Parada do Orgulho LGBT de São Paulo tem carro de campanha da ONU sobre direitos humanos

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

“Livres & Iguais”, campanha lançada esta semana nacionalmente em parceria com a Prefeitura de São Paulo, contou com um dos 14 carros do evento. A parada, uma das maiores do mundo, pediu este ano a aprovação da lei de identidade de gêneros. Confira as fotos.

Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, que este ano contou com participação da ONU por meio da campanha Livres & Iguais, levou centenas de milhares de pessoas às ruas por mais direitos e pela igualdade LGBT. Foto: Felipe Siston

Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, que este ano contou com participação da ONU por meio da campanha Livres & Iguais, levou centenas de milhares de pessoas às ruas por mais direitos e pela igualdade LGBT. Foto: Felipe Siston

A ONU encerrou neste domingo (4) sua participação na 18º edição do Mês do Orgulho LGBT em São Paulo com um dos 14 carros da Parada do Orgulho LGBT inteiramente dedicado à campanha “Livres & Iguais”. A campanha promove a liberdade de escolha e a igualdade de direitos para a população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) em todo o mundo.

O público presente, que lotou, durante todo o domingo, a Avenida Paulista e outras importantes avenidas da cidade, estimado pela Associação que organiza o evento – a APOGLBT – em cerca de 3 milhões de pessoas, teve a oportunidade de conhecer as mensagens de “Livres & Iguais” no carro da ONU e da Prefeitura de São Paulo.

Carro número 3, dos 14 da Parada do Orgulho LGBT deste ano, foi dedicado à campanha da ONU Livres & Iguais. Foto: Felipe Siston

Carro número 3, dos 14 da Parada do Orgulho LGBT deste ano, foi dedicado à campanha da ONU Livres & Iguais. Foto: Felipe Siston

“Livres & Iguais” – uma iniciativa do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH) – foi lançada na última segunda-feira (28) pelo Sistema ONU no Brasil e pela Prefeitura de São Paulo, com a presença da cantora Daniela Mercury – embaixadora do UNICEF e campeã da igualdade da ONU –, do prefeito paulistano Fernando Haddad, do vice-representante do ACNUDH para a América do Sul, Humberto Henderson, entre outras autoridades e representantes da sociedade civil.

Para discutir a questão, a campanha conta com o site www.unfe.org/pt e uma série de mensagens em vídeo – incluindo a de Daniela Mercury – sobre o tema. A ONU Brasil também divulgou uma série de ações que estão acontecendo no país com o objetivo de ampliar os direitos da população LGBT: www.onu.org.br/livreseiguais

Confira aqui todas as fotos do evento e da participação da ONU.


Comente

comentários