Policial apoia mulher vítima de violência doméstica. Foto: Jackson Cardoso

Agência da ONU promove debate em Brasília sobre policiamento comunitário

No contexto do 12º Encontro do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) promove Workshop Internacional sobre Uso da Força, Democracia e Policiamento Comunitário: Experiências Comparadas de Monitoramento do Uso da Força no Brasil e Uruguai, no próximo dia 20, às 9h, na Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (Finatec/UnB), em Brasília (DF).

Cartaz de Mulheres Divinas

Consulado da Suíça no Rio exibe filme sobre a luta das mulheres pelo direito de votar; participe

O Consulado Geral da Suíça no Rio de Janeiro, com apoio do Centro de Informação das Nações Unidas no Brasil (UNIC Rio), realiza neste sábado (18) às 15h, no teatro do Centro Cultural Correios, a apresentação do filme suíço “Mulheres Divinas”, que narra a campanha das mulheres suíças pelo direito ao voto nos anos 1970.

A entrada é franca, com espaço sujeito à lotação (200 lugares).

Comemoração do Dia Mundial Humanitário na ONU no Rio de Janeiro. Foto: UNIC Rio/Brenno Felix

Livro e documentário sobre Sergio Vieira de Mello são lançados no Rio

A contribuição do diplomata brasileiro Sergio Vieira de Mello para os direitos humanos e o trabalho humanitário globalmente foi tema do livro e do documentário “Sergio Vieira de Mello: o legado de um herói brasileiro”, lançados nesta quinta-feira (16) no Rio de Janeiro.

Morto em 19 de agosto de 2003, em um atentado terrorista em Bagdá, Sergio Vieira de Mello atuou durante mais de 30 anos nas Nações Unidas, tendo como última função o cargo de alto-comissário da ONU para os direitos humanos e de chefe da missão da Organização no Iraque.

A data da morte do diplomata foi escolhida pela ONU como o Dia Mundial Humanitário, lembrado anualmente.

Caritas São Paulo e ACNUR promovem primeiro atendimento com venezuelanos recém-interiorizados na sede da organização. Foto: CASP/NiltonCarvalho.

Parceira da ONU, organização Cáritas atende venezuelanos em São Paulo

O Centro de Referência para Refugiados da Cáritas Arquidiocesana de São Paulo (CASP) realizou na última semana o atendimento de cadastro inicial aos venezuelanos que chegaram à capital paulista na quinta etapa do processo de interiorização do governo federal, realizada no fim de julho (24).

Assim como no caso dos demais grupos interiorizados, o atendimento de cadastro inicial teve apoio da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR). Os venezuelanos se cadastraram para tirar dúvidas sobre documentação e obter informações sobre serviços que o centro de referência oferece às pessoas em situação de refúgio.

O envelhecimento populacional é um fenômeno mundial e, em países em desenvolvimento, como o Brasil, vem ocorrendo muito rapidamente. Foto: EBC

Demografia econômica e envelhecimento populacional no Brasil é tema de seminário no DF

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão promovem na segunda-feira (20) em Brasília (DF) o seminário “Demografia Econômica e Envelhecimento Populacional no Brasil: Desafios e perspectivas para políticas públicas”.

O objetivo é refletir sobre o envelhecimento populacional e discutir, a partir do diagnóstico sobre da rápida transformação demográfica do Brasil, as inter-relações desse movimento populacional com economia, planejamento e políticas públicas.

Fundo de População da ONU apresenta campanha em congresso paulista de ginecologia e obstetrícia

O Fundo de População da Nações Unidas (UNFPA) apresentará no fim de agosto durante o 23º Congresso Paulista de Ginecologia e Obstetrícia, em São Paulo (SP), a campanha “Ela Decide”, focada no empoderamento de jovens e mulheres.

Painel no congresso terá diálogos entre profissionais da saúde e jovens com o objetivo de ampliar o entendimento sobre desafios específicos no campo da saúde sexual e dos direitos reprodutivos.

Sobrepeso e obesidade têm crescido nos países latino-americanos e caribenhos, alertam agências da ONU. Foto: EBC

Debate no Rio discute políticas públicas para conter desperdício de alimentos e obesidade

Melhorar cultivo, acesso e consumo dos alimentos, reinventando a forma com a qual a população brasileira enxerga a alimentação, é um dos focos no combate ao desperdício e à má nutrição, disse o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), José Graziano da Silva, em mensagem por vídeo transmitida na segunda-feira (13) durante debate no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

Mudanças climáticas causadas pelos humanos podem ser irreversíveis. Foto: Banco Mundial/L. Aliu

Pacto Global divulga plataforma para o setor privado sobre adaptação às mudanças climáticas

Em evento que reuniu lideranças empresariais e gestores de sustentabilidade na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), a Rede Brasil do Pacto Global da ONU apresentou neste mês (10) a Plataforma AdaptaClima. O projeto do Ministério do Meio Ambiente difunde informações sobre o combate às mudanças climáticas, conscientizando sobre riscos aos negócios e novas oportunidades produtivas.

Criança e avó no interior do Rio Grande do Norte. Foto: Mariana Ceratti/Banco Mundial

UNICEF: 6 em cada 10 crianças e adolescentes brasileiros vivem na pobreza

Estudo lançado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) nesta terça-feira (14) mostrou que 61% das crianças e dos adolescentes brasileiros são afetados pela pobreza, em suas múltiplas dimensões.

De acordo com o levantamento, a pobreza na infância e na adolescência vai além da renda, sendo necessário observar o conjunto de privações de direitos a que meninas e meninos são submetidos. O estudo analisou o acesso a educação, informação, proteção contra o trabalho infantil, moradia, água e saneamento.

Centro de atenção materna em La Paz, Honduras. Foto: OPAS

Agência da ONU divulga guias para profissionais de saúde tratarem hemorragias no pós-parto

Nas Américas, a hemorragia no pós-parto é uma das maiores causas de mortalidade materna. No Brasil, em algumas regiões, a taxa chega a 300 óbitos de gestantes para cada 100 mil nascidos vivos. Para diminuir o número de falecimentos entre as mães de recém-nascidos, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) lançou recentemente dois guias para gestores e profissionais de saúde, com orientações sobre sangramentos após o nascimento dos bebês.

No campo de Nduta, na Tanzânia, vivem 125 mil refugiados burundineses. Como há carência de salas de aula, as crianças estudam embaixo de árvores. Há uma professora para cada 200 alunos. Só 7% do apelo humanitário do ACNUR para 2017 foi financiado. Foto: ACNUR/Georgina Goodwin

Agência da ONU inaugura exposição no Rio sobre refúgio e migração forçada

A Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) inaugura na próxima quarta-feira (15) a mostra “Faces do Refúgio”, que leva para o Centro Cultural dos Correios 52 fotografias sobre migrações forçadas. Essa é a primeira vez em que a exposição desembarca na capital fluminense. Iniciativa aborda as principais crises de deslocamento da atualidade, em países como Síria, Sudão do Sul, República Democrática do Congo e Mianmar.

O Centro de Excelência contra a Fome contribuiu para mudar o entendimento de governos de cerca de 30 países sobre o potencial da alimentação escolar. Foto: Jaelson Lucas/SMCS

Centro da ONU diz que Brasil é modelo para promover alimentação escolar na África

O Brasil tem sido o “espelho” para países africanos que querem implementar programas próprios de alimentação escolar. A avaliação é do diretor do Centro de Excelência contra a Fome, Daniel Balaban, que participou na semana passada (8), em Brasília, de uma oficina com a Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Encontro debateu os rumos da cooperação entre as instituições.

Mulheres representam 20% da mão de obra do setor agrícola na América Latina e Caribe. Foto: Banco Mundial/Romel Simon

No Rio, Consulado do México e ONU debatem participação da mulher na política e educação

O Consulado Geral do México no Rio de Janeiro, com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU) no Brasil, promove nesta terça-feira (14), às 16h, no Centro Cultural dos Correios, o debate “Os desafios da mulher na participação de uma vida política e educativa plena”.

O evento terá como palestrantes Nadine Gasman, representante da ONU Mulheres no Brasil, Telma Marques Taurepang, integrante da União das Mulheres Indígenas da Amazônia Brasileira (UMIAB), e Linda Marina Munive, consulesa-geral do México.

A entrada é franca, com espaço sujeito à lotação (40 lugares).

Cocaína foi encontrada em contêiner que seguiria para a Europa. Foto: Receita Federal

Com apoio da ONU, Receita Federal apreende mais de meia tonelada de cocaína em Santos

No Porto de Santos, o maior do Brasil, a Alfândega da Receita Federal apreendeu na última quarta-feira (8) 558kg de cocaína. A droga foi encontrada num contêiner com destino ao ancoradouro de Antuérpia, na Bélgica. Desde 2017, a aduana brasileira conta com o apoio do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) para treinar funcionários e aprimorar a fiscalização de cargas.

A ONU Brasil realiza até setembro exposição no Rio com obras do artista paulistano Otávio Roth, que em 1978 criou e imprimiu xilogravuras que ilustram os trinta artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Foto: UNIC Rio/Pedro Andrade

Exposição no Rio reafirma importância da Declaração dos Direitos Humanos 70 anos após adoção

Ao completar 70 anos, a Declaração Universal dos Direitos Humanos permanece necessária e atual em um mundo marcado por crescentes conflitos, desigualdades sociais, racismo, deslocamento forçado e violência, especialmente contra ativistas.

A avaliação é de diplomatas, representantes do Sistema ONU e de organizações da sociedade civil presentes na abertura da exposição de xilogravuras do artista plástico brasileiro Otávio Roth, na quarta-feira (8), no Rio de Janeiro. A exposição fica no Centro Cultural Correios até 9 de setembro.

Da esquerda para direita, Nathalia Bezerra, Sabrina Lisboa, Jaqueline Soares, Luna Lomonaco, Ethel Wilhelm, Angelica Vieira e Fernanda Cruz, vencedoras da edição 2018 do prêmio "Para Mulheres na Ciência". Foto: Prêmio Para Mulheres na Ciência

Prêmio da UNESCO sobre mulheres na ciência anuncia vencedoras

Promover qualidade de vida para pacientes idosos em tratamento de câncer, usar a pedra-sabão como solução para aperfeiçoar próteses ortopédicas e dentárias, buscar uma alimentação correta para evitar a resistência das bactérias a antibióticos. Esses são alguns dos temas pesquisados pelas sete vencedoras da 13ª edição do “Para Mulheres na Ciência”, premiação da L’Oréal Brasil em parceria com a UNESCO e a Academia Brasileira de Ciências (ABC).

Hindou Ibrahim defende direito à migração dos povos indígenas que praticam o nomadismo. Foto: Associação para as Mulheres e Povos Indígenas do Chade

Sem acesso a recursos naturais, não temos uma identidade, afirma ativista indígena do Chade

“Se não pudermos acessar e proteger nossos recursos naturais e o meio ambiente, não temos uma identidade e não temos orgulho”. É assim que a ativista indígena Hindou Ibrahim, da etnia Mbororo, do Chade, descreve a privação de direitos, terras e modos de vida tradicionais, um problema que ameaça culturas e povos originários de diferentes partes do mundo.

Em entrevista à ONU Meio Ambiente, para o 9 de agosto, Dia Internacional dos Povos Indígenas, a militante defende o reconhecimento de práticas ancestrais, como a migração nômade.

O brasileiro Sergio Vieira de Mello em uma de suas últimas reuniões na ONU em Nova York, em julho de 2003. Foto: ONU/Mark Garten

Livro e documentário contam trajetória do diplomata brasileiro Sergio Vieira de Mello

Em meio às homenagens pelos 15 anos da morte de Sergio Vieira de Mello, a ZAZ Produções lança na quinta-feira (16), no Palácio do Itamaraty, no Rio de Janeiro, livro e documentário sobre a trajetória do diplomata brasileiro.

O lançamento da obra “Sergio Vieira de Mello: o legado de um herói brasileiro” tem o apoio do Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio).

Evento de abertura da terceira edição do Empoderando Refugiadas. Foto: Pacto Global/Fellipe Abreu

ONU e setor privado promovem integração de refugiadas no mercado de trabalho brasileiro

Teve início na quinta-feira (8), em São Paulo, a terceira edição do Empoderando Refugiadas, um projeto das Nações Unidas para promover a inserção de mulheres refugiadas no mercado de trabalho brasileiro. A iniciativa deverá atender 50 estrangeiras, que participarão de oito sessões de coaching e quatro workshops sobre carreira e empregabilidade. Programa tem apoio da ABN AMBO, Carrefour, Facebook, Pfizer, Renner e Sodexo.

Erradicação da pobreza é o Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS) número 1. Foto: EBC

Conferência regional em Lima discute formas de combater a desigualdade e pôr fim à pobreza

A terceira reunião da Conferência Regional sobre População e Desenvolvimento da América Latina e do Caribe ocorre até quinta-feira (9) em Lima, no Peru, com um renovado compromisso dos países com a implementação do Consenso de Montevidéu, assim como o chamado a intensificar o combate à desigualdade e o impulso à erradicação da pobreza.

Durante o encontro, organizado pela CEPAL e pelo governo do Peru, com o apoio do UNFPA, os países da região apresentarão relatórios voluntários sobre o avanço nacional na implementação do Consenso de Montevidéu.

O encontro entre as duas iniciativas teve o objetivo de promover uma cultura de paz entre jovens e adolescentes, pautando-se em princípios de solidariedade, de tolerância, do respeito à vida, aos direitos individuais e ao pluralismo. Foto: UNODC

Agência da ONU e projeto Embaixada da Paz discutem ações conjuntas

Jovens participantes do Programa Embaixadores da Juventude, iniciativa do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) para promover o empoderamento de jovens dentro do contexto da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, reuniram-se em Brasília (DF) no início de agosto com representantes do projeto Embaixada da Paz.

A Embaixada da Paz tem o objetivo de incentivar a construção da paz em comunidades como ferramenta essencial para a redução da violência em escala global, por meio do fortalecimento de vínculos comunitários.

Já o Programa Embaixadores da Juventude, lançado em 2016 pelo UNODC em parceria com o Instituto Caixa Seguradora, é uma iniciativa que busca capacitar jovens entre 18 e 25 anos para atuarem como multiplicadores dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) em espaços sociais e políticos.

Gestante. Foto: PEXELS

Fundo de População da ONU apresenta a campanha Ela Decide para ginecologistas e obstetras no RN

Tem início na quinta-feira (9) a 31ª Jornada de Ginecologia e Obstetrícia do Rio Grande do Norte. Evento reunirá especialistas para debater igualdade de gênero, depressão pós-parto, ginecologia na infância e adolescência e violência contra as mulheres. O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) apresentará no fórum a campanha Ela Decide, uma iniciativa em prol do empoderamento de jovens e mulheres.

UERJ recebe até 24 de setembro inscrições para 7º Festival Curta

A Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) recebe até 24 de setembro inscrições para seu 7º Festival Curta, que em 2018 lembra o aniversário de 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. O concurso é apoiado pelo Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio).

Poderão ser inscritos vídeos com duração máxima de 10 minutos sobre avanços e desafios de direitos humanos. Os curtas devem abordar maneiras de os direitos humanos serem respeitados no dia a dia, iniciativas da sociedade, das escolas e dos governos para ampliar a conscientização sobre a Declaração, entre outros assuntos. Saiba como se inscrever.

Seminário discutiu políticas públicas e projetos para habitação de interesse social e urbanização dos espaços urbanos das cidades do estado de Alagoas. Foto: EBC

ONU-Habitat promove seminário em Maceió sobre habitação de interesse social

O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT) realizou no fim de julho (25), em parceria com o Governo de Alagoas, evento em Maceió (AL) sobre políticas públicas e projetos para habitação de interesse social e urbanização dos espaços urbanos das cidades do estado.

O “Seminário Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social: Desafios e Estratégias para Acesso à Moradia Adequada em Alagoas” foi realizado por intermédio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (SEINFRA) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Alagoas (CAU-AL).

Selo do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) reconhece qualidade nos serviços de saúde oferecidos a adolescentes no DF. Foto: EBC

UNFPA divulga lista de ações em saúde selecionadas para segunda etapa de selo de qualidade

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) divulgou na segunda-feira (6) a lista de 26 ações e serviços de saúde selecionados para a segunda etapa do selo “Chega Mais”, que reconhece e incentiva atendimento de qualidade para adolescentes do Distrito Federal (DF).

O selo avalia se os serviços em saúde reconhecem a saúde sexual e reprodutiva como parte integral dos direitos humanos e seu exercício sendo fundamental para usufruir de outros direitos fundamentais.

Seleção de Angola posa para a foto com o troféu de campeã da etapa Rio de Janeiro da Copa dos Refugiados 2018. Foto: ACNUR/MiguelPachioni

Angola vence etapa Rio de Janeiro da Copa dos Refugiados

A equipe de Angola venceu no último final de semana (4) a etapa carioca da Copa dos Refugiados 2018. Inédito no Rio de Janeiro, o torneio foi realizado pela ONG África do Coração com o apoio da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR). Campeonato teve a participação de 150 jogadores refugiados e migrantes, que representaram, além do Estado angolano, Guiné-Bissau, Haiti, República Democrática do Congo, Senegal, Síria, Venezuela e Colômbia.

O artista brasileiro Otávio Roth cumprimenta o então secretário-geral das Nações Unidas, Kurt Waldheim, no lançamento da série de 30 xilogravuras ilustrativas da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em Nova Iorque. Foto: Acervo Otávio Roth

Após 30 anos, xilogravuras da Declaração dos Direitos Humanos são expostas no Brasil

A ONU Brasil realizará em agosto uma exposição no Rio de Janeiro com obras do artista paulistano Otávio Roth, que em 1978 criou e imprimiu xilogravuras que ilustram os trinta artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

É a primeira vez em mais de 30 anos que as xilogravuras — expostas permanentemente nas sedes da Organização em Nova Iorque, Viena e Genebra — têm exibição no país.

Em entrevista ao Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio), a filha do artista, Isabel Roth, falou sobre o legado de Otávio e suas contribuições para a divulgação da Declaração, que completa 70 anos em 2018, e do trabalho das Nações Unidas globalmente. Leia a reportagem completa.

Campanha "Pai Presente Importa", do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA). Imagem: UNFPA

Fundo de População da ONU lança campanha sobre paternidade responsável

Ser pai é acompanhar a mulher durante toda a gestação, estar presente no parto e no pós-parto, nos afazeres domésticos, no cuidado, no apoio e no acompanhamento de filhos e filhas ao longo de toda a vida. Essa é a mensagem que o Fundo de População das Nações Unidas apresenta durante o mês de agosto em sua nova campanha digital — “Pai Presente Importa”. Iniciativa foi lançada no sábado (4) e conta com o apoio do ator Érico Brás e do jornalista e escritor Marcos Piangers.

Foto: ONU/Rick Bajornas

Evento em NY destaca iniciativas de empresas brasileiras pelos objetivos globais

Histórias do setor privado brasileiro na implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) receberão destaque durante o evento SDG in Brazil – Private Sector Role, organizado pela Rede Brasil do Pacto Global durante a 73ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, em setembro.

Com a iniciativa, a Rede Brasil quer promover as boas práticas empresariais conduzidas no país e incentivar o engajamento internacional das empresas brasileiras com os temas da Agenda 2030.

FIDA discute conceder um novo financiamento de 50 milhões de dólares ao governo do Ceará. O acordo possibilitará a ampliação do número de comunidades atendidas pelo Projeto Paulo Freire. Foto: FIDA

Novo gerente de fundo da ONU debate ampliação de projeto de fomento produtivo no Ceará

O Fundo Internacional de Desenvolvimento da Agricultura (FIDA) das Nações Unidas foi recebido no fim de julho (26) pelo secretário de Desenvolvimento Agrário do estado do Ceará, Francisco de Assis Diniz. Na ocasião, foram realizadas visitas de campo à segunda etapa do Projeto Dom Helder Câmara nos municípios de Sobral e Madalena, assim como a apresentação do novo gerente de programas do FIDA para o Brasil, Klaus Reiner, ao secretário estadual.

Atualmente, o FIDA discute conceder um novo financiamento de 50 milhões de dólares ao governo do Ceará. O acordo possibilitará a ampliação do número de comunidades atendidas pelo Projeto Paulo Freire nos mesmos territórios em que atua no estado. O programa de fomento produtivo visa erradicar a pobreza em 600 comunidades rurais de 31 municípios.