Porta dos Fundos participa de campanha para divulgar os Objetivos Globais da ONU

Os humoristas produziram vídeos para dar visibilidade a três dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – igualdade de gênero, paz e justiça e redução de desigualdades.

Integrantes do Porta dos Fundos posam para foto com os ícones dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Foto: Revista Trip/Fê Pinheiro

Integrantes do Porta dos Fundos posam para foto com os ícones dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Foto: Revista Trip/Fê Pinheiro

Unir o humor com uma agenda de transformação global. Esse foi o principal motivo para o grupo Porta dos Fundos participar da campanha de divulgação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Entre os 17 objetivos, os humoristas escolheram três: igualdade de gênero, paz e justiça e redução de desigualdades. Um vídeo foi produzido para cada tema, sem perder o humor habitual que caracteriza o grupo.

Ao unir-se à campanha, o Porta dos Fundos buscou não fazer uma propaganda institucional, e sim tratar os temas com realidade. Eles escolheram os três objetivos de acordo com experiências pessoais e, também, por acreditarem que podem causar impacto na sociedade, optaram por metas que exigem bastante esforço para ser alcançadas.
Convidados por Richard Curtis, um dos principais roteiristas de comédia do mundo, para participarem do projeto, os humoristas apostaram na linguagem direta com o público, retratando, com humor, situações comuns do dia a dia.
Não é a primeira vez que o Porta dos Fundos participa de campanhas de alcance global voltadas ao desenvolvimento do planeta. Eles já produziram vídeos sobre aids, questão indígena e vegetarianismo.

Agenda 2030

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável foram estabelecidos a partir de consulta e acordo entre os países-membros das Nações Unidas e sociedade em geral. A Agenda 2030, que engloba os ODS, começou a ser discutida na Conferência sobre Desenvolvimento Sustentável da ONU, a Rio + 20. Os ODS foram adotados, formalmente, na Cúpula de Desenvolvimento Sustentável, que antecedeu a abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas, no dia 25 de setembro, em Nova York, e começam a valer em 1º de janeiro de 2016. Os 193 países-membros da ONU adotaram os Objetivos.

Após quinze anos de Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, os ODS completam a agenda anterior e ampliam o escopo de trabalho das Nações Unidas, governos, setor privado e sociedade civil.

Assista ao primeiro vídeo.