ONU Mulheres e Pacto Global promovem evento em SP sobre igualdade de gênero nas empresas

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

A ONU Mulheres, em parceria com a Rede Brasileira do Pacto Global, promovem nesta quinta-feira (20), em São Paulo, um fórum para tratar do empoderamento das mulheres e da promoção da igualdade de gênero no setor privado.

Foto: upslon/Flickr

Foto: upslon/Flickr

A ONU Mulheres, em parceria com a Rede Brasileira do Pacto Global, promovem nesta quinta-feira (20), em São Paulo, um fórum para tratar do empoderamento das mulheres e da promoção da igualdade de gênero no setor privado.

WEPs é a sigla em inglês para “Princípios de Empoderamento das Mulheres”, uma iniciativa da ONU Mulheres e do Pacto Global que orienta empresas na busca pela igualdade de gênero por meio do empoderamento das mulheres.

Intitulado “Igualdade significa negócios – Empresas pelo Empoderamento das Mulheres Brasileiras”, o evento reúne representantes das Nações Unidas e de grandes empresas brasileiras signatárias. O objetivo é compartilhar experiências, casos de sucesso e fazer novas propostas para engajar o setor privado em compromissos para o empoderamento das mulheres no mundo corporativo.

O primeiro painel abordará a importância do comprometimento das lideranças empresariais com o tema, e terá a presença de presidentes e vice-presidentes de empresas que têm investido em iniciativas de empoderamento das mulheres internamente e em sua cadeia de valor: Banco do Brasil, Mauricio de Sousa Produções, Grupo CENE, Schneider Electric Cone Sul, Coca-Cola Brasil e Grupo Boticário.

Em seguida, professores, professoras e especialistas apresentarão resultados de pesquisas recentes sobre igualdade de gênero e a situação das mulheres no Brasil, além de mostrar impactos da desigualdade na cultura e na sociedade.

A importância da publicidade livre de estereótipos de gênero e com conteúdo que melhor represente a empodere as mulheres também será abordada, visando a incentivar empresas a investirem em uma mudança rápida na maneira com a qual as marcas são apresentadas em campanhas publicitárias.

O papel do setor de recursos humanos e a importância da criação de programas de desenvolvimento para a carreira das mulheres na liderança das empresas também serão assuntos levantados por especialistas. Além disso, um painel será dedicado a abordar a necessidade de se criar programas de inclusão em prol da igualdade de gênero com uma perspectiva racial, o que só é possível a partir do reconhecimento e da eliminação do racismo institucional em todas as esferas.

Como se tornar uma empresa signatária dos WEPs

Projetados para o setor privado, os WEPs fornecem um método abrangente para alcançar a igualdade de gênero. Para participar, as empresas pequenas ou grandes são incentivadas a assinar a Declaração de Apoio de CEOs aos WEPs; usar seus sete princípios para avaliar as políticas e programas da empresa e desenvolver um plano de ação para integrar a perspectiva de gênero nos mecanismos existentes de prestação de informações, identificando marcos de referência e indicadores.

As empresas também são incentivadas a informar o progresso obtido aos atores de mercado e prestar informações sobre os WEPs, além de entrar em contato com outras empresas e atores para efetuar um trabalho de conscientização.

Conheça as sete Princípios de Empoderamento das Mulheres:

• Princípio 1: estabelecer uma liderança corporativa de alto nível para a igualdade entre gêneros;
• Princípio 2: tratar todos os homens e mulheres de forma justa no trabalho — respeitar e apoiar os direitos humanos e a não discriminação;
• Princípio 3: assegurar a saúde, a segurança e o bem estar de todos os trabalhadores e trabalhadoras;
• Princípio 4: promover a educação, a formação e o desenvolvimento profissional para as mulheres;
• Princípio 5: implementar o desenvolvimento empresarial e as práticas da cadeia de abastecimento e de marketing que empoderem as mulheres;
• Princípio 6: promover a igualdade através de iniciativas comunitárias e de defesa;
• Princípio 7: medir e publicar relatórios dos progressos para alcançar a igualdade entre gêneros.

Para saber mais, clique aqui para ler a cartilha WEPs.


Mais notícias de:

Comente

comentários