Organismo da ONU e Centro Universitário de Brasília lançam dossiê sobre combate à fome

Como parte das celebrações dos seus cinco anos de existência, o Centro de Excelência contra a Fome — organismo do Programa Mundial de Alimentos da ONU (PMA) — se uniu ao Centro Universitário de Brasília (UniCEUB) e convidou pesquisadores para a elaboração de um Dossiê sobre a Lutra contra a Fome no Mundo. A publicação é uma edição especial do Brazilian Journal of International Law (Revista de Direito Internacional) e já está disponível em meio virtual.

Políticas de alimentação escolar no Brasil. Foto: PMA/Vinícius Limongi

Políticas de alimentação escolar no Brasil. Foto: PMA/Vinícius Limongi

Como parte das celebrações dos seus cinco anos de existência, o Centro de Excelência contra a Fome — organismo do Programa Mundial de Alimentos da ONU (PMA) — se uniu ao Centro Universitário de Brasília (UniCEUB) e convidou pesquisadores para a elaboração de um Dossiê sobre a Lutra contra a Fome no Mundo. A publicação é uma edição especial do Brazilian Journal of International Law (Revista de Direito Internacional) e já está disponível em meio virtual.

O volume apresenta artigos e descobertas científicas sobre nutrição, cooperação Sul-Sul e outras parcerias internacionais para o desenvolvimento. Também são abordadas questões de direito internacional com foco em direitos humanos e no direito à alimentação; governança da segurança alimentar; acesso à alimentação; nutrição; gênero; meio ambiente, entre outras.

O resumo executivo é assinado pelo diretor do Centro de Excelência, Daniel Balaban, que lembra, no texto, que os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS) “modernizam o debate sobre a segurança alimentar e nutricional com uma abordagem de direitos humanos e estabelecem uma rota de ação para a erradicação da fome em todas as formas e dimensões”.

A meta da parceria entre o Centro de Excelência e o UniCEUB foi encorajar pesquisas nessas áreas, a fim de promover a troca de conhecimentos entre acadêmicos, governos e outros atores envolvidos em iniciativas internacionais de combate à desnutrição.

Ao conectar o conhecimento científico à ação política, as instituições responsáveis pela publicação esperam contribuir com a literatura sobre o assunto e ajudar outros pesquisadores em seus trabalhos, além de fomentar o debate na academia. O dossiê inclui artigos em português, inglês e francês.

Acesse a publicação clicando aqui.