OIT no Brasil auxilia secretarias estaduais a monitorar políticas para trabalho decente

Apoio será no formato de seis oficinas regionais, capacitando técnicos na análise e construção de indicadores. Atividades começam em Curitiba na próxima terça-feira (26/7).

Oficinas inauguram as discussões para a Conferência Nacional de Emprego e Trabalho Decente 2012.O escritório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil irá auxiliar secretarias estaduais a monitorar a evolução das políticas sobre Trabalho Decente. O apoio será no formato de seis oficinas regionais, capacitando técnicos na análise e construção de indicadores. A primeira atividade ocorre em Curitiba na próxima terça-feira (26/7).

“Em decorrência das desigualdades regionais e socioeconômicas ainda existentes no Brasil, em muitos casos as prioridades e os caminhos para a promoção do Trabalho Decente podem ser diferentes nas distintas unidades da federação. Conhecer tais especificidades é de suma importância para delinear e implementar ações regionalizadas”, disse o instrutor das Oficinas e Coordenador Nacional do Projeto Monitorando e Avaliando o Progresso do Trabalho Decente no Brasil, José Ribeiro.

Todas as oficinas serão realizadas no mês de agosto nas cidades de Campo Grande (MS), Recife (PE), Fortaleza (CE), Belém (PA) e Belo Horizonte (MG). O projeto é organizado no âmbito do acordo de cooperação técnica entre o Fórum Nacional de Secretarias do Trabalho e a OIT.