PNUD e Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho formalizam parceria sobre Objetivos Globais da ONU

Promoção da Agenda 2030 e do desenvolvimento sustentável será o foco das atividades no Rio Grande do Sul.

Após a assinatura do documento, a FMSS promoveu um workshop para jornalistas e representantes da sociedade civil sobre a Agenda 2030 e os ODS. Foto: Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS).

Após a assinatura do documento, a FMSS promoveu um workshop para jornalistas e representantes da sociedade civil sobre a Agenda 2030 e os ODS. Foto: Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS).

Para acelerar a implementação da Agenda 2030 no Rio Grande do Sul, a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS) e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) assinaram um Memorando de Entendimento na última quarta-feira (3), em Porto Alegre (RS). O objetivo é promover iniciativas, nas áreas social, ambiental e de desenvolvimento econômico, para o cumprimento das metas globais.

Um exemplo é o “Game Logus”, plataforma interativa que convoca alunos e professores de escolas públicas do estado a desenvolverem projetos baseados nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Durante a assinatura do memorando, a gerente executiva da FMSS, Lucia Ritzel, destacou que a parceria com o PNUD colabora para a promoção da Agenda 2030 no estado, por meio de iniciativas positivas para a construção de um planeta mais igualitário.

“Temos convicção de que a parceria com o PNUD amplia e potencializa a contribuição da FMSS para nossa crença na transformação positiva a partir do conhecimento. Trabalhamos por uma educação de qualidade para todos, e os 17 ODS, sem dúvida, nos ajudam a enxergar um grande plano de ação para termos um mundo melhor, justo e plural, construído de maneira holística por muitos saberes e muitas mãos”, disse.

Após a assinatura do documento, a FMSS promoveu um workshop para jornalistas e representantes da sociedade civil sobre a Agenda 2030 e os ODS. O presidente emérito do Grupo RBS, Jaime Sirotsky, destacou, durante o evento, que a parceria com o PNUD será fundamental para a disseminação e implementação da nova agenda.

O assessor sênior do PNUD Brasil, Haroldo Machado Filho, fez apresentação sobre as metas que o Rio Grande do Sul alcançou durante a vigência dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (2000-2015) e o processo de discussão e adoção da Agenda 2030 e dos ODS. No ano 2000, por exemplo, 16% da população do estado vivia abaixo da linha da pobreza. Em 2010, o índice caiu para 7,2%, representando uma queda superior a 50%.

“Os bons resultados do estado nos Objetivos do Milênio permitem que se faça uma projeção otimista para o desempenho regional na nova etapa com os ODS. Os 17 Objetivos servem como pauta para o trabalho de gestores públicos, sociedade civil e do setor privado. É uma ferramenta fundamental para melhorarmos os índices de desenvolvimento e erradicarmos a pobreza. A FMSS com certeza será um parceiro essencial ao alcance dos Objetivos Globais nos próximos anos”, afirmou Haroldo Machado. Saiba mais sobre a parceria clicando aqui.