Novos progressos trazem confiança no combate ao ebola, afirma enviado especial da ONU

Nabarro afirmou que agora é visível que a resposta está apresentando bons resultados. Em setembro, o número de novos casos era de 150 por dia; hoje são 50, número que, a cada semana, diminui gradualmente na Libéria.

Sobrevivente do ebola agora ajuda a cuidar das crianças no Centro de Assistência à Criança e Unidade de Tratamento do ebola em Nzérékoré, no Guiné. Foto: ONU/Martine Perret

Sobrevivente do ebola agora ajuda a cuidar das crianças no Centro de Assistência à Criança e Unidade de Tratamento do ebola em Nzérékoré, no Guiné. Foto: ONU/Martine Perret

O enviado especial da ONU para o ebola, David Nabarro, informou, nesta sexta-feira (16), que nas últimas semanas algumas lugares afetados gravemente pelo ebola, na Libéria, apresentaram grande redução no número de casos ou até mesmo o fim do surto. Tal mudança, tem dado a todos os envolvidos na resposta na África Ocidental um sentimento confiança e de que o vírus pode ser derrotado.

Nabarro disse também que agora é visível que a resposta está apresentando bons resultados. Em setembro, o número de novos casos era de 150 por dia. No momento, os novos casos se reduziram para cerca de 50 por dia, número que, a cada semana, diminui gradualmente.

Segundo Nabarro, a resposta tem se focado em ações mais locais, mudando a forma de tratamento, com enterros seguros e a mobilização da comunidade para identificar os grupos de risco. Além disso, tem havido uma mudança na rotina diária na vida das pessoas, que estão retornando a vida normal de antes do surto.

Porém, ele alertou que, mesmo com o avanços, é importante manter o foco, a vigilância e a disciplina para garantir que a doença seja exterminada.