19

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) apresentou nesta segunda-feira (15) o Observatório Regional de Preços de Medicamentos durante evento online transmitido para a América Latina e o Caribe.

A plataforma virtual pode ser acessada em observatorio.unops.org. Ela permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para tratar os efeitos da COVID-19. Também estão incluídos medicamentos que se encontram em fase de testes.

A iniciativa conjunta estimula o desenvolvimento de regiões rurais em 58 municípios do estado. Foto: Governo do Piauí

Novo projeto de desenvolvimento agrícola no Piauí prevê investimentos de R$600 milhões

A primeira missão de supervisão do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), totalmente remota, realizada em parceria com o governo do Piauí, encerrou suas atividades na sexta-feira (12). A expectativa é de renovação da colaboração, com o anúncio de um projeto mais amplo, o Piauí Sustentável e Produtivo.

Além de dar continuidade ao Projeto Viva o Semiárido, com ações na área da agricultura familiar, o programa irá inserir eixos relacionados à infraestrutura hídrica e ações ambientais, com o investimento no valor de aproximadamente 600 milhões de reais.

Refugiados e migrantes venezuelanos indígenas Warao são realocados para um espaço seguro em Manaus (AM) durante a pandemia de COVID-19. Foto: ACNUR/Felipe Irnaldo

ACNUR e parceiros promovem agenda nacional para celebrar Dia Mundial do Refugiado

Atividades artísticas e de entretenimento com a população refugiada, eventos virtuais nas redes sociais e a divulgação das tendências sobre o deslocamento forçado no mundo marcam, neste ano, as celebrações em torno do Dia Mundial do Refugiado (20 de junho) no Brasil.

A agenda está sendo organizada pela Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e seus parceiros. O governo brasileiro estima que o Brasil tem cerca de 43 mil pessoas reconhecidas como refugiadas de mais de 50 nacionalidades, além de quase 300 mil solicitantes de refúgio.

Ação de voluntariado apoiada pelo UNAIDS ajuda pessoas vivendo com HIV na América Latina em meio à pandemia. Foto: UNAIDS

COVID-19: movimento de mulheres apoia pessoas vivendo com HIV em países latino-americanos

A Estratégia de Voluntariado das Américas foi lançada pelo Movimento de Mulheres Positivas da América Latina e do Caribe (MLCM+) com apoio de escritórios do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) na América Latina e o Caribe.

Até o momento, a iniciativa está presente em 17 países da região, com 850 voluntários e mais de 3 mil pedidos de ajuda. Tais pedidos referem-se principalmente à necessidade de medicamentos, alimentos e métodos de prevenção.

No Brasil, eles se articularam com UNAIDS e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) através do Movimento Nacional das Cidadãs Posithivas (MNCP).

Foto: Agência Brasil/Valter Campanato

Trabalho infantil na pandemia pode impedir retorno de crianças à escola

A pandemia de COVID-19 traz, como efeito secundário, o risco de aumento do trabalho infantil no Brasil. Com as escolas fechadas para prevenir a transmissão do vírus e a pobreza se acentuando, o trabalho pode parecer, equivocadamente, uma forma de meninas e meninos ajudarem suas famílias.

Mas ele impacta o desenvolvimento físico e emocional das crianças e pode impedir a continuidade da educação, reproduzindo ciclos de pobreza nas famílias – além de ser porta de entrada para uma série de outras violações de direitos, como a violência sexual. O alerta é do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Participe da pesquisa sobre os impactos da COVID-19 nos setores culturais e criativos do Brasil

No dia 10 de junho, um grupo formado por pesquisadores, sociedade civil, instituições e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) lançou uma pesquisa para avaliar os impactos da COVID-19 nas cadeias de produção e distribuição dos setores culturais e criativos.

Juntos, esses setores movimentam R$ 171,5 bilhões por ano, o equivalente a 2,61% de toda a riqueza nacional, empregando 837,2 mil profissionais. Antes da pandemia, era previsto que os setores culturais e criativos gerassem R$ 43,7 bilhões para o PIB brasileiro, até 2021. Duramente atingidos, praticantes, empreendedores, artistas e trabalhadores desses setores serão os últimos a retomarem suas atividades.

Conselheiros tutelares em Roraima recebem kit com máscaras e álcool em gel

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) em parceria com a Associação Voluntários para o Serviço Internacional (AVSI) entregam kits com máscaras, luvas e álcool em gel para conselheiros tutelares do estado de Roraima.

Sob o lema “Proteger-se para proteger as crianças”, 85 profissionais do estado distribuirão os kits e poderão, assim, continuar a trabalhar pelas crianças e adolescentes. Representantes dos conselhos de Boa Vista, Pacaraima e Cacacaraí participaram e receberam os materiais em nome dos profissionais dos 17 Conselhos Tutelares do estado, numa cerimônia de entrega simbólica no centro da cidade.

Tia Rô recebe ligações de voluntários do projeto Histórias por Telefone, no Rio de Janeiro - Foto: arquivo pessoal

In Rio de Janeiro, reading project connects people during the pandemic

Every week, Cristina Ávila, 45, picks up her phone in the neighborhood of Anil, in Rio de Janeiro, Brazil, and dials phone numbers that she’d never called before. Meanwhile, every week in Cidade de Deus, a neighborhood in the northern region of the city, the phone of Rosângela Oliveira – or Aunt Rô –, 62, receives a call from someone whose voice she does not recognize.

Just over a month ago, people who have never ever exchanged words before now come together through stories and poetry that are shared over the phone, forming connections that started in Rio de Janeiro and that today extend to the African continent – with Brazilians that reside in Kenya receiving calls.

This is how the Stories by Phone project, promoted by the Secretary of Culture and Creative Economy of the State of Rio de Janeiro, is proposing that people feel less alone in the midst of social isolation, caused by the new coronavirus pandemic.