Programa da ONU firma parceria com Maricá para enfrentar extrema pobreza

Para apoiar os esforços de Maricá (RJ) na eliminação da extrema pobreza, o Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) firmou neste mês (7) uma parceria com a Prefeitura do município e o Instituto Darcy Ribeiro. Cooperação visa mobilizar as diferentes secretarias do Executivo local para ampliar o acesso a serviços como saúde, educação e condições de vida.

Vista aérea de Maricá (RJ). Foto: Flickr (CC)/Bruno Figueiredo

Vista aérea de Maricá (RJ). Foto: Flickr (CC)/Bruno Figueiredo

Para apoiar os esforços de Maricá (RJ) na eliminação da extrema pobreza, o Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) firmou neste mês (7) uma parceria com a Prefeitura do município e o Instituto Darcy Ribeiro. Cooperação visa mobilizar as diferentes secretarias do Executivo local para ampliar o acesso a serviços como saúde, educação e condições de vida.

A proposta da colaboração é implementar uma abordagem integrada das necessidades da população, atendendo aos moradores mais vulneráveis da cidade, localizada na região metropolitana do Rio de Janeiro.

Maricá já conta com políticas que promovem, por exemplo, o acesso universal ao transporte público, como a tarifa zero em ônibus que passaram a ser operados por empresa estatal em 2014.

Outro exemplo de política pública é o uso da moeda social Mumbuca, que leva serviços financeiros para a população e também complementa a renda, oferecendo um auxílio financeiro que pode ser usado para comprar produtos de negócios cadastrados. O objetivo é ampliar o poder aquisitivo do cidadão e, ao mesmo tempo, fomentar a economia local.

Maricá marcado em vermelho no mapa do estado do Rio de Janeiro. Imagem: Wikimedia Commons/Raphael Lorenzeto de Abreu

Maricá marcado em vermelho no mapa do estado do Rio de Janeiro. Imagem: Wikimedia Commons/Raphael Lorenzeto de Abreu

A articulação com o ONU-Habitat deve fortalecer e assessorar as instituições no levantamento, gestão e sistematização de dados. Com a cooperação, o Executivo municipal alinha a sua atuação aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS), em especial o ODS nº 11 — tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.

A cerimônia de assinatura do memorando da parceria teve a participação do prefeito Fabiano Horta, do diretor regional para América Latina e Caribe do ONU-Habitat, Elkin Velásquez, e de funcionários técnicos e representantes de diferentes órgãos municipais de Maricá.

O organismo das Nações Unidas tem a expectativa de que o trabalho conjunto vai orientar as políticas públicas e os processos decisórios com base em evidências, seguindo o lema da Agenda 2030 da ONU e seus 17 ODS — “não deixar ninguém para trás”.


Comente

comentários