ONU: Ban fala com líder israelense sobre a importância da solução de dois Estados para a paz no Oriente Médio

Secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon. Foto: ONU/M. Garten

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, parabenizou nesta sexta-feira (20) o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, por sua recente vitória eleitoral, e pediu para renovar o compromisso de Israel para a solução de dois Estados.

Ban também pediu que o primeiro ministro liberasse os impostos atualmente bloqueados por Israel, mas devidos à Palestina.

No início desta semana, o porta-voz da ONU, Farhan Haq, disse a jornalistas que cabe ao novo governo de Israel, uma vez formado, a criação das condições para um acordo final de paz com o envolvimento ativo da comunidade internacional, para acabar com a ocupação israelense e tornar real a criação de um Estado da Palestina viável que viva em paz e segurança ao lado de Israel. Isso, acrescentou, inclui a paralisação da construção de assentamentos ilegais no território palestino ocupado.

Em seu telefonema, nesta sexta-feira, Ban Ki-moon reiterou sua opinião de que a solução de dois Estados é o único caminho a seguir para a paz no Oriente Médio.