ONU lança iniciativa pelos direitos dos jovens a um meio ambiente saudável

Em Berlim, na Alemanha, a manifestação de jovens ‘Fridays for Future’ pede ações urgentes contra as mudanças climáticas. Foto: Fridays For Future/Jörg Farys

A ONU e instituições parceiras lançaram neste mês (2) a iniciativa global #MeuPlanetaMeusDireitos, uma campanha pelos direitos das crianças a um meio ambiente saudável. Apresentada em Bogotá, na Colômbia, a estratégia alerta para o impacto dos desequilíbrios da natureza na saúde e desenvolvimento da juventude — por ano, mais de 1,5 milhão de meninos e meninas com menos de cinco anos morrem por causa de problemas ambientais evitáveis.

Ao longo dos próximos dois anos, o projeto vai mobilizar jovens de todo o planeta, que vão participar da elaboração da Declaração Global para o Direito das Crianças a um Meio Ambiente Saudável.

Na capital colombiana, a divulgação da #MeuPlanetaMeusDireitos promoveu um workshop de dois dias com 40 especialistas e 25 crianças e jovens de toda a América Latina e Caribe. Os presentes discutiram os principais desafios ambientais que a juventude enfrenta na região.

As crianças estão entre os grupos mais vulneráveis ​​a problemas ambientais. Por causa desses perigos, milhões de jovens sofrem com doenças, deficiências e uma série de outras complicações de saúde, incluindo algumas que persistem pelo resto da vida.

Dentro de suas casas, onde deveriam se sentir seguras, muitas crianças estão expostas à poluição do ar por fatores domésticos, produtos químicos tóxicos, alimentos contaminados e água impura. Quando saem de suas residências, enfrentam a poluição atmosférica ou tem que passar por depósitos de lixo a céu aberto, em vez de encontrar espaços verdes e ter acesso à natureza.

A mudança climática, os níveis sem precedentes de perda da biodiversidade global e o esgotamento dos recursos naturais representam algumas das maiores ameaças sistêmicas aos direitos das crianças. Esses riscos comprometem a vida das gerações atuais e futuras.

Em todo o mundo, as greves escolares contra a mudança do clima — conhecidas pelo nome Fridays For Future (Sextas pelo Futuro, em tradução livre para o português) — mostraram que crianças e jovens estão engajados com essas questões e querem que suas vozes sejam ouvidas.

Em resposta a esses desafios, vários atores-chave estão lançando a Iniciativa Global para Promover o Direito das Crianças a um Meio Ambiente Saudável#MeuPlanetaMeusDireitos — entre 2019 e 2021. O projeto consiste em uma série de consultas regionais que serão realizadas em todas as regiões do planeta, com crianças e outras partes interessadas, para identificar soluções concretas que promovam os direitos ambientais dos meninos e meninas.

Como parte da iniciativa, a nova geração de todo o mundo é convidada a participar de uma pesquisa online para expressar seus pontos de vista e preocupações sobre o meio ambiente. Essas contribuições serão amplamente compartilhadas com tomadores de decisão nos níveis nacional, regional e internacional. Com base nesses dados, uma Declaração Global para o Direito das Crianças a um Meio Ambiente Saudável será desenvolvida e entregue a líderes mundiais.

Além do encontro em Bogotá, estão previstas outras consultas em uma série de reuniões com especialistas regionais. Em 2019, o projeto planeja mais um evento, no Sudeste da Ásia e Pacífico. Em 2020, atividades vão acontecer na África, Europa, América do Norte e Ásia Ocidental. Também será realizada uma consulta global final.

A iniciativa #MeuPlanetaMeusDireitos está sendo promovida pelo relator especial da ONU para Direitos Humanos e Meio Ambiente, em colaboração com a Child Rights Connect, Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), Ministério para a Cooperação Econômica e o Desenvolvimento da Alemanha, Global Child Forum, Fundação Heinrich Boll, Projeto Dryad, Terre des Hommes, Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), ONU Meio Ambiente, UNESCO, WWF e outros.

Para responder à pesquisa online:
Inglês: https://www.voicesofyouth.org/climate-action
Espanhol: https://www.voicesofyouth.org/es/acción-climática

Para mais informações:
Flora Pereira, Gerente de Comunicação e Informação Pública, florapereira.dasilva@un.org
Roberta Zandonai, Assistente de Comunicação, roberta.zandonai@un.org