Juliana Paes apoia campanha de doações para Instituto Maria da Penha

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

Ao completar 14 meses de voluntariado na ONU Mulheres Brasil como defensora para a Prevenção e a Eliminação da Violência contra as Mulheres, a atriz Juliana Paes participou da campanha de mobilização de recursos (crowfunding) para o Instituto Maria da Penha. Doações ao Instituto Maria da Penha estão concentradas no site kickante.com.br/mariadapenha.

A atriz Juliana Paes participou da campanha de mobilização de recursos (crowfunding) para o Instituto Maria da Penha. Foto: Reprodução

A atriz Juliana Paes participou da campanha de mobilização de recursos (crowfunding) para o Instituto Maria da Penha. Foto: Reprodução

Ao completar 14 meses de voluntariado na ONU Mulheres Brasil como defensora para a Prevenção e a Eliminação da Violência contra as Mulheres, a atriz Juliana Paes participou da campanha de mobilização de recursos (“crowfunding”) para o Instituto Maria da Penha.

A cada dia, a iniciativa ganha a adesão de artistas e personalidades públicas, para incentivar doações para projetos de prevenção e enfrentamento à violência contra as mulheres, geridos pelo Instituto Maria da Penha.

Em vídeo postado nas redes sociais, a defensora da ONU Mulheres Brasil incentiva o público a fazer doações: “sou contra a violência doméstica e familiar contra a mulher e estou apoiando o Instituto Maria da Penha nesta campanha”.

“Contribua você também clicando em kickante.com.br/mariadapenha. Faça sua doação e compartilhe essa ideia! Juntos somos uma multidão!”, disse Juliana no Dia Laranja pelo fim da violência contra as mulheres, 25 de janeiro.

Um ano de voluntariado

Juliana Paes foi nomeada defensora para a Prevenção e Eliminação da Violência contra as Mulheres da ONU Mulheres Brasil em novembro de 2015, durante as atividades dos 16 Dias de Ativismo.

De lá para cá, a atriz se engajou, via redes sociais, com a promoção do Dia Laranja, marcado por atividades mensais a cada dia 25 em solidariedade às vítimas da violência machista e para a sensibilização global para o fim da violência de gênero.

Assista ao vídeo:

A campanha também foi apoiada pela atriz Camila Pitanga:

E pelo ator Marcos Pasquim:


Mais notícias de:

Comente

comentários