Categoria: Direitos Humanos

Convenções de Genebra completam 70 anos

Lembrando o aniversário de 70 anos das Convenções de Genebra, o presidente do Conselho de Segurança das Nações Unidas, Jacek Czaputowicz , as descreveu como “peças vitais para limitar brutalidade em conflitos armados". Czaputowicz é ministro das Relações Exteriores da Polônia, país que está na presidência do Conselho durante o mês de agosto. No período seguinte à Segunda Guerra Mundial, o tratado, composto por quatro Convenções e três Protocolos Adicionais, estabeleceu os padrões legais internacionais para tratamento humanitário durante tempos de guerra. Os padrões foram aceitos em 12 de agosto de 1949 e, com algumas exceções, ratificados por 196 países ... Read more

Monitor do UNICEF relata atendimento a crianças venezuelanas que chegam a Roraima

Era manhã quando um menino venezuelano de 7 anos chegou sozinho à Rodoviária Internacional de Boa Vista (RR). Ele havia pegado carona da Venezuela até o Brasil e desembarcado na capital roraimense com sintomas de malária. Ao chegar à rodoviária – um dos principais pontos de informação para refugiados e migrantes em Boa Vista –, encontrou ajuda no Espaço Amigo da Criança, montado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e pela organização Visão Mundial. “Graças a Deus não aconteceu nada, porque, se esse menino chega aqui e não entra no espaço, ele estaria nas ruas correndo muitos ... Read more

Massacre no Afeganistão ofusca 100 anos de independência

Cem anos após sua independência, o Afeganistão encontra-se em um "momento decisivo" de sua história, disse o chefe da missão da ONU no país na segunda-feira (19) após uma série de ataques terroristas nos últimos dias, entre eles um atentado suicida que matou 63 civis e feriu mais de 180 pessoas durante um casamento. Tadamichi Yamamoto, chefe da Missão de Assistência da ONU no Afeganistão (UNAMA), disse que apesar de décadas de conflito, a população afegã continua comprometida em ter uma nação pacífica, próspera, estável e que defenda os direitos humanos tanto de homens como de mulheres.

Comitê de Direitos Humanos da ONU responsabiliza Paraguai por violações no uso de agrotóxicos

O Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas afirmou que o Paraguai precisa realizar uma investigação eficaz e minuciosa sobre fumigações de agroquímicos e o consequente envenenamento de pessoas, incluindo crianças, além da contaminação de água, solo e alimentos. O órgão também pediu que o governo paraguaio processe os responsáveis, compense as vítimas e publique a decisão em um jornal diário de grande circulação. As vítimas trabalham em agricultura familiar no departamento de Canindeyú, no noroeste do país e na fronteira com os estados brasileiros do Mato Grosso do Sul e Paraná. A região tem forte expansão do agronegócio e ... Read more

Mais de 500 mil refugiados rohingya recebem documento de identidade em Bangladesh

Mais de 500 mil refugiados rohingya de Mianmar foram registrados em um exercício conjunto das autoridades de Bangladesh e da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), informou na semana passada (16) o porta-voz da organização, Andrej Mahecic, em Genebra. Para muitos desses refugiados, é a primeira vez que têm um cartão de identidade. Os cartões biométricos, à prova de fraude, estão sendo emitidos conjuntamente pelas autoridades de Bangladesh e pelo ACNUR a todos os refugiados com mais de 12 anos de idade. Existem mais de 900 mil refugiados rohingya vivendo em assentamentos no sudeste de Bangladesh, dos quais aproximadamente 741 ... Read more

Projeto da OIT capacita 38 pessoas como assistentes de cozinha em Rondônia

A capital de Rondônia foi palco na terça-feira (20) de mais uma conquista para 38 pessoas trans e mulheres em situação de violência — a formatura da primeira turma do Projeto Cozinha&Voz em Porto Velho. O objetivo do Cozinha&Voz é a formação profissional de assistentes de cozinha. O componente Cozinha conta com a coordenação técnica da cozinheira Paola Carosella e com o apoio de Neide Rigo e Fernanda Cunha. Já o componente Voz, coordenado pela atriz e poeta Elisa Lucinda e pela atriz e diretora Geovana Pires, é composto por uma oficina de uma semana, na qual alunos e alunas, ... Read more

Cartão Apoio do ACNUR ajuda integração de refugiados no Brasil

Após dois anos vivendo em Boa Vista (RR), o venezuelano Mateus, de 38 anos, conseguiu trabalho em Fortaleza (CE) por meio do programa de interiorização voluntária da Operação Acolhida, resposta humanitária a refugiados e migrantes venezuelanos implementada pelo governo federal, agências da ONU e organizações da sociedade civil. E até receber o primeiro salário na sua nova cidade de moradia, ele poderá cobrir despesas imediatas com um apoio adicional da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR). Por meio de um inovador programa de proteção social, Mateus e sua família receberam o cartão Apoio ACNUR, uma espécie de cartão pré-pago com ... Read more

Rede Brasil do Pacto Global participa de debate sobre água e saneamento em SP

O Brasil, que concentra 12% do volume mundial de água doce do mundo, tem 35 milhões de habitantes sem acesso à água. O país corre contra o tempo para se ajustar às metas do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 6 (água potável e saneamento), diante de entraves que prejudicam a gestão hídrica. Esses e outros pontos serão discutidos na quinta-feira (22), às 18h, no Painel “Água & Saneamento: Não deixar ninguém pra trás” do Fórum Virada Sustentável em São Paulo (SP). A Rede Brasil do Pacto Global será anfitriã do debate que reunirá especialistas para identificar os principais desafios na ... Read more

Estudantes visitam exposição fotográfica sobre trabalho decente em Brasília

Estudantes de escolas públicas do Distrito Federal visitaram este mês a exposição "Os caminhos da igualdade e o trabalho decente: uma mostra dos resultados do Projeto de Promoção do Trabalho Decente para Pessoas em Situação de Vulnerabilidade", inaugurada no Espaço Cultura Renato Russo, em Brasília. Os jovens observaram as imagens feitas pelo fotógrafo humanitário irlandês Jason Lowe, que mergulhou nos bastidores de projetos desenvolvidos pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) e pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em diversos estados brasileiros.

Fundo de População da ONU cria animação sobre direitos de migrantes venezuelanas

Carla é uma jovem mulher venezuelana migrante que chegou sozinha ao Brasil como consequência do deslocamento forçado e passou por diversas situações de risco ao longo de sua trajetória, as quais são retratadas em uma animação do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA). A personagem fictícia representa uma das milhares de mulheres que sofrem diferentes tipos de violência no seu processo de deslocamento. Assista ao vídeo feito pela agência da ONU.

São Paulo sedia em novembro principal evento internacional sobre saneamento básico

As organizações World Toilet Organization e Instituto Trata Brasil promovem em novembro em São Paulo (SP) a primeira edição latino-americana do World Toilet Summit, principal evento internacional sobre saneamento básico. Com o título “World Toilet Summit – Saneamento Básico na América Latina: não deixar ninguém para trás”, a 19ª edição acontece entre os dias 17 e 19 de novembro no Hotel Renaissance, e tem apoio institucional da Rede Brasil do Pacto Global, além das secretarias de Relações Internacionais e de Turismo do estado de São Paulo.

Workshop sobre saúde sexual e reprodutiva reúne estudantes de medicina em Brasília

Workshop promovido no início de agosto em Brasília (DF) pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) em parceria com a Federação Internacional de Estudantes de Medicina (IFMSA) debateu a saúde sexual e reprodutiva e seus desafios, a importância de entender a diversidade e de melhorar o atendimento à população LGBTI. O representante do UNFPA no Brasil, Jaime Nadal, lembrou a relevância do evento ao ajudar na formação de médicos conscientes e multiplicadores da necessidade de garantir direitos, promover a equidade de gênero e impulsionar o acesso a insumos e serviços em saúde sexual e reprodutiva.

Escritório de Direitos Humanos da ONU na América do Sul ganha novo site

O Escritório para América do Sul do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH) lançou uma versão renovada do site acnudh.org, em espanhol e português, com atualizações de navegação, segurança e experiência para os usuários. A versão atual inclui novos conteúdos, como seções sobre os mecanismos de direitos humanos das Nações Unidas, sites especiais sobre direitos humanos na região e um portal relacionando a Agenda 2030 com os direitos humanos.

Agências da ONU assinam acordo para proteger direito humano a um meio ambiente saudável

As ameaças a indivíduos e comunidades que defendem seus direitos ambientais e fundiários se intensificam em muitas partes do mundo. Neste contexto, a ONU Meio Ambiente e o Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH) uniram esforços para promover e proteger os direitos humanos e ambientais por meio de um novo acordo de cooperação assinado na sexta-feira (16). As duas organizações trabalharão mais próximas para monitorar ameaças contra defensores dos direitos ambientais, advogar por melhor proteção, apelar para uma responsabilização mais eficaz dos perpetradores de violência e intimidação, desenvolver redes de defensores de direitos humanos ... Read more

Trabalhadora humanitária fala sobre experiência de apoiar venezuelanos em Roraima

A brasileira Tainanda Oliveira, de 26 anos, trabalha há dois na região Norte do Brasil com os venezuelanos que chegam a Boa Vista e Pacaraima (RR). Ela sentiu necessidade de ajudar os refugiados e migrantes ao ver tantas pessoas chegando ao país em busca de apoio. "É fundamental mostrar que eles podem começar uma nova vida aqui. E que todos têm direito a regularização migratória, podem obter documentos, como refúgio, CPF, Carteira de trabalho e cartão do SUS (Sistema Único de Saúde)", disse. Leia a entrevista completa feita pela Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

Chefe de agência da ONU pede apoio internacional para ajuda a venezuelanos no Brasil

O alto-comissário da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), Filippo Grandi, concluiu uma visita de quatro dias ao Brasil com um apelo urgente por maior engajamento internacional, inclusive por instituições financeiras e agentes de desenvolvimento, nas comunidades que abrigam refugiados e migrantes venezuelanos. “A solidariedade do povo brasileiro com as pessoas refugiadas e migrantes da Venezuela tem sido exemplar. Mas o impacto sobre as comunidades anfitriãs em estados como Roraima e Amazonas tem sido avassalador”, disse Grandi, durante visita a Brasília (DF) no domingo (18).

ONU expressa preocupação com sanções unilaterais dos EUA contra Venezuela

A alta-comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos expressou preocupação na semana passada (8) com um novo conjunto de sanções unilaterais imposto pelos Estados Unidos sobre a Venezuela na semana anterior. Em comunicado, Michelle Bachelet disse temer que as sanções tenham um "possível impacto severo" sobre direitos humanos do povo venezuelano, "que já sofre há tempos".

Representante regional do ACNUR fala sobre seu trabalho com ajuda humanitária

Ann Encontre é a atual representante regional da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) em Kinshasa, na República Democrática do Congo. Ann fez uma corajosa mudança profissional — trocou o Direito corporativo e passou a trabalhar com a proteção de refugiados. Há 23 anos, integra a equipe do ACNUR, tendo trabalhado em Serra Leoa, Chade, Sudão do Sul e Suíça. "Como profissional de ajuda humanitária feminina, vi como as mulheres são julgadas de maneira diferente quando trabalham em zonas de guerra ou em lugares onde não podem levar seus filhos. Invariavelmente, você encontra funcionários da própria organização que te perguntam: ... Read more

ARTIGO: Prisões e insegurança no Brasil — efeito dominó

Em artigo publicado na imprensa, a representante da ONU Direitos Humanos na América do Sul, Birgit Gerstenberg, afirma que a recente chacina de presos em Altamira (PA) evidenciou uma realidade chocante de condições subumanas, caos, crime organizado, tortura e morte nos presídios brasileiros. "O fato de que vários dos casos mais brutais de violência carcerária derivem de confrontos entre internos — relacionados a causas estruturais mais amplas e abrangentes — não dispensa o Estado de sua responsabilidade de proteger a vida e integridade das pessoas presas e, certamente, a de seus agentes penitenciários." Leia o artigo completo.

ONU Mulheres e organizações parceiras prestaram apoio humanitário a 235 mil pessoas em 2018

A ONU Mulheres e suas organizações parcerias estiveram presentes em 33 países para o desenvolvimento de ações humanitárias e atividades de redução de risco e recuperação de desastres. Cerca de 235 mil mulheres e meninas e 89 mil homens e meninos foram atendidos. Do total de mulheres, 61,5 mil receberam apoio para subsistência e 35,2 mil foram beneficiadas com programas de liderança em contextos de crise. O Brasil é parte desta resposta com ações humanitárias, a exemplo do apoio prestado a refugiadas, migrantes e solicitantes de refúgio da Venezuela. De acordo com o Alto Comissariado da ONU para Refugiados (ACNUR), ... Read more

ONU Mulheres e Prefeitura de Itabira firmam cooperação técnica pela igualdade de gênero

A ONU Mulheres e a Prefeitura de Itabira (MG) firmaram nesta quinta-feira (15) acordo de cooperação técnica para enfrentamento à violência contra as mulheres, impulso ao empoderamento econômico, à participação política e à governança, com ações previstas até abril de 2020 e investimento de cerca de 700 mil reais. Com mais de 100 mil habitantes, sendo 52% mulheres e 48% homens, o município passará a reforçar medidas para eliminar as desigualdades de gênero. De acordo com dados da RAIS 2018 (Relação Anual de Informações Sociais), do Ministério da Economia, o rendimento das mulheres de Itabira era 25% menor do que ... Read more

Chefe de agência da ONU para refugiados elogia solidariedade do Chile com venezuelanos

Durante visita ao Chile, a primeira de um alto-comissário da ONU para refugiados, Felippo Grandi elogiou a solidariedade e a hospitalidade do povo do país ao receber venezuelanos em momento de necessidade, lembrando o fato de a Venezuela já ter recebido refugiados chilenos no passado. "Também reconheço os esforços que o Chile e as comunidades locais fizeram para acolher, documentar e integrar os refugiados e migrantes venezuelanos e de outras nacionalidades. É importante continuar e intensificar esses esforços para que essas pessoas possam viver de maneira digna e contribuir para a economia e a sociedade do Chile", declarou Grandi.

Aberta Chamada Global para representantes especiais do secretário-geral da ONU

Está aberta a Chamada Global para nomeações de posições de representante especial do secretário-geral e vice representante especial do secretário-geral das Nações Unidas em Missões de Paz. As inscrições, abertas a Estados-membros, Organizações Não Governamentais (ONGs) e indivíduos, podem ser feitas até 30 de setembro.

Fundo de População da ONU reafirma compromisso com direitos dos jovens no mundo

Em declaração para o Dia Internacional da Juventude, lembrado em 12 de agosto, a diretora-executiva do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), Natalia Kanem, reafirmou o compromisso do organismo da ONU na defesa dos direitos dos jovens do mundo todo. "Equipadas com a informação e a preparação correta, os jovens têm o potencial de liderar mudanças positivas no mundo. Esse potencial só pode ser realizado se tiverem saúde, educação e controle sobre seus corpos e vidas", disse a diretora-executiva do UNFPA. "Nós do UNFPA estamos trabalhando junto com governos, sociedade civil, parceiros e, acima de tudo, com as próprias ... Read more

Agência humanitária da ONU lança novo plano de resposta à crise venezuelana

A agência humanitária das Nações Unidas lançou nesta quarta-feira (14) um novo plano de resposta que pretende ajudar cerca de 2,6 milhões de venezuelanos até o fim do ano, quase a metade deles, jovens. Lembrando que o plano "só representa um número limitado de pessoas em necessidade", o Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA) disse que são necessários 223 milhões de dólares de doadores para atingir esse objetivo.

Chefe de agência da ONU para refugiados inicia visita ao Brasil nesta quinta-feira (15)

O chefe da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), Filippo Grandi, inicia nesta quinta-feira (15) uma visita ao Brasil para conhecer de perto a resposta humanitária a refugiados e migrantes venezuelanos que têm sido forçados a deixar seu país devido à piora da situação política e socioeconômica, de direitos humanos e da ordem pública. Grandi iniciará sua visita por Brasília, onde se reunirá com autoridades nacionais, organizações da sociedade civil e do Sistema ONU, além de doadores e famílias venezuelanas vivendo no Distrito Federal.

Campanha contra tráfico de pessoas tem evento de encerramento dia 21 em SP

A campanha "Somos Livres: todos contra o tráfico de Pessoas, que visa promover a inclusão social de potenciais vítimas desse crime por meio do acesso ao mercado de trabalho, será encerrada durante evento em 21 de agosto no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo (SP). Aberto ao público e convidados, o evento de encerramento traz a apresentação da peça “Trinta e Dois”. A obra traz monólogos interpretados pelos atores Cris Vianna, Dan Ferreira, Natallia Rodrigues e Yasmin Bispo, e é dirigida por Mariana Jaspe.

Banco Mundial anuncia investimento de US$139 mi na gestão hídrica do Ceará

O Banco Mundial aprovou neste mês um plano de investimento de 139 milhões de dólares para a gestão hídrica do Ceará. O projeto deve beneficiar mais de 1 milhão de pessoas e fortalecer a confiança no abastecimento de água nos municípios participantes. A iniciativa também prevê melhoras na eficiência dos serviços de Fortaleza.

Mulheres e meninas indígenas devem ter voz nos espaços políticos, diz agência da ONU

A ONU Mulheres uniu-se a todos os povos indígenas no mundo, especialmente mulheres e meninas, na comemoração do Dia Internacional dos Povos Indígenas, lembrado em 9 de agosto. O tema deste ano, “Línguas Indígenas”, exige garantir que as mulheres e as meninas indígenas tenham voz nos diversos espaços políticos, civis, sociais, econômicos e culturais que ocupem, lembrou a agência das Nações Unidas. A capacidade das mulheres indígenas de se expressar em seu idioma é fundamental para assegurar sua contribuição à vida pública, já que elas são cidadãs, políticas, defensoras de direitos humanos ou líderes comunitárias, segundo a ONU Mulheres.

UNESCO pede inclusão dos jovens na construção de políticas educacionais

Em mensagem para o Dia Internacional da Juventude, 12 de agosto, a diretora-geral da UNESCO, Audrey Azoulay, pediu a inclusão dos jovens nos processos de concepção de políticas educacionais. A dirigente defendeu a participação de mulheres, indígenas, jovens com deficiência, migrantes e membros da comunidade LGBTQ+ em debates sobre o ensino formal.

Bachelet pede investigação sobre violência policial em Hong Kong

Diante dos protestos dos últimos dias em Hong Kong, a chefe de direitos humanos da ONU, Michelle Bachelet, disse nesta terça-feira (13) que "a única maneira de atingirmos estabilidade política e segurança pública de longo prazo” é com a criação de canais para as pessoas participarem de assuntos e decisões públicas que afetam suas vidas". O Escritório do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos (ACNUDH) confirmou a existência de “provas confiáveis” segundo as quais autoridades de Hong Kong teriam usado medidas anti-distúrbios contra manifestantes proibidas pelas normas e padrões internacionais. "O ACNUDH pede que as autoridades de Hong ... Read more

Discriminação aumenta risco de jovens LGBTI irem morar na rua, dizem relatores

Relatores da ONU alertaram nesta semana que jovens LGBTI correm riscos mais altos de viver em situação de rua devido à rejeição familiar e à discriminação na escola. Uma vez desabrigadas, essas pessoas podem ter outros direitos humanos violados, além de ter chances maiores de desenvolver problemas de saúde mental. "Como resultado da intolerância religiosa e cultural, que pode incluir violência sexual e de outras formas, as jovens lésbicas, os jovens gays, bissexuais, trans e de gênero diverso em todo o mundo enfrentam exclusão socioeconômica", ressaltaram Victor Madrigal-Borloz e Leilani Farha.

ONU-HABITAT abre inscrições de eventos para Circuito Urbano 2019

O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT) recebe até 26 de agosto inscrições de organizações interessadas em receber apoio institucional para a realização de eventos no Circuito Urbano 2019. Os eventos devem ocorrer entre 1º e 31 de outubro em cidades de todo o Brasil e abordar inovações sociais, tecnológicas, econômico/financeiras e de políticas públicas e governança que contribuam para o aprimoramento dos serviços ou da política urbana. A 2ª edição do Circuito Urbano terá como tema geral “Cidades Inovadoras e Inclusivas” e como pergunta inspiradora “Como a inovação pode aprimorar serviços e políticas urbanas de maneira ... Read more

Fundo agrícola da ONU lança prêmio sobre juventude e inovação no meio rural

Por ocasião do 12 de agosto, Dia Internacional da Juventude, o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) anunciou o Prêmio à Juventude Rural Inovadora na América Latina e no Caribe. A premiação vai reconhecer iniciativas nas áreas de conservação, sustentabilidade, mudanças climáticas, comunicação e tecnologia, inclusão financeira, educação, entre outros temas.

Alto-comissário da ONU para refugiados visita Chile e Brasil esta semana

O alto-comissário da ONU para refugiados, Filippo Grandi, visita Chile e Brasil nesta semana (entre os dias 13 e 18 de agosto) para conhecer de perto a resposta humanitária a refugiados e migrantes venezuelanos que têm sido forçados a deixar o país devido à piora da situação política e socioeconômica, de direitos humanos e da ordem pública. O chefe da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) visitará o Brasil entre os dias 15 e 18 de agosto. Seu roteiro no país inclui reuniões com o governo federal em Brasília e uma visita a Boa Vista e Pacaraima (RR). Em Roraima, ... Read more

No dia da juventude, chefe da ONU defende educação para estimular pensamento crítico

Em mensagem para o 12 de agosto, Dia Internacional da Juventude, o secretário-geral da ONU, António Guterres, alerta para a crise de aprendizado nas escolas, onde meninos e meninas nem sempre recebem o apoio necessário para desenvolver pensamento crítico e aprimorar competências tecnológicas. O chefe das Nações Unidas defende uma educação que seja inclusiva, acessível e que conecte os jovens com o mundo de hoje, abordando temas como as mudanças climáticas, direitos humanos e igualdade de gênero.

No Rio, mostra fotográfica retrata cultura e luta do povo Yanomami

Em cartaz no Instituto Moreira Salles (IMS), no Rio de Janeiro, a mostra 'Claudia Andujar – A luta Yanomami' recupera parte do acervo de mais de 40 mil imagens feitas pela fotógrafa suíça, que passou décadas ao lado dos Yanomami. Radicada no Brasil desde os anos 1950, Claudia Andujar viria a se tornar uma voz global em prol da demarcação de terras indígenas.

Brasil registra 2º maior número de casos de sarampo nas Américas

A região das Américas confirmou 2.927 casos de sarampo neste ano. Os dados são da mais recente atualização epidemiológica da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), que reuniu dados disponíveis até 7 de agosto. A doença foi identificada em 14 países, de 1º de janeiro a 27 de julho. O maior número de episódios da infecção foi registrado nos Estados Unidos (1.172), seguido pelo Brasil (1.045) e Venezuela (417).

Especialistas dizem que políticas de assimilação podem destruir povos indígenas

Em mensagem para o Dia Internacional dos Povos Indígenas, 9 de agosto, relatores da ONU alertaram para os riscos de desaparecimento das línguas indígenas. Estima-se que, de todos os 7 mil idiomas falados no mundo, 40% estão em perigo e podem deixar de existir — a maioria deles é de línguas indígenas. Para os relatores, o atual cenário é reflexo de políticas estatais de assimilação que podem "destruir uma cultura e até mesmo um povo".

Em dia mundial, ONU defende direito dos povos indígenas a definir estratégias de desenvolvimento

Em mensagem para o Dia Internacional dos Povos Indígenas, celebrado nesta sexta-feira (9), o secretário-geral da ONU, António Guterres, pediu que países garantam a essas populações o direito a determinar o seu próprio modelo de desenvolvimento, por meio de políticas que sejam inclusivas e igualitárias. De acordo com as Nações Unidas, existem em torno de 370 milhões de indígenas no mundo.

Brasília sedia primeira etapa da Copa dos Refugiados e Imigrantes 2019

Organizada pela ONG África do Coração com apoio de agências da ONU, a consagrada competição será realizada de forma inédita na capital federal e conta com a participação de 160 jogadores amadores, de oito países. Jogos em Brasília acontecem no sábado e no domingo.