ONU firma parceria com hospital infantil em Salvador

Compromisso estabelecido pretende promover a cooperação para a melhoria da qualidade de vida das crianças e redução da mortalidade infantil na região.

O Hospital Martagão Gesteira é referência no atendimento a crianças com câncer e pioneiro na luta contra a mortalidade infantil no país. Foto: Carol Garcia/GOVBA

O Hospital Martagão Gesteira é referência no atendimento a crianças com câncer e pioneiro na luta contra a mortalidade infantil no país. Foto: Carol Garcia/GOVBA

Na última terça-feira (17), a ONU firmou um Memorando de Entendimento com o Hospital Martagão Gesteira, em Salvador, na ocasião do cinquentenário da unidade hospitalar. O Hospital da Criança, como também é conhecido, é notável por ser o pioneiro na luta contra a mortalidade infantil no país. O objetivo dessa parceria é desenvolver projetos e ações de cooperação em defesa das crianças. O memorando propõe-se a facilitar a colaboração entre as duas instituições, tendo como base os princípios dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A solenidade contou com a presença de Jorge Chediek, coordenador residente do Sistema Nações Unidas no Brasil e representante residente do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no Brasil. Ele destacou que a importância do compromisso firmado é “promover a troca de experiências e também desenvolver projetos conjuntos para tentar mobilizar recursos para experiências de outras partes”.

Chediek afirmou ainda que a ação formalizada pela assinatura do memorando simboliza um esforço para a mobilização de recursos e difusão de boas práticas para a erradicação da mortalidade infantil, e que a intenção é melhorar ainda mais a atenção dada às crianças e suas famílias.

Durval Olivieri, presidente do Conselho Administrativo da Liga Álvaro Bahia, instituição responsável pela gestão do hospital, também participou do evento. “É uma rede de cooperação de caráter internacional para os amigos da Liga poderem dar opinião, contribuições em espécie, em trabalhos voluntários”, declarou Olivieri. Na mesma ocasião, foi também inaugurado o Conselho Internacional da Criança (CRIA), órgão consultivo e responsável pelos relacionamentos institucionais com entidades nacionais e internacionais da Liga Álvaro Bahia.