PNUMA preside debate economia verde na Conferência Nacional do Meio Ambiente

Representante da entidade aborda conexões entre gestão de resíduos e oportunidades de negócio.

A representante do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) no Brasil, Denise Hamú, presidiu uma das mesas de debate da IV Conferência Nacional do Meio Ambiente na sexta-feira, 25 de outubro, em Brasília.

O painel ‘Política Nacional de Resíduos Sólidos e a Economia Verde: Oportunidades de Negócio’ reuniu representantes de bancos públicos e privados, empresas, sociedade civil e entidades multilaterais para analisar por diversos enfoques como a gestão de resíduos também representa uma oportunidade de geração de emprego e de renda.

“Podemos ver aqui neste painel um mosaico sendo feito e envolvendo diversos setores para fomentar negócios mais sustentáveis. A Economia Verde recebe a Política Nacional de Resíduos Sólidos como uma ferramenta para o desenvolvimento sustentável”, observou a representante do PNUMA.

O painel contou com a participação da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira. “Um congresso desse porte tem o objetivo de acelerar o desenvolvimento de soluções. Estamos vendo o início de um novo ciclo ambiental, com novos temas, e um deles é a Economia Verde. Está na agenda da ONU, nas discussões para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e as metas para depois de 2015. E a sociedade civil tem um papel determinante nesse processo”, afirmou Izabella Teixeira. Saiba mais clicando aqui.