Jornalistas se reúnem para debater a cobertura dos protestos que se espalharam pelo Brasil

A série de encontros ‘Roda de Conversa’ encerrou a sua segunda edição na quarta-feira (10) discutindo a violência contra a imprensa nos protestos.

A violência contra os jornalistas marcou os protestos que se espalharam pelo país nas últimas semanas, o que acabou ressaltando a necessidade de se discutir a aplicação das normas de Direitos Humanos pela Polícia Militar, além do modo como a tropa de choque se porta em situações de distúrbio.

Para discutir esses assuntos, a empresa Oboré, em conjunto com a Conectas Direitos Humanos, a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e o Observatório da Imprensa, está promovendo a ‘Roda de Conversa’, que pretende discutir os aspectos relevantes para a cobertura jornalística dos protestos que vêm acontecendo no Brasil.

A segunda edição da Roda de Conversa aconteceu na quarta-feira (10) e teve como tema “Reportagem nas Manifestações de São Paulo”. O encontro contou com a presença de jornalistas e do coronel Erich Meier Junior, ex-membro da polícia da ONU na Bósnia, atualmente atuando na Polícia Militar do Distrito Federal.

Já a primeira edição do encontro ocorreu no dia 2 de julho e contou com a presença de jornalistas, estudantes e professores. É possível acessar todo o debate através do link http://www.ustream.tv/recorded/35257997

Para outras informações sobre a Roda de Conversa, acesse o site da Oboré.


Comente

comentários