ONU estabelece 2020 como prazo para adoção de tecnologia móvel 5G

“O burburinho na indústria relativo às futuras etapas na tecnologia móvel – 5G – viu um aumento expressivo, com atenção agora focada em permitir uma sociedade perfeitamente conectada no prazo de 2020″, afirma representante da ONU.

Foto: Kohei314 (Flickr/CC)

Foto: Kohei314 (Flickr/CC)

Um novo passo para o desenvolvimento da tecnologia 5G e a integração do uso inteligente das redes móveis de Internet em diferentes esferas da nossa vida foi dado na última sexta-feira (19) em San Diego, Califórnia, durante o encontro do setor de tecnologia móvel promovido pela União Internacional de Telecomunicações (UIT).

Na ocasião foram definidos os objetivos gerais, processos e prazos para o desenvolvimento do sistema de telefonia móvel 5G. Esse processo está em curso na ITU em colaboração com governos e a indústria móvel global. Na reunião, os participantes concordaram que o trabalho deve ser conduzido com o nome IMT-2020, uma extensão dos padrões já existentes de sistemas de telecomunicação móvel internacional, que já serviram de base para os sistemas 3G e 4G.

Esse novo sistema, estabelecido para estar disponível em 2020, proporcionará novos paradigmas em conectividade de sistemas sem fio de longo alcance para permitir, por exemplo, serviços de transmissão de extrema alta definição de vídeos; aplicativos de baixa latência em tempo real e a expansão do domínio da “Internet das Coisas”, que tem como objetivo conectar os itens de nosso dia a dia ao mundo da tecnologia, detectando aspectos sensoriais para melhorar a performance de aplicativos, itens e redes de monitoramento, por exemplo.

“O burburinho na indústria relativo às futuras etapas na tecnologia móvel – 5G – viu um aumento expressivo, com atenção agora focada em permitir uma sociedade perfeitamente conectada no prazo de 2020 e, além disso. aproximar as pessoas às coisas, dados, aplicativos, sistemas de transporte e cidades em um ambiente de comunicações em rede inteligente”, disse o secretário-geral do UIT, Houlin Zhao. “A ITU continuará sua parceria com a indústria global móvel e os organismos governamentais para transformar o IMT-2020 em uma realidade.”


Comente

comentários