Ação de Israel contra flotilha em Gaza foi “claramente ilegal”, afirma Conselho de Direitos Humanos

Forças israelenses violaram os direitos humanos e o direito humanitário internacional durante o incidente de 31 de maio passado envolvendo um comboio de navios contendo ajuda internacional com destino a Gaza, concluiu a Missão de Inquérito Independente do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. “Conduta do pessoal militar israelense com os passageiros abordo do navio não foi apenas desproporcional para a ocasião”, demonstrando “um nível inaceitável de brutalidade”.

Sobe para 17 milhões o número de pessoas afetadas pelas inundações no Paquistão

As Nações Unidas estão expandindo suas operações de ajuda no Paquistão, devido ao aumento das áreas inundadas e o número de pessoas significantemente afetadas pelo desastre. Notícias publicadas na mídia indicam que o Talibã ameaçou matar os trabalhadores humanitários das Nações Unidas que operam na zona de inundação. O Subsecretário-Geral para Assuntos Humanitários afirmou que isso não vai impedir que o pessoal da ONU e seus parceiros continuem o trabalho.