No Mali, forças de paz da ONU levam saúde a locais remotos; vídeo

Em Dangatene, no Mali, um vilarejo remoto formado por casas de barro, os aldeões acordam cedo e se enfileiram sob o sol para aguardar as consultas médicas gratuitas oferecidas pela Missão de Paz da ONU.

O tenente Tafsir Gueye, oficial médico da Força de Reação Rápida senegalesa, atendeu mais de 200 pessoas nesta aldeia do Mali. Um trabalho que requer autossacrifício, profissionalismo e, acima de tudo, paciência. “Os problemas de saúde mais comuns são as doenças negligenciadas, como a desnutrição infantil. No caso das pessoas idosas, doenças oculares como catarata”, disse ele.