A reunião do GT UNAIDS teve a presença de cerca de 30 representantes de governo, embaixadas, organismos da ONU, outras representações governamentais e organizações da sociedade civil. Foto: UNAIDS

Agências da ONU participam de debate sobre papel da mídia na resposta à epidemia de HIV

“A mídia como aliada na resposta à epidemia do HIV” foi o tema central do debate realizado na quarta-feira (25), em Brasília, durante a primeira reunião do Grupo Temático Ampliado das Nações Unidas sobre HIV/AIDS de 2018. Presidida pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), a reunião teve a presença de cerca de 30 representantes de governo, embaixadas, organismos da ONU, outras representações governamentais e organizações da sociedade civil formadas por pessoas vivendo com HIV.

“Nossa estratégia sempre foi a de tratar a mídia como aliada, porque são realmente nossos parceiros diretos e indiretos na divulgação de informações importantes e no alcance de um número significativo de pessoas”, disse Daniel de Castro, assessor de comunicação do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS).

Foto: Rede Brasil do Pacto Global/Felipe Abreu

Rede Brasil do Pacto Global reúne construtoras em SP para discutir ações anticorrupção

A Rede Brasil do Pacto Global da ONU reuniu representantes de 15 construtoras de diversos estados brasileiros no início de abril (9) em São Paulo para discutir ações anticorrupção e formas de identificar comportamentos ilícitos dentro das empresas para prevenir a ocorrência de novos casos.

O encontro foi uma das etapas do Projeto Ações Coletivas, que será concluído com o lançamento, durante o Fórum Pacto Global 2018, em maio, de uma publicação de prevenção e combate à corrupção no setor.

Mulheres Negras seguiram em marcha, nas ruas de Salvador, durante o Fórum Social Mundial 2018. Foto: ONU Mulheres/Isabel Clavelin

Mulheres negras propõem encontro nacional para lembrar 30 anos de articulação política

Testemunhos históricos, pontos de vista diversos sobre a organização política das mulheres negras nos últimos 30 anos e análises da conjuntura por ativistas de diferentes gerações marcaram o Fórum Permanente de Mulheres Negras ocorrido no Fórum Social Mundial Social 2018, em 14 e 15 de março, em Salvador (BA).

Cerca de 200 ativistas avaliaram a articulação política e as áreas de incidência contra o racismo, o sexismo e outras formas de opressão, protagonizados pelas mulheres negras no Brasil e na América Latina e Caribe. O relato é da ONU Mulheres.

Foto: TV Brasil.

UNICEF e Samsung promovem maratona para programação de aplicativos educacionais

A proposta da “Maratona UNICEF Samsung” é unir esforços de alunos de escolas públicas e profissionais de tecnologia para que possam desenvolver aplicativos para as áreas de Linguagens (Língua Portuguesa, Arte, Educação Física e Língua Inglesa), Matemática, Ciências da Natureza e Ciências Humanas (História e Geografia). Ao final do projeto, os aplicativos apresentadas poderão ser utilizados nas escolas públicas e beneficiar estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental.

As inscrições para a maratona podem ser feitas até 25 de maio pelo site maratona.brasilmaisti.com.br.

Crianças protegidas por tela antimalária na República Dominicana. Foto: OMS / OPAS

Prêmio patrocinado pela ONU reconhece melhores práticas de combate à malária

Programas locais, nacionais e internacionais com abordagens inovadoras para superar os desafios impostos pela malária no continente americano são convidados a participar do prêmio “Campeões contra a malária nas Américas” deste ano, lançado na quarta-feira (25).

O objetivo é encontrar e homenagear as iniciativas que contribuíram significativamente para o combate à malária em países e comunidades nas Américas e além. As inscrições podem ser feitas até 25 de junho. O prêmio tem a Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) entre seus patrocinadores.

"Direito à educação e direitos na educação em perspectiva interdisciplinar" é uma coletânea composta por 19 artigos de diferentes especialistas que apresentam aspectos teóricos e práticos do direito à educação.

USP e UNESCO lançam em São Paulo publicação sobre direito à educação

A Cátedra UNESCO de Direito à Educação da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e a representação da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil promoveram na segunda-feira (23) o Seminário Internacional Responsabilidades na Educação.

O evento teve palestra, debates e lançamento de publicação sobre o tema, com a participação de especialistas nacionais e internacionais.

Embarcação da Escola Ambiental Águas do Capibaribe. Foto: Escola Ambiental Águas do Capibaribe

Projeto do UNICEF em Recife promove empoderamento de meninas e aulas em barco-escola

Desenvolvido pela Secretaria da Mulher do Recife (PE) em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), o programa “Hoje Menina, Amanhã Mulher” chegou nesta quarta-feira (25) à sua segunda etapa após intensa formação sociopolítica em questões de gênero, cidadania e construção de identidade. O projeto envolveu adolescentes com perfil de liderança comunitária na capital pernambucana.

A segunda etapa incluiu aulas-passeio e atividades culturais. Nesta quarta-feira, 36 meninas navegaram pelos rios Capibaribe, Beberibe e Pina com a Escola Ambiental Águas do Capibaribe, um barco-escola que visa despertar novos olhares sobre a cidade, compreendendo seus contextos e aspectos socioambientais.

O atacante da seleção uruguaia e do Paris Saint-Germain (PSG), da Liga Francesa, aparece em anúncios de serviço público que encoraja crianças, pais e todas as famílias a fazerem "o golaço de suas vidas", vacinando-se. Foto: Reprodução

Jogador uruguaio Edinson Cavani participa de campanha da ONU para promover vacinação

O jogador de futebol uruguaio Edinson Cavani se uniu à Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) em uma campanha que busca gerar consciência sobre o poder das vacinas para fortalecer as defesas do organismo, prevenir doenças e salvar vidas.

O atacante da seleção uruguaia e do Paris Saint-Germain (PSG) aparece em anúncios de vídeo nos quais encoraja crianças, pais e todas as famílias a fazerem “o golaço de suas vidas”, vacinando-se. Assista aos vídeos.

O Prêmio Itaú-UNICEF, que até o ano passado reconhecia parcerias entre organizações da sociedade civil (OSCs) e escolas públicas, ganha uma nova categoria, dedicada a ações realizadas exclusivamente por OSCs. Foto: EBC

Prêmio Itaú-UNICEF reconhece projetos para o desenvolvimento de crianças e adolescentes

Há 23 anos reconhecendo iniciativas de educação integral no país, o Prêmio Itaú-UNICEF abre inscrições para sua 13ª edição. O objetivo da premiação é identificar, estimular e dar visibilidade a projetos que contribuam para garantir o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos em situação de vulnerabilidade social. Neste ano, a premiação terá um aporte 47,5% maior do que em 2017, totalizando 5,9 milhões de reais.

O prêmio, que até o ano passado reconhecia parcerias entre organizações da sociedade civil (OSCs) e escolas públicas, ganhou uma nova categoria, dedicada a ações realizadas exclusivamente por OSCs. As inscrições podem ser feitas até 21 de maio.

Profissionais da OIM estão divulgando informações para migrantes no Chile entenderem processo de regularização. Foto: OIM

Agência da ONU ajuda Chile a regularizar situação de 300 mil migrantes

O Chile deu início nesta semana (23) a um plano para regularizar a situação de migrantes vivendo em insegurança jurídica no país. Projeto tem o apoio da Organização Internacional para as Migrações (OIM), que espera ajudar 300 mil estrangeiros a normalizar seu status. Em 2017, a nação sul-americana tinha quase 1 milhão de migrantes em seu território, número que equivale a 5,5% de toda a população.

Trabalhadores da construção civil atuam em projeto de expansão do Canal do Panamá. Foto: Banco Mundial

Investimentos de curto prazo põem em risco desenvolvimento dos países, diz relatório da ONU

Embora uma recuperação moderada da economia mundial tenha levado a um aumento do financiamento para o desenvolvimento em 2017, um novo relatório das Nações Unidas revelou este mês (13) que grande parte dos investimentos ainda é de curto prazo, colocando em risco os compromissos globais para a criação de economias sustentáveis.

“O mundo possui recursos suficientes, mas eles não são alocados nas áreas que apresentam maior necessidade”, disse o secretário-geral da ONU, António Guterres, no prefácio do relatório de 2018, denominado “Financiamento para o Desenvolvimento: Progresso e Perspectivas”.

O venezuelano Raul recebe seu certificado do reitor da Universidade Federal de Roraima, Jefferson Fernandes do Nascimento. Foto: ACNUR/Flávia Faria

Em Boa Vista, venezuelanos concluem curso de português em universidade parceira da ONU

Em Boa Vista, 75 venezuelanos concluíram na semana passada um curso de português oferecido pela Universidade Federal de Roraima (UFRR). O projeto Português para Acolhimento formou sua sétima turma e as vagas para a próxima, que começará as aulas ainda este mês, acabaram poucas horas após a abertura das inscrições. Iniciativa da instituição de ensino faz parte de projeto de cooperação com a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

Políticas de alimentação escolar no Brasil. Foto: PMA/Vinícius Limongi

Após vencer concurso, merendeiras de escolas públicas brasileiras visitam República Dominicana

Cinco merendeiras de escolas públicas brasileiras que venceram a segunda edição do concurso “Melhores Receitas de Alimentação Escolar” chegaram na segunda-feira (23) à República Dominicana para conhecer a experiência do país em alimentação escolar. A viagem faz parte do prêmio da disputa, concedido durante evento ocorrido em outubro do ano passado.

O concurso foi promovido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação (MEC), e teve o apoio do projeto de Fortalecimento de Programas de Alimentação Escolar na América Latina e no Caribe, do Programa de Cooperação Internacional Brasil – Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

Profissional de saúde exibe vacina contra a hepatite B. Foto: UNICEF/Shehab Uddin

Agência da ONU lança Semana de Vacinação nas Américas em Cuba

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) lançou na segunda-feira (23) em Cuba a Semana de Vacinação das Américas — iniciativa de imunização mais importante do continente. Durante a campanha, organizada pela agência da ONU desde 2003, os países da região vacinarão 70 milhões de pessoas contra mais de uma dezena de doenças.

A Semana de Vacinação é uma oportunidade para aumentar a cobertura de imunização e garantir que todos tenham acesso a ela. Durante a campanha, milhares de profissionais de saúde das Américas farão um esforço especial para alcançar as populações mais vulneráveis e com pouco acesso aos serviços de saúde.

Agências da ONU e empresas brasileiras estarão no Fórum Pacto Global 2018

Novos palestrantes estão com presença confirmada no Fórum Pacto Global – 15 anos da Rede Brasil, que ocorre em 16 de maio no auditório do Museu de Arte de São Paulo (MASP). O evento debaterá o panorama dos avanços e perspectivas da sustentabilidade corporativa desde o início das atividades do Pacto Global da ONU no Brasil, em 2003, até o contexto atual dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Mudanças climáticas ameaçam a Amazônia e, consequentemente, disponibilidade de recursos hídricos para países da região. Foto: Flickr (CC) / Dams999

FAO visita unidade da Embrapa para conhecer inovações em pesquisa florestal

O representante da FAO no Brasil, Alan Bojanic, visitou na semana passada (16) o escritório da Embrapa Florestas, em Colombo, região metropolitana de Curitiba (PR).

Em reunião com a chefia da unidade, Bojanic disse que, para a FAO, “é fundamental conhecer as inovações que estão acontecendo no campo da pesquisa florestal, o desenvolvimento tecnológico, pois é nosso papel facilitar a adoção destas tecnologias”.

Modelo de selo preto em formato de triângulo com advertência na embalagem dos produtos foi proposto pelo IDEC. Foto: IDEC

Agência da ONU volta a defender selo de advertência em rótulos de alimentos no Brasil

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) voltou a defender nesta sexta-feira (20), durante o 25º Congresso Brasileiro de Nutrição (CONBRAN 2018), a aplicação de ícones frontais de advertência nutricional nos rótulos de alimentos no Brasil. O tema está sendo analisado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), com a participação de diversas instituições.

“Recomendamos aos países da região das Américas, de forma sistemática, a adoção do modelo de advertência frontal”, afirmou a coordenadora da Unidade de Determinantes da Saúde, Doenças Crônicas não Transmissíveis e Saúde Mental da OPAS/OMS no Brasil, Katia Campos.

Foto: Flickr (CC)/jvoves

Livros fortalecem diálogo e entendimento mútuo, diz UNESCO em dia mundial

Em mensagem para o Dia Mundial do Livro, lembrado nesta segunda-feira (23), a diretora-geral da UNESCO, Audrey Azoulay, defendeu que a data é uma celebração das liberdades humanas “mais essenciais”, como as liberdades de expressão e de publicação. Dirigente disse que os livros “permitem o compartilhamento de ideias e conhecimento através das fronteiras e fortalecem o entendimento mútuo e o diálogo”.

Da esquerda para direita, Juliana Alves, Jout Jout, Gabi Oliveira e Bella Piero. Imagem: UNFPA/Ela Decide

Atrizes e youtubers aderem a campanha do Fundo de População da ONU sobre saúde sexual e reprodutiva

As atrizes Juliana Alves e Bella Piero e as youtubers Gabi Oliveira, do canal DePretas, e Julia Tolezano, a Jout Jout, decidiram se unir à ONU para defender o empoderamento feminino e o direito à saúde sexual e reprodutiva. O quarteto participa da campanha “Ela Decide Seu Presente e Seu Futuro”, iniciativa do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) que chega nesta semana às redes sociais.

Representantes de 28 países de América Latina e Caribe reuniram-se na sede da CEPAL para fórum sobre desenvolvimento sustentável. Foto: CEPAL

Países latino-americanos e caribenhos pedem esforços redobrados para conquista da Agenda 2030

Representantes de 28 países latino-americanos e caribenhos, 35 organizações não governamentais, organismos especializados, agências da ONU e mais de 300 membros de setor privado, academia e sociedade civil encerraram na sexta-feira (20) na sede da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) em Santiago, no Chile, a segunda edição do Fórum dos Países da América Latina e do Caribe sobre o Desenvolvimento Sustentável.

O evento foi encerrado com o compromisso de redobrar esforços na inclusão de todos os setores — público, privado e sociedade civil — para avançar na conquista da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Na imagem, poluição atmosférica na cidade de São Paulo. Foto: Flickr/Thomas Hobbs (cc)

Poluentes de vida curta ameaçam clima, saúde e produção agrícola na América Latina, diz ONU

Até 2050, se adotarem medidas para combater os poluentes de vida curta, países da América Latina e do Caribe poderão reduzir em 0,9ºC o aumento da temperatura regional.

A estimativa é de um relatório divulgado neste mês (19) pela ONU Meio Ambiente, que alerta para os riscos à saúde, à natureza e à produção agrícola de substâncias como o metano, o carbono negro, os hidrofluorocarbonos (HFC) e o ozônio.

Complexo da Maré, no Rio de Janeiro. Foto: Agência Brasil/Tomaz Silva

Medo da violência policial e de acusações injustas é maior entre a população negra do Rio

Diferentes estudos e pesquisas recentes têm apontado que, no Brasil, a violência se distribui de forma desigual. Um dos principais marcadores desta desigualdade é o perfil racial das vítimas: de cada dez pessoas assassinadas, sete são negras.

Desde o fim de 2017, a campanha Vidas Negras da ONU Brasil tem pautado o tema da “filtragem racial” — submeter a abordagem policial, investigar e sentenciar mais pessoas de determinado grupo racial que de outros. Leia a reportagem completa sobre o tema.

Encontro também foi oportunidade para conhecer oportunidades de voluntariado. Foto: UNIC Rio/Luise Martins

No Rio, Dia das Boas Ações estimula a prática do voluntariado

Comemorado em mais de 90 países, o Dia das Boas Ações foi lembrado neste ano em 15 de abril.

No Rio de Janeiro, a data reuniu centenas de pessoas na Quinta da Boa Vista, zona norte da cidade, para atividades culturais e sociais como oficinas, adoção de animais e debates sobre temas como sustentabilidade, acessibilidade e gênero.

Evento teve a participação do Programa de Voluntários das Nações Unidas, que defendeu o voluntariado como ferramenta para a promoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Seminário na Bolívia discutiu estratégias para eliminar febre aftosa na América do Sul até 2020. Foto: OPAS

Seminário da ONU debate como erradicar febre aftosa na América do Sul até 2020

Para discutir estratégias de saúde animal que levem à eliminação da febre aftosa na América do Sul, o Centro Pan-Americano de Febre Aftosa (PANAFTOSA), instituição de pesquisa das Nações Unidas, reuniu para um seminário na Bolívia cerca de 240 especialistas de mais de 20 países. Cientistas, gestores e produtores agrícolas têm a expectativa de ver a doença erradicada na região até 2020.