ONU oferece apoio à Colômbia em buscas por sobreviventes de deslizamento

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

A comunidade humanitária das Nações Unidas está trabalhando de perto com as autoridades colombianas nas buscas por sobreviventes na província de Putamayo após deslizamentos de terra deixarem centenas de mortos no fim de semana.

“As Nações Unidas elogiaram a Colômbia por seus esforços para garantir que as necessidades imediatas sejam atendidas”, disse o porta-voz do secretário-geral da ONU, acrescentando que a Organização está pronta para oferecer assistência ao país.

Operações de limpeza em Mocoa, cidade da província de Putamayo, na Colômbia, após deslizamento de terra deixar mais de 250 mortos em 31 de março. Foto: Cooedenação Local da ONU em Mocoa

Operações de limpeza em Mocoa, cidade da província de Putamayo, na Colômbia, após deslizamento de terra deixar mais de 250 mortos em 31 de março. Foto: Cooedenação Local da ONU em Mocoa

A comunidade humanitária das Nações Unidas está trabalhando de perto com as autoridades colombianas nas buscas por sobreviventes na província de Putamayo após deslizamentos de terra deixarem centenas de mortos no fim de semana.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, deve conversar nesta segunda-feira (3) com o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, sobre os esforços e quaisquer necessidades urgentes, disse seu porta-voz a jornalistas em Nova York.

Guterres conversou no domingo (2) com a embaixadora Maria Emma Velez, representante permanente da Colômbia na ONU, e “enviou suas condolências para o povo e o governo da Colômbia”, disse o porta-voz.

Citando fontes humanitárias da ONU, o porta-voz disse que mais de 250 pessoas morreram e centenas estão desaparecidas e feridas, incluindo crianças.

“As Nações Unidas elogiaram a Colômbia por seus esforços para garantir que as necessidades imediatas sejam atendidas”, disse o porta-voz do secretário-geral da ONU, acrescentando que a Organização está pronta para oferecer assistência ao país.


Comente

comentários