Foto: PMA/Mark Warne-Smith

Timor-Leste aprova resolução para combater a fome

O Parlamento do Timor-Leste aprovou por unanimidade uma resolução que apoia a decisão do governo de priorizar o combate à desnutrição entre mulheres e crianças pequenas. A adoção da medida, acordada pela Casa Legislativa em 22 de novembro, veio logo após a realização de um seminário sobre nutrição organizado pelo Programa Mundial de Alimentos (PMA) das Nações Unidas e o próprio Congresso. Centro de Excelência contra a Fome participou do evento e compartilhou experiências de sucesso do Brasil.

Foto: FAO

América Latina e Caribe precisam impedir degradação ambiental causada por produção agrícola, diz FAO

Atualmente, 37% da superfície da América Latina e Caribe é utilizada para atividades agropecuárias. Exploração acelerada dos campos e das florestas coloca recursos naturais sob pressão e região já responde por 14% da degradação global dos solos, alerta a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Agência da ONU divulgou diretrizes para que países tornem produção mais sustentável.

Segundo a publicação, o comércio de serviços globais em 2014 cresceu 5%, sendo o grande condutor do desenvolvimento econômico mundial em comércio do ano. Foto: USP Imagens/ Marcos Santos

Auditores Sem Fronteiras combatem sonegação fiscal nos países em desenvolvimento

Criado para aumentar o potencial de desenvolvimento dos países ao reforçar sua capacidade de recolhimento de impostos por métodos de auditoria fiscal, o programa internacional Auditores sem Fronteiras (ASF) tem obtido avanços significativos.

Lançado em julho de 2015 pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a iniciativa combate a sonegação fiscal de multinacionais em países em desenvolvimento e ajuda assim essas nações a financiar a busca pelos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

FMI eleva projeção para economia brasileira em 2016 e 2017, mas cita incertezas políticas que deixam o cenário nebuloso. Foto: Agência Brasil

CEPAL atualizará projeções de crescimento para países da América Latina e do Caribe

A Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) divulgará na quarta-feira (14) seu “Balanço Preliminar das Economias da América Latina e do Caribe 2016”, publicação em que atualizará as estimativas de crescimento da organização para os países da região este ano e para 2017. A coletiva de imprensa será transmitida pela Internet e por teleconferência no escritório da CEPAL em Brasília.

Foto: FAO / Luc Genot

VÍDEO: seca em Madagascar deixa 1,4 milhão de pessoas passando fome

A seca em Madagascar já se estende por três anos e afeta 1,4 milhão de pessoas, deixando a população passando fome. Um esforço conjunto da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e do Programa Mundial de Alimentos (PMA) tenta reverter o cenário, distribuindo alimentos, tratando a desnutrição e fortalecendo a produção agrícola.

Homens armados entraram em março na casa de Berta Cáceres, localizada na cidade de La Esperanza, oeste do país, e mataram a ativista. Foto: goldmanprize.org

Ativista hondurenha Berta Cáceres recebe prêmio póstumo da ONU

Berta Cáceres, defensora comunitária dos direitos dos povos indígenas e da proteção do meio ambiente em Honduras, foi reconhecida postumamente com o prêmio ambiental mais importante das Nações Unidas.

Cáceres, que liderou uma longa luta contra a construção de uma hidrelétrica na terra de seu povo natal Lenca, foi assassinada no início deste ano. Sua morte provocou protestos internacionais e colocou em evidência a violência e a intimidação sofrida pelos ambientalistas em Honduras e em outros países latino-americanos.

Leguminosas são fontes de nutrientes e podem ajudar no combate à fome. Foto: pixabay

FAO: consumo e produção de leguminosas têm perdido espaço na América Latina

Na América Latina e no Caribe, as leguminosas têm competido com cultivos mais comerciais e de exportação que ocupam áreas com melhores solos e de mais fácil irrigação, afirmou a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

“As novas gerações estão perdendo o conhecimento sobre as formas de produção, consumo e preparação de leguminosas. Trata-se de um tesouro latino-americano que está em risco”, disse Allan Hruska, da FAO, destacando a importância de defender os alimentos nativos e nutritivos frente à pressão comercial das comidas processadas na América Latina e no Caribe.

Vencedores do Prêmio Mais Movimento com parceiros da iniciativa. Foto: UNIC Rio / Matheus Otanari

PNUD anuncia vencedores do Prêmio Mais Movimento

O Prêmio Mais Movimento do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) anunciou nesta sexta-feira (2) no Rio de Janeiro os vencedores que promovem a prática regular da atividade física: Erê Lab, Geração Movimento e o Programa Promoção de Atividade Física em Unidades Básicas de Saúde. A reportagem foi “Engenheiro do Rio cria aplicativo que junta os amantes de vários esportes”, da RedeTV, pela jornalista Gabriela Zottis, também foi premiada pela iniciativa.

Haitianos desembarcam em busca de oportunidades de emprego no Brasil após o terremoto de 2010. Foto: Senado / Luciano Pontes

ONU promove encontro em Brasília sobre atendimento a migrantes e refugiados

Evento organizado pela Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) em Brasília promove de 5 a 7 de dezembro a troca de experiências entre organizações especializadas no atendimento de refugiados e migrantes que chegam ao Brasil. Segundo o ACNUR, o debate se torna ainda mais importante em um momento de forte aumento do fluxo migratório para o país de pessoas que fogem de conflitos armados, violência e perseguições.

Em setembro de 2015, países aprovaram a adoção dos 17 objetivos propostos para serem alcançados até 2030. Imagem: Facebook/Project Everyone.

Especialistas da ONU alertam: é necessário cumprir compromissos políticos e financeiros para a Agenda 2030

Um grupo de especialistas da ONU em direitos humanos pediu que os governos honrem os compromissos financeiros e políticos para o desenvolvimento, caso contrário os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) não serão alcançados até 2030. O comunicado conjunto, divulgado em Genebra, marca o 30o. aniversário da adoção da Declaração para o Direito do Desenvolvimento pela Assembleia Geral da ONU, no dia 4 dezembro.

Nos países árabes, a média de participação das mulheres jovens na força de trabalho é de 24%. Foto: PNUD

Investir na juventude é essencial para desenvolvimento de países árabes, diz PNUD

O futuro do desenvolvimento e da segurança nos países árabes depende do investimento em sua juventude, que está mais educada e conectada do que nunca, disse o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em novo relatório sobre a região.

O documento pede que os países árabes adotem políticas que garantam o bem-estar, a produtividade, a autodeterminação e a cidadania dos mais jovens.

Segundo a publicação, o comércio de serviços globais em 2014 cresceu 5%, sendo o grande condutor do desenvolvimento econômico mundial em comércio do ano. Foto: USP Imagens/ Marcos Santos

Bancos precisam considerar critérios de direitos humanos ao conceder crédito, diz ONU

Apesar de frequentemente o setor financeiro parecer distante das violações aos direitos humanos, ele tem responsabilidade fundamental no tema, afirmou alto comissário das Nações Unidas.

“Um número crescente de instituições financeiras tem buscado integrar critérios sociais e de direitos humanos em suas operações de crédito”, declarou Zeid Ra’ad Al Hussein. Ele enfatizou a importância de normas e princípios para orientar o trabalho do setor financeiro com o objetivo de evitar e mitigar riscos.

PNUD e Brasil querem capacitar mão de obra haitiana para atrair investidores e garantir inserção da população no mercado de trabalho. Foto: Fórum Caribenho sobre Risco Sísmico em Zonas Urbanas

Migração e novos modelos de negócios são desafio para mercado de trabalho do século 21, diz OIT

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) participou no fim de novembro (21) em São Paulo de seminário que reuniu mais de 60 especialistas, acadêmicos e representantes de governos, sociedade civil e organizações de empregadores e trabalhadores.

Na ocasião, o diretor do escritório da OIT no Brasil, Peter Poschen, lembrou que a organização foi criada no século 20, enquanto as mudanças ocorridas nos últimos 30 anos trazem novos desafios, como um fenômeno migratório mais acentuado e novos modelos de negócios.

No Laos, voluntários de uma comunidade cozinham receitas tradicionais com ingredientes mais nutritivos para melhorar a alimentação das crianças. Foto: Banco Mundial / Bart Verweij

Má nutrição afeta um terço da população mundial e custa US$ 3,5 trilhões por ano, diz FAO

Uma em cada três pessoas no mundo não possui uma alimentação adequada, segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Mais de 2 bilhões de indivíduos no planeta sofrem de deficiências nutricionais e cerca de 150 milhões de crianças com menos de cinco anos de idade têm o crescimento atrofiado devido a dietas pobres. Ao mesmo tempo, 1,9 bilhão de indivíduos estão acima do peso ideal.

Missão da ONU monitora a destruição de munições e explosivos em Llanos del Yarí, Colômbia. Foto: Missão da ONU na Colômbia

Secretário-geral da ONU comemora aprovação de acordo de paz na Colômbia

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse ter ficado satisfeito com a ratificação pelo parlamento colombiano do acordo de paz entre o governo do país e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC), segundo comunicado emitido por seu porta-voz na quinta-feira (1).

Ele cumprimentou as partes e o povo colombiano, cuja “determinação para atingir a paz tem sido uma fonte de inspiração para o mundo todo”. “A ratificação do acordo é um marco para o processo que reafirma a esperança compartilhada por todos os colombianos por um futuro de paz e prosperidade após décadas de conflito”, disse Ban, segundo seu porta-voz.

Força Interina das Nações Unidas no Líbano (FINUL) usa energia solar para manter bases e escritórios. Foto: FINUL

ONU lança iniciativa para reduzir impacto ambiental de operações de paz

A fim de reduzir o uso de recursos naturais pelas operações de paz da ONU, o Departamento de Apoio de Campo das Nações Unidas anunciou nesta semana (29) uma nova estratégia para minimizar o impacto das missões nas sociedades e ecossistemas onde atuam. Objetivo é investir em energia renovável e proteção do meio ambiente. Departamento atua em mais de 30 países com forças da Organização e de países.

No Dia Mundial de Luta contra a Aids, ONU pediu “espírito intransigente” para colocar fim à epidemia até 2030. Foto: ONU

Em dia mundial, ONU pede compromisso renovado com combate à AIDS

No Dia Mundial de Luta contra a AIDS, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu renovado compromisso global para o combate à doença, assim como um “espírito intransigente” para colocar fim à epidemia até 2030.

“Desde a emergência da AIDS, há 35 anos, a comunidade internacional pode olhar para trás com algum orgulho, mas ainda é preciso mirar adiante com determinação e comprometimento para alcançar nosso objetivo de acabar com a epidemia até 2030”, disse Ban em comunicado para a data.

Em Dia Internacional que celebra o esporte como ferramenta para o desenvolvimento e a paz, o chefe da ONU, Ban Ki-moon, foi categórico: “jogando juntos, podemos criar o futuro que queremos”. Foto: UNICEF Brasil / Rocha

PNUD entrega Prêmio Mais Movimento para incentivar combate à ‘epidemia de inatividade física’

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) entregará o Prêmio Mais Movimento a seus vencedores no Museu de Arte do Rio (MAR), na sexta-feira (2). O representante do PNUD no Brasil, Niky Fabiancic, participa da cerimônia. Premiação reconhece projetos que promovam experiências positivas para crianças desde cedo e/ou integrem a atividade física no dia a dia das pessoas em todas as faixas etárias.

Imigrantes haitianos em Iñapari, no Peru. A rota é usada por muitos para alcançar o Brasil pela fronteira com o Acre, para depois seguirem para centros urbanos. Segundo as mais recentes estimativas, mais de 50 mil haitianos já migraram para o Brasil desde o terremoto que atingiu o país caribenho, em janeiro de 2010. Foto: Marcello Casal Jr./ABr

Cátedra Sérgio Vieira de Mello premia teses e dissertações sobre refúgio e migração

Após palestras de refugiados, representantes da agência da ONU para o tema, acadêmicos e pesquisadores de diferentes países, a I Conferência Latino-Americana e o VII Seminário Nacional da Cátedra Sérgio Vieira de Mello (CSVM) concluíram seus trabalhos com a premiação de teses e dissertações.

Os trabalhos foram selecionados por uma banca avaliadora composta por membros da cátedra e da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), de acordo com a relevância da pesquisa. O evento ocorreu na Universidade Federal do ABC (UFABC).

Luiz Carlos Pereira Junior, diretor do hospital Emílio Ribas, Jean Gorinchteyn, Infectologista do Emílio Ribas, Wanessa Camargo, Embaixadora de Boa Vontade do UNAIDS no Brasil, Georgiana Braga-Orillard, diretora do UNAIDS no Brasil, e Maria Clara Gianna, Coordenadora do Programa Estadual de DST/Aids de São Paulo. Foto: Hélvio Romero.

Embaixadora de agência da ONU, Wanessa Camargo apoia campanha de prevenção à Aids em SP

A segunda edição da Campanha de Mobilização Virtual contra a Aids do Hospital Emílio Ribas foi lançada na quarta-feira (24) na sede da instituição, em São Paulo, com a presença da Embaixadora de Boa Vontade do UNAIDS, Wanessa Camargo, autoridades locais e outras celebridades. O objetivo da iniciativa é conscientizar a população em geral, e em especial os jovens, sobre a prevenção ao HIV.

Também estavam presentes no evento os cantores Simony, MC Gui, Tiê, Filipe Catto e Patrícia Marx, além do ator Dalton Vigh, do humorista Daniel Zuckerman, das apresentadoras Fabiana Scaranzi e Marina Person, entre outros convidados.

Trabalhadores agrícolas colhem cenouras em uma fazenda em Chimaltenango, Guatemala. Foto: Banco Mundial/Maria Fleischmann

Agência da ONU atualiza site com base de dados global sobre setor agrícola

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) lançou na semana passada (24) uma nova versão do site FAOSTAT, cujo objetivo é facilitar o acesso a uma ampla base de dados sobre alimentação, agricultura, pesca, silvicultura, gestão de recursos naturais e nutrição.

A ferramenta contribui para monitorar os compromissos da comunidade internacional para erradicar a pobreza extrema, a fome e a má nutrição até 2030, assim como promover a agricultura sustentável.

Homens armados entraram em março na casa de Berta Cáceres, localizada na cidade de La Esperanza, oeste do país, e mataram a ativista. Foto: goldmanprize.org

América Latina é região mais hostil a ambientalistas, diz relator da ONU

A ambientalista hondurenha e defensora dos direitos indígenas Berta Cáceres foi assassinada em casa, em março deste ano, na frente de um amigo. Todas as ameaças que recebeu por anos se tornaram, então, realidade. Berta lutou a vida toda pelo direito dos povos Lenca de viver em um ambiente seguro e saudável em seu próprio país, Honduras.

O assassinato de Berta não foi um caso isolado. Em 2014, três quartos dos 116 casos de assassinatos de defensores do meio ambiente e dos direitos humanos ocorreram na América Central e na América do Sul, segundo relator das Nações Unidas.