ONU expressa preocupação com míssil da Coreia do Norte que alcançou mar do Japão

Manobra ameaça seriamente a paz e a estabilidade da região, lamentou o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon. Conselho de Segurança realizou reunião a portas fechadas sobre conjuntura.

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, afirmou na última quarta-feira (3) estar “profundamente preocupado” com o lançamento na mesma data de um míssil pela Coreia do Norte que teria alcançado, pela primeira vez, as águas do território do Japão.

“Tais ações prejudicam seriamente a paz e a estabilidade regionais. Nós reiteramos o apelo à Coreida do Norte para esteja atenta ao chamado da comunidade internacional para reverter seu caminho e retomar o processo de diálogo honesto”, disse o porta-voz do chefe da ONU.

Em resposta ao episódio inédito, o Conselho de Segurança anunciou um reunião a portas fechadas sobre a conjuntura na região e as ações da Coreia do Norte.