Nova representante de escritório do PNUD no Brasil assume posto em abril

O escritório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no Brasil anunciou nesta sexta-feira (29) que sua nova representante-residente, a hondurenha Katyna Argueta, assumirá suas funções a partir de 1º de abril.

Diplomata de carreira, Katyna ingressou no PNUD em 2003 como assessora da representação em Honduras. Em seguida, assumiu o cargo de coordenadora de Recursos Humanos e, mais tarde, trabalhou como diretora adjunta de país no Panamá (2009-2012) e no Haiti (2013-2015). Desde 2016, atua como diretora de país do PNUD no México.

Katyna trabalhou como diretora adjunta de país no Panamá (2009-2012) e no Haiti (2013-2015). Foto: PNUD Haiti

Katyna trabalhou como diretora adjunta de país no Panamá (2009-2012) e no Haiti (2013-2015). Foto: PNUD Haiti

O escritório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no Brasil anunciou nesta sexta-feira (29) que sua nova representante-residente, a hondurenha Katyna Argueta, assumirá suas funções a partir de 1º de abril.

Katyna ingressou no PNUD em 2003 como assessora da representação em Honduras. Em seguida, assumiu o cargo de coordenadora de Recursos Humanos e, mais tarde, trabalhou como diretora adjunta de país no Panamá (2009-2012) e no Haiti (2013-2015). Desde 2016, atua como diretora de país do PNUD no México.

Diplomata de carreira, com status de embaixadora, trabalhou no Ministério das Relações Exteriores de Honduras como representante suplente da missão de Honduras junto à Organização dos Estados Americanos (OEA) em Washington.

Também foi diretora-geral de política externa, chefe de gabinete do ministro, segunda secretária da embaixada de Honduras no Reino Unido e diretora de protocolo.
No setor privado, ocupou cargos de diretora de relações públicas e comunicações, gerente de planejamento corporativo e atuou como presidente de uma instituição financeira.

Katyna é especialista em gestão e administração, e se graduou na Academia Diplomática Andres Bello, no Chile.


Comente

comentários