Jovens têm importante papel na criação de um mundo pacífico, diz secretário-geral da ONU

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

Na ocasião do Dia Internacional da Juventude, lembrado neste sábado (12), as Nações Unidas realizaram um evento comemorativo em sua sede em Nova Iorque com uma mensagem do secretário-geral da ONU, António Guterres, que enfatizou seu compromisso com os jovens.

“Os governos precisam trabalhar com os jovens para atingir com sucesso os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Meninas e meninos empoderados têm um papel crítico na prevenção dos conflitos e na garantia de uma paz sustentável”, declarou Guterres na mensagem de vídeo.

Participantes ouvem palestrantes durante evento para o Dia Internacional da Juventude na sede da ONU em Nova Iorque. Foto: ONU/Kim Haughton

Participantes ouvem palestrantes durante evento para o Dia Internacional da Juventude na sede da ONU em Nova Iorque. Foto: ONU/Kim Haughton

Na ocasião do Dia Internacional da Juventude, lembrado neste sábado (12), as Nações Unidas realizaram um evento comemorativo em sua sede em Nova Iorque com uma mensagem do secretário-geral da ONU, António Guterres, que enfatizou seu compromisso com os jovens.

“Estou verdadeiramente feliz em falar com vocês no Dia Internacional da Juventude”, disse o secretário-geral em sua mensagem de vídeo. “Como secretário-geral da ONU, estou comprometido com o empoderamento e a inclusão de cada jovem no mundo todo”, completou.

“Nesse espírito, eu nomeei uma impressionante enviada para a juventude”, disse Guterres, apresentando Jayathma Wickramanayake, de 26 anos e nascida no Sri Lanka, como a mais jovem e “uma das mais importantes” integrantes de sua equipe.

“Os governos precisam trabalhar com os jovens para atingir com sucesso os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Meninas e meninos empoderados têm um papel crítico na prevenção dos conflitos e na garantia de uma paz sustentável”, declarou Guterres.

Após a enviada especial da ONU para a juventude convidar todos a se unir na mobilização pelos jovens no mundo, o secretário-geral afirmou: “juntos, podemos criar um mundo pacífico para as próximas gerações”.

Diante de um cenário em que muitos dos 1,2 bilhão de jovens são afetados pela dificuldade da guerra e do conflito, a edição de 2017 do Dia Internacional da Juventude será celebrado sob o tema “Juventude construindo a paz”.

Considerando temas de juventude, paz e segurança de uma perspectiva de desenvolvimento social, este ano o dia reconhece que cada vez mais sociedades no mundo todo estão reconhecendo o papel dos jovens como agentes de mudança e atores críticos para a prevenção do conflito e a construção da paz.

Organizado pelo Departamento das Nações Unidas para Assuntos Econômicos e Sociais em colaboração com a Rede Interagencial para o Desenvolvimento da Juventude, o evento desta sexta-feira reuniu especialistas de sociedade civil, governos e ONU para explorar as várias formas com as quais as pessoas estão contribuindo para construir e sustentar a paz.

Paralelamente, no Iraque, em sua primeira visita oficial, a enviada especial da ONU para a juventude está conduzindo diálogos com jovens e reuniões com oficiais das Nações Unidas.

Em dezembro de 1999, a Assembleia Geral da ONU endossou a recomendação feita pela Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, que 12 de agosto fosse declarado Dia Internacional da Juventude.


Comente

comentários