Presidente da Assembleia Geral e líderes cubanos discutem Cooperação Sul-Sul

O estímulo da chamada Cooperação Sul-Sul foi o centro das discussões entre o Presidente da Assembleia Geral, Ali Treki, e líderes cubanos, durante visita de Treki a Cuba.

O estímulo da chamada Cooperação Sul-Sul, ou a colaboração entre países em desenvolvimento, foi a grande discussão entre o Presidente da Assembleia Geral, Ali Treki, e funcionários do governo cubano, durante a visita de três dias de Treki a Cuba.

O Presidente da Assembleia Geral e José Ramón Machado Ventura, Primeiro Vice-Presidente do Conselho de Estado e de Ministros de Cuba também discutiram a importância de diálogo e da colaboração na resolução de questões bilaterais. O Vice-Presidente expressou o apoio cubano ao trabalho de Treki, especialmente quanto à necessidade de reforçar o papel e a autoridade da Assembleia Geral.

A situação no Oriente Médio e os progressos nos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) em meio a uma crise financeira global foram levantados em reunião com Bruno Eduardo Rodríguez Parrilla, Ministro das Relações Exteriores de Cuba. Treki também se reuniu com outros representantes, incluindo o presidente da Assembleia Nacional, Ricardo Alarcón, e o Ministro do Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro, Rodrigo Malmierca.

Uma conferência será realizada em setembro, em Nova York, sobre planos para acelerar os esforços para alcançar os oito Objetivos de Desenvolvimento antes da data limite de 2015. O Presidente da Assembleia viajou ao Equador nesta terça-feira (29) para dar continuidade a sua visita a vários países na América Latina e Caribe. Treki também já visitou a Venezuela.