Prêmio homenageia experiências de sucesso em atenção primária à saúde no Brasil

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) concederam a três experiências exitosas realizadas em municípios brasileiros o prêmio “Atenção Primária Forte: Caminho para a Saúde Universal”. A premiação foi realizada nesta quinta-feira (4) como parte da 16ª Mostra “Brasil, aqui tem SUS”, promovida no âmbito do 35º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, em Brasília (DF).

O trabalho “Desbravadores do SUS: redescobrindo cidadãos, promovendo o direito à saúde”, que apresenta a experiência do município de Rurópolis, no Pará, levou o primeiro lugar. Em segundo e terceiro lugares, respectivamente, estão os trabalhos “Atendimento médico domiciliar reduzem leitos de internações em hospitais”, em Porto Firme (MG), e “Reorganização da atenção primária do município de Canaã dos Carajás (PA), através da implantação do acolhimento à demanda espontânea e prontuário eletrônico do cidadão integrado”.

A 16ª edição da Mostra “Brasil, aqui tem SUS” recebeu 500 experiências exitosas de todos os estados do país. Foto: Ministério da Saúde/Erasmo Salomão

A 16ª edição da Mostra “Brasil, aqui tem SUS” recebeu 500 experiências exitosas de todos os estados do país. Foto: Ministério da Saúde/Erasmo Salomão

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) concederam a três experiências exitosas realizadas em municípios brasileiros o prêmio “Atenção Primária Forte: Caminho para a Saúde Universal”. A premiação foi realizada nesta quinta-feira (4) como parte da 16ª Mostra “Brasil, aqui tem SUS”, promovida no âmbito do 35º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, em Brasília (DF).

O trabalho “Desbravadores do SUS: redescobrindo cidadãos, promovendo o direito à saúde”, que apresenta a experiência do município de Rurópolis, no Pará, levou o primeiro lugar. Em segundo e terceiro lugares, respectivamente, estão os trabalhos “Atendimento médico domiciliar reduzem leitos de internações em hospitais”, em Porto Firme (MG), e “Reorganização da atenção primária do município de Canaã dos Carajás (PA), através da implantação do acolhimento à demanda espontânea e prontuário eletrônico do cidadão integrado”.

Dois autores do trabalho com maior pontuação ganharão uma viagem de estudos para conhecer uma experiência internacional de organização de rede de atenção à saúde, centrada na atenção primária à saúde, ou uma viagem para participar de evento de âmbito internacional, a ser indicada pela OPAS/OMS. As duas experiências na sequência da maior pontuação receberam certificados.

A 16ª edição da Mostra “Brasil, aqui tem SUS” recebeu 500 experiências exitosas de todos os estados do país. Ao todo, 88 delas foram premiadas em diferentes temáticas. As iniciativas que mais se destacaram em cada uma das cinco regiões brasileiras receberam prêmio de 10 mil reais e os 26 trabalhos mais bem avaliados por estado serão apresentados em documentários na Internet. Experiências inovadoras, reconhecidas pela atuação em áreas temáticas estratégicas para o Sistema Único de Saúde (SUS), também receberam medalha e certificado de premiação.

Confira aqui a lista das experiências selecionadas.


Comente

comentários