Prazo para indicação de jovens líderes das Nações Unidas termina nesta sexta-feira (15)

Serão escolhidos 17 jovens de diferentes partes do mundo que estejam engajados na luta contra a pobreza, na redução das desigualdades, no combate à mudança global do clima e em todas as metas da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

Escolhidos vão passar 12 meses desenvolvendo projetos com o enviado especial do secretário-geral da ONU para a Juventude.

Foto: Escritório do enviado especial do secretário-geral da ONU para a Juventude

Foto: Escritório do enviado especial do secretário-geral da ONU para a Juventude

Termina nesta sexta-feira (15) o prazo de inscrição para a seleção que vai escolher 17 Jovens Líderes das Nações Unidas para atuarem junto à ONU na promoção da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. A ONU vai nomear indivíduos engajados na luta contra a pobreza, na redução das desigualdades, no combate à mudança global do clima e em todas as metas de sua nova agenda.

Os 17 escolhidos – o mesmo número dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) – terão um “mandato” de 12 meses, durante os quais ficarão responsáveis por divulgar a Agenda Global em projetos desenvolvidos pelo enviado especial do secretário-geral para a Juventude, Ahmad Alhendawi.

Com a iniciativa inédita, a ONU espera selecionar anualmente um grupo de jovens pioneiros e inovadores que são uma prova da importância da juventude para o cumprimento dos ODS. Em 2017 e em todos os anos até 2030, um novo time será selecionado para ocupar os postos de Jovens Líderes.

As indicações para os “cargos” de liderança, abertas desde 15 de junho, devem ser feitas online. Podem ser indicados jovens de 18 até 30 anos de idade. As categorias para nomeação incluem: promoção de direitos; artes; negócios; empreendedorismo; finanças; meios de comunicação; filantropia; políticas; ciência; esporte; tecnologia e outras.

Clique aqui para indicar candidatos aos cargos de Jovens Líderes da ONU.

“Com essa chamada (de candidaturas), eu convido pessoas de todo o mundo a indicar aqueles jovens que demonstraram inventividade, ambição e liderança excepcionais para colocar o planeta num caminho mais sustentável. Essa é uma oportunidade para reconhecer e celebrar os jovens líderes que estão mudando o nosso mundo para melhor”, destacou Alhendawi.