Categoria: Ação Humanitária

Diretor da OMS elogia resolução para acelerar resposta à COVID-19

A Assembleia Mundial da Saúde adotou na terça-feira (19) uma resolução histórica, estabelecendo um roteiro claro das ações necessárias para sustentar e acelerar a resposta à COVID-19 nos níveis nacional e internacional, disse o diretor geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) em coletiva de imprensa na quarta-feira (20), um dia após a conclusão da reunião. A resolução recomenda a distribuição justa de todas as tecnologias essenciais de saúde para combater a pandemia, o aproveitamento de tratados internacionais relevantes quando for necessário, a classificação das vacinas da COVID-19 como um bem público e o incentivo a pesquisa e o desenvolvimento ... Read more

Direitos de mulheres e meninas em meio à pandemia é foco de campanha da ONU

Em Roraima, campanha distribui materiais informativos em abrigos e ocupações espontâneas para aumentar a conscientização sobre os direitos das mulheres e meninas em meio à pandemia de COVID-19. O trabalho da força-tarefa de comunicação é liderado por ONU Mulheres, Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), com financiamento do governo de Luxemburgo.

Refugiados participam de clipe da cantora Iza com apoio do ACNUR

Na ocasião do Dia Mundial para a Diversidade Cultural e para o Diálogo e o Desenvolvimento, a artista brasileira Iza e o rapper norte-americano Maejor lançaram a música “Let me be the one”. A música integra a campanha Be The One, cujo objetivo é apoiar as causas humanitárias, com destaque ao tema dos refugiados e migrantes, e inspirar um movimento global em torno de justiça, segurança e dignidade humana.

Da sala de aula para sala de casa: projeto da OIT utiliza treinamento inédito em meio à pandemia

Projeto Cozinha & Voz faz parte de uma ampla iniciativa de promoção do trabalho decente para pessoas em situação de vulnerabilidade, desenvolvida pela Organização Internacional do Trabalho (OIT),  e pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), com apoio da cozinheira Paola Carosella e da Casa Poema. Conheça como a iniciativa funciona e está beneficiando pessoas trans de diversas regiões do Brasil.

ACNUR e Prefeitura de SP lançam guia de atendimento à população trans e travesti refugiada e migrante

No marco do Dia Internacional Contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, comemorado globalmente no dia 17 de maio, a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e a Prefeitura de São Paulo lançaram virtualmente na segunda-feira (18) um Protocolo Operacional Padrão (POP) que orienta o atendimento humanizado à população refugiada e migrante trans e travesti vivendo na capital paulista. No atual contexto de pandemia causada pela COVID-19, as dificuldades existentes são agravadas e ocasionam demandas crescentes para o acesso à serviços de assistência social, incluindo acolhimento e recebimento de alimentos.

Ivete Sangalo e Dilsinho gravam música com artistas latinos para ajudar na resposta à COVID-19

A empresa Sony Music Latin em parceria com a ONG Global Citizen lançaram uma nova versão da música “Color Esperanza” para arrecadar recursos para ajudar a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) na resposta à COVID-19. A música, lançada há quase 20 anos, passa uma mensagem de união, paz, mudança e esperança e já foi usada por várias causas e movimentos sociais. Os brasileiros Ivete Sangalo e Dilsinho fazem parte do grupo de 30 artistas convidados, que incluem Ruben Blades, Prince Royce, Carlos Rivera e Carlos Vives.

Coronavírus ameaça indígenas venezuelanos que buscam segurança no Brasil

Enquanto quase metade dos quase 5 mil refugiados indígenas venezuelanos que vivem no Brasil está em abrigos de Belém (PA), Manaus (AM), Boa Vista (RR) e Pacaraima (RR), muitos outros permanecem em situações de insalubridade, vivendo em moradias superlotadas – ou mesmo nas ruas – sem saneamento básico, o que dificulta a prevenção contra a infecção. Leia o relato da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

UNICEF alerta sobre impactos de eventual suspensão dos serviços de saúde para crianças e gestantes

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) alertou sobre os impactos de uma eventual interrupção dos serviços de atenção primária de saúde direcionados a gestantes e crianças menores de 5 anos devido à pandemia de COVID-19. A agência da ONU recomenda aos governos que crianças e grávidas sejam priorizadas nos serviços de saúde, e que todos os serviços de cuidado pré-natal e neonatal, inclusive os programas de vacinação, sejam mantidos e adaptados às novas necessidades causadas pela pandemia, sempre respeitando os protocolos de segurança de proteção frente ao novo coronavírus.

Programa Territórios Sociais distribui 250 mil sabonetes para famílias de favelas do Rio

O Programa Territórios Sociais vai distribuir 250 mil sabonetes para cerca de 25 mil famílias dos dez maiores complexos de favelas do Rio de Janeiro (RJ). Os itens foram doados ao município pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). O programa é uma iniciativa da Prefeitura do Rio, em parceira com o Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-Habitat).

Japão contribui com US$ 2,7 milhões para expandir a resposta à COVID-19 em nove países das Américas

O Governo do Japão vai contribuir com US$ 2,7 milhões para ajudar nove países das Américas – Bolívia, Brasil, Chile, Guatemala, México, Panamá, Paraguai, Peru e Venezuela – a expandir suas respostas à pandemia da COVID-19, causada pelo novo coronavírus. A contribuição financeira do Japão apoiará os esforços de resposta da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) nestes países para mitigar o impacto da disseminação do vírus e impedir a transmissão de pessoa a pessoa da COVID-19 nas Américas.

VÍDEO: Coronavírus chega ao maior campo de refugiados do mundo, em Bangladesh

Agências humanitárias das Nações Unidas confirmaram o primeiro caso de COVID-19 no maior assentamento de refugiados do mundo, Kutapalong, em Bangladesh, que acolhe 860 mil pessoas da minoria rohingya que fugiram da perseguição em Mianmar, país vizinho. Uma pessoa da comunidade de acolhimento também testou positivo. Os dois pacientes estão isolados, sendo tratados, e todos os seus contatos estão sendo rastreados, testados e colocados em isolamento. Em entrevista à ONU News, a coordenadora de Gestão e Desenvolvimento de Campo da Organização Internacional para as Migrações (OIM), Kerry McBroom, explicou os três maiores desafios atuais.

COVID-19: Líderes mundiais pedem que medicamentos e futuras vacinas sejam livres de patentes

Mais de 140 líderes mundiais assinaram na quinta-feira (14) uma carta aberta solicitando que os governos se unam para encontrar uma vacina contra a COVID-19, marcando a posição mais ambiciosa já estabelecida sobre o que se tornou a busca mais urgente da ciência moderna. Eles estão exigindo que todas as vacinas, tratamentos e testes sejam livres de patentes, produzidos em massa e distribuídos de maneira justa.

Transmissions of kindness: community radio engages indigenous refugees and migrants in Manaus

Information from city shelters includes coronavirus prevention, football, music and celebrity news. Warao ethnic group in the city of Manaus receive information in their own language thanks to an initiative from ACNUR.

Rádio comunitária engaja refugiados e migrantes indígenas em Manaus

A pandemia do novo coronavírus é a principal pauta dos programas de rádios comunitárias, que ajudam a reforçar as medidas de prevenção divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e reportam o número de pessoas infectadas e óbitos. Também há espaço para músicas e assuntos diversos, como futebol e a vida de celebridades. Esta é uma das estratégias da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) para fortalecer a proteção das populações indígenas venezuelanas no Norte do país. Em parceria com o Instituto Mana e Secretaria Municipal da Mulher Assistência Social e Cidadania de Manaus (SEMASC), as rádios comunitárias nos dois ... Read more

VÍDEO: Cinco coisas que a OMS está fazendo contra o coronavírus

Em maio, o mundo já tinha confirmado mais de 4 milhões de casos de COVID-19, com uma perda de mais de quase 300 mil vidas, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). “Mas esses não são apenas números – todos os casos são mães, pais, filhos, filhas, irmãos, irmãs ou amigos”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, chefe da agência. É tempo de se afastar das pessoas para salvar a humanidade. Para aliviar o sofrimento e salvar vidas em meio à pandemia, a OMS está focada em cinco ações-chave; saiba aqui quais são.

Projeto Balaio abre cadastro online para quem precisa de alimentos e kits de higiene e limpeza

O "Projeto Balaio: saúde, inclusão e comunidade" recebe desde quarta-feira (13) inscrições de pessoas vivendo com HIV/AIDS e pessoas LGBTI+ que necessitem de apoio com cesta básica de alimentos e kits de higiene e limpeza em meio à pandemia de COVID-19. Ação é uma iniciativa da ONG Barong, em parceria com o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). O projeto tem foco inicial em pessoas que moram na cidade de São Paulo e se encontram em situação de extrema vulnerabilidade. Seu objetivo é ... Read more

Organizações buscam apoio urgente a refugiados e migrantes da Venezuela em meio à pandemia

Com a pandemia da COVID-19 ameaçando a segurança e o futuro de milhões de refugiados e migrantes da Venezuela e de suas comunidades anfitriãs, mais de 150 organizações que trabalham em 17 países da América Latina e no Caribe estão apelando à comunidade internacional para um aumento urgente de apoio. “O coronavírus está pressionando nossas sociedades de maneiras que nunca poderíamos imaginar. Para os refugiados e migrantes venezuelanos, a pandemia os expõe a dificuldades ainda maiores, já que muitos estão lutando para sobreviver fora de casa”, disse Eduardo Stein, representante especial conjunto de Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e ... Read more

COVID-19: ONU lança parceria para ampliar produção local de tecnologias de saúde

O Banco de Tecnologia das Nações Unidas, juntamente com o PNUD, a UNCTAD e a OMS, lançaram nesta terça-feira (12) a Tech Access Partnership (Parceria de Acesso a Tecnologia - TAP, em inglês) como parte de uma abordagem coordenada para fortalecer as respostas dos países em desenvolvimento à COVID-19 e aumentar o acesso a tecnologias de saúde que salvam vidas. À medida que a demanda por equipamentos de proteção individual, dispositivos médicos e diagnósticos aumenta exponencialmente em meio à pandemia global, países com recursos limitados geralmente não conseguem comprar ou produzir as ferramentas necessárias para montar respostas eficazes à COVID-19. ... Read more

COVID-19: UNICEF faz apelo para arrecadar US$ 1,6 bilhão para atender às necessidades de crianças

O UNICEF está pedindo US$ 1,6 bilhão para apoiar sua resposta humanitária a crianças afetadas pela pandemia da COVID-19, em comparação aos US$ 651,6 milhões solicitados em um apelo semelhante no final de março. Esse aumento reflete as consequências socioeconômicas devastadoras da doença e as crescentes necessidades das famílias. À medida que o surto entra em seu quinto mês, os custos com suprimentos, remessas e deveres de proteção estão aumentando drasticamente. Segundo a diretora-executiva do UNICEF, Henrietta Fore, a pandemia é uma crise de saúde que está rapidamente se tornando uma crise dos direitos da criança.

“Sem esse dinheiro eu estaria na rua”, diz venezuelana apoiada pelo ACNUR

As manicures venezuelanas Silany e Francis chegaram ao Brasil há um mês, em plena pandemia do novo coronavírus e não conseguiram colocação profissional por conta das medidas de isolamento social. Graças a um programa de transferência de renda do ACNUR, elas poderão manter as despesas básicas com moradia, alimentação e medicamentos. Conheça a história das refugiadas que atualmente moram em Brasília, no Distrito Federal, e saiba como ajudar.

Mais de 1,1 mil indígenas são beneficiados em ação de prevenção à COVID-19 em Pacaraima (RR)

Desde que a pandemia da COVID-19 chegou ao Brasil, a Organização Internacional para as Migrações (OIM) tem reforçado suas atividades em campo e desenvolvido atividades de prevenção e informação para refugiados, migrantes e comunidade de acolhida. As ações incluem as comunidades indígenas transfronteiriças, que são visitadas pela OIM de modo a dialogar com a população local e da Venezuela sobre saúde e medidas de prevenção ao novo coronavírus. Em ação realizada no último mês no município de Pacaraima, Roraima, mais de 1.100 indígenas da etnia Pemón-Taurepang moradores do Bananal, Sorokaima I e Sakao-Motá, foram beneficiados com kits de higiene e ... Read more

“Without this money, I’d be in the streets”, says Venezuelan supported by UNHCR

Venezuelan manicurists Silany and Francis arrived in Brazil a month ago, in the middle of the new coronavirus pandemic and were unable to get a job because of the social isolation measures. Thanks to a cash transfer programme of the United Nations Refugee Agency (UNHCR), they will be able to cover their basic living, food and medicine expenses. Get to know the history of the refugees who currently live in Brasília, in the Federal District, and learn how to help.

Secretário-geral da ONU homenageia vítimas da segunda guerra mundial; vídeo

Em mensagem para o momento de lembrança e reconciliação para aqueles que perderam suas vidas durante a Segunda Guerra Mundial – marcado anualmente em 8 e 9 de maio –, o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, prestou uma homenagem aos milhões de pessoas que perderam a vida no conflito encerrado há 75 anos. “Nunca devemos esquecer o Holocausto e os outros crimes graves e horrendos cometidos pelos nazistas. A vitória sobre o fascismo e a tirania em maio de 1945 marcou o início de uma nova era”, destacou Guterres.

‘Sinto nos olhares e gestos das pessoas um sentimento profundo de agradecimento’

A antropóloga Lis Viana de Abreu, de 29 anos, é assistente de campo na operação da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) há quase dois anos. Ela trabalha em Pacaraima (RR), cidade na fronteira do Brasil com a Venezuela, e compartilhou os principais desafios de trabalhar em uma emergência humanitária no contexto da pandemia do novo coronavírus.

IOM doctors work in mobile offices in Roraima during the COVID-19 pandemic

Two ambulances transformed into medical offices are assisting Brazilians, migrants and refugees in strategic points of Boa Vista, the capital of Roraima, during the COVID-19 pandemic. Get to know the history of the doctors of the health team of the International Organization for Migration (IOM)

Médicos da OIM trabalham em consultórios móveis em Roraima durante pandemia da COVID-19

Duas ambulâncias transformadas em consultórios médicos estão atendendo brasileiros, migrantes e refugiados em pontos estratégicos de Boa Vista, capital de Roraima, durante a pandemia da COVID-19. Conheça a história dos médicos da equipe de saúde da Organização Internacional para as Migrações (OIM)

COVID-19: ONU e parceiros lançam apelo de US$6,7 bi para ajudar países mais vulneráveis

O Plano Global de Resposta Humanitária de 6,7 bilhões de dólares exige ações rápidas e determinadas para evitar os efeitos mais debilitantes da pandemia em 63 países de baixa e média renda. Embora a maioria desses países tenha um baixo número de casos de COVID-19 até agora, sua vigilância, exames laboratoriais e sistemas de saúde são fracos, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

OIM abre inscrições para festival internacional de cinema sobre migrações

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) abriu inscrições para o Festival Global de Cinema sobre Migração. O evento de 2020 ocorre de 28 de novembro a 18 de dezembro e é a principal iniciativa cultural do mundo sobre o tema. O prazo para envio dos filmes é dia 21 de junho de 2020. Em 2019, ocorreram mais de 700 exibições de 32 filmes selecionados em 108 países, com uma audiência global de cerca de 60 mil pessoas. O objetivo do Festival é preparar o caminho para uma discussão maior sobre um dos maiores fenômenos do nosso tempo: a migração; ... Read more

Veja as ações do UNICEF em resposta ao coronavírus no Brasil

As crianças e adolescentes não são os mais afetados diretamente pelo coronavírus, mas, como em todas as emergências e crises humanitárias, são eles os que mais sofrem de maneira indireta. Por essa razão, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) ajustou seu Programa de País, ampliando suas iniciativas para reduzir o avanço do vírus e mitigar os impactos da epidemia na vida de crianças e adolescentes, em especial aqueles mais vulneráveis. Conheça as principais iniciativas do UNICEF no Brasil para enfrentar a epidemia e proteger crianças e adolescentes da COVID-19.

ARTIGO: As Forças de Paz da ONU devem manter o curso

Em artigo, o subsecretário-geral do Departamento de Apoio Operacional da ONU e o subsecretário-geral do Departamento de Operações de Paz das Nações Unidas afirmam que quando o vírus da COVID-19 se espalhar ainda mais em países já enfraquecidos pela guerra e pela pobreza, ele não apenas ameaçará a vida de milhares de pessoas, mas também poderá pender a frágil balança da paz de volta para o conflito e o desespero. "Para essas comunidades, os riscos não poderiam ser maiores e a importância do apoio da ONU nunca foi tão grande." Leia o artigo completo.

Cineasta brasileiro espera que pandemia gere mais empatia por situação de refugiados

Em vez de medo e xenofobia, o isolamento e a incerteza em relação ao futuro provocada pela pandemia têm o potencial de gerar mais empatia em relação ao outro, especialmente em relação àqueles que já enfrentavam dificuldades antes mesmo de a COVID-19 emergir, como refugiados, migrantes e pessoas em situação de vulnerabilidade social. A expectativa é do cineasta brasileiro Karim Aïnouz, que lançou na sexta-feira (24), diretamente nas plataformas de streaming, seu filme "Aeroporto Central", que trata da situação de solicitantes de refúgio abrigados no extinto Aeroporto de Tempelhof, em Berlim. Leia a entrevista concedida à ONU Brasil.

Pandemic could generate more empathy towards refugees, says Brazilian filmmaker

Instead of fear and xenophobia, the isolation and uncertainty about the future brought by the COVID-19 pandemic has the potential to generate more empathy and solidarity towards others, including refugees. That's the hope of the Brazilian filmaker Karim Aïnouz, who launched directly on the streaming platforms his documentary "Central Airport THF", which describes the situation of asylum seekers sheltered in the former Tempelholf Airport, in Berlin.

ARTIGO: Ciência, cooperação e uma nova noção de humanidade

Em artigo publicado na Folha de S.Paulo, a diretora e representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto, afirma que o conhecimento cientifico é o caminho para superarmos a pandemia de COVID-19, mas ele não será suficiente para evitarmos as consequências danosas de outros problemas globais. "Será preciso uma nova leitura de como enxergamos a humanidade, um outro patamar de empatia, que deve vir de governos, agentes econômicos e sociedade civil." Leia o artigo completo.

VÍDEO: uma década de ação pelas pessoas e pelo planeta

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – nossa visão compartilhada sobre como acabar com a pobreza, garantir um futuro saudável para o planeta e construir um mundo pacífico – estão ganhando impulso global. Com apenas 10 anos à frente, um ambicioso esforço global está em andamento para cumprir a promessa da Agenda 2030 – mobilizando mais governos, sociedade civil, empresas e convidando todas as pessoas a tomarem para si os Objetivos Globais.

“Não desistimos. E não vamos desistir”, diz OMS três meses após declaração de pandemia

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Ghebreyesus, pediu união nacional e solidariedade global em coletiva onde descreveu a evolução da resposta à COVID-19, três meses após a declaração de pandemia. OMS afirma que o coronavírus pode gerar danos maiores do que um ataque terrorista e informa que está trabalhando em parceria com empresas de tecnologia para travar a expansão da doença e o fluxo de informações falsas. Até ontem, 29 de abril, a OMS confirmou 2.995.758 casos e 204.987 mortes ocorridas devido ao novo coronavírus no mundo.

Pensando no coletivo, favelas se organizam para combater o coronavírus

Gizele Martins é nascida e criada no Complexo da Maré, conjunto de 16 favelas com cerca de 140 mil habitantes na cidade do Rio de Janeiro. Jornalista e comunicadora comunitária, ajudou a criar a Frente de Mobilização da Maré para se preparar para a chegada do novo coronavírus. O principal objetivo é distribuir de maneira ampla, efetiva e de acordo com a realidade da favela informações baseadas nas recomendações divulgadas pelo Ministério da Saúde, pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Fiocruz sobre os cuidados e riscos do novo coronavírus.

ARTIGO: COVID-19: ameaças aos direitos das mulheres prejudicam a todos

A pandemia da COVID-19 tem um rosto feminino. São as mulheres que mais sofrem ameaça a direitos e liberdades, são elas as mais afetadas no ambiente de trabalho, já que são maioria das trabalhadoras em saúde. Elas são também a maioria das trabalhadoras domésticas, temporárias e em serviços de pequena escala que devem desaparecer nos próximos três meses, de acordo com projeções da Organização Internacional do Trabalho (OIT). É por este motivo que precisamos de sociedades mais igualitárias, defende o secretário-geral da ONU, António Guterres. Leia, a seguir, a íntegra do artigo.

Rio’s vulnerable organize themselves to fight coronavirus

Gizele Martins was born and raised in the Complexo da Maré, a group of 16 favelas (slums) with around 140,000 inhabitants in Rio de Janeiro. A journalist and community activist, she helped to create the Mare Mobilization Front to prepare for the arrival of the new coronavirus. Her mission is to distribute information based on the recommendations from the Ministry of Health of Brazil, the World Health Organization (WHO) and Oswaldo Cruz Foundation (FIOCRUZ) about the care and risks of the new coronavirus, in a broad and effective manner to the poor living in difficult conditions in the favelas.

COVID-19: Refugiados sírios se adaptam ao isolamento em campos da Jordânia

Mesmo sem ter casos confirmados da COVID-19 até agora, a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) está ajudando cerca de 120 mil refugiados que vivem nos maiores campos da região, fazendo o possível para mitigar ameaças. Conheça um pouco os desafios enfrentados por dois refugiados que vivem em campos da Jordânia e estão isolados desde 21 de março. Com tantas pessoas vivendo tão próximas e com acesso apenas às instalações básicas de saúde e saneamento, muitos temem o que acontecerá se o vírus chegar aos campos.

COVID-19: ONU lidera proposta para ajudar 135 países a conseguir kits médicos vitais

Uma grande iniciativa liderada pelas Nações Unidas está em curso para garantir suprimentos para equipamentos médicos fundamentais para 135 países de renda média que enfrentam a pandemia da COVID-19. O anúncio foi feito nesta terça-feira (28) pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A iniciativa da força-tarefa da COVID-19 segue um pedido direto do secretário-gera da ONU, António Guterres, para que a OMS coordene a resposta da Organização ao novo coronavírus.

VÍDEO: O que for preciso

Todas as horas, todos os dias, em algum lugar do mundo, as Nações Unidas estão fornecendo ajuda humanitária para aliviar o sofrimento de pessoas afetadas pelas crises. Apesar de o desafio crescer a cada dia, também cresce o comprometimento das trabalhadoras e dos trabalhadores humanitários. São mulheres e homens que trabalham incansavelmente para não deixar ninguém para trás.