Novo relatório da ONU revela rápida evolução das TICs e suas formas de regulamentação

De acordo com o relatório, o tráfego de rede futuro será cada vez mais impulsionado por um tráfego máquina a máquina (M2M) gerado por bilhões de dispositivos conectados.

Vendas de smartphones devem chegar a 1,4 bilhão de unidades em 2015. Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Vendas de smartphones devem chegar a 1,4 bilhão de unidades em 2015. Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

A última edição do relatório global da União Internacional de Telecomunicações (UIT) sobre a evolução da regulamentação das tecnologias de informação e comunicação (TIC) revela um panorama de rápida evolução dessas tecnologias. À medida que dispositivos e serviços proliferam, a conectividade em banda larga torna-se cada vez mais difundida, e o mundo hiperconectado da “Internet de Tudo” começa a se tornar uma realidade, interligando aparelhos, pessoas e coisas.

“Tendências da UIT na Reforma da Telecomunicação 2015” fornece uma série de dados e análises para ajudar os reguladores, analistas e jornalistas de tecnologia a tratar as questões em torno da chamada regulamentação da quarta geração da TIC. O relatório recomenda uma regulamentação ligeira e flexível, e um reconhecimento dos direitos de ambas as empresas e consumidores na definição de novas estruturas para um ambiente digital global emergente.

De acordo com o relatório, o tráfego de rede futuro será cada vez mais impulsionado por um tráfego máquina a máquina (M2M) gerado por bilhões de dispositivos conectados, produtos e sensores, com as comunicações M2M das redes de celulares móveis já emergindo como o mais rápido crescimento dos serviços de TIC em termos de tráfego. No total, um bilhão de tipos diferentes de dispositivos de internet para tudo sem fio são esperados para ser produzidos em 2015, um aumento de 60% em relação a 2014, alcançando 2,8 bilhões de dispositivos conectados até o final do ano.

Em termos de dispositivos, a procura por tablets deve chegar a 234,5 milhões de unidades em 2015. E enquanto a produção global de PCs e laptops tem previsão de entrar em crônico declínio global, os analistas preveem vendas mundiais de até 1,4 bilhão de smartphones em 2015, superando a vendas dos setores de PC, televisão, tablet e consoles de jogos combinados, tanto em termos de unidades quanto de receita.

“Este relatório analisa como as mudanças que estão ocorrendo no ecossistema digital estão impactando os consumidores e as empresas e a sociedade em geral”, disse o diretor de desenvolvimento das telecomunicações da UIT, Brahima Sanou, que produz o estudo anual. “O relatório aborda questões que abrangem toda a gama de formulação de políticas de TIC e investiga algumas importantes, mas desafiadoras, perguntas.”