Governo do DF e Nações Unidas celebram juntos os 55 anos de Brasília

Casa da ONU recebeu governador, secretários, corpo diplomático e organismos internacionais em solenidade que destacou importância do desenvolvimento sustentável.

Como parte da programação, o coordenador residente da ONU no Brasil presenteou o governador do DF e a primeira-dama com capacetes da ONU. Foto: Tiago Zenero/PNUD Brasil

Como parte da programação, o coordenador residente da ONU no Brasil presenteou o governador do DF e a primeira-dama com capacetes da ONU. Foto: Tiago Zenero/PNUD Brasil

Em comemoração ao aniversário de Brasília, o Governo do Distrito Federal e a representação da ONU no Brasil promoveram o evento Brasília 55 anos: cidade sustentável, planeta sustentável na Casa da ONU, em Brasília, nesta quarta-feira (22).

Participaram da celebração o coordenador residente do Sistema ONU no Brasil, Jorge Chediek, o governador do DF, Rodrigo Rollemberg, sua esposa Márcia Rollemberg, secretários do GDF, autoridades do governo federal, assim como representantes do corpo diplomático de Brasília, tanto das Nações Unidas quanto de embaixadas e outros organismos internacionais.

Com ênfase no desenvolvimento sustentável, o evento incluiu o plantio de um ipê rosa nos jardins da Casa da ONU pelo governador, a primeira dama, o coordenador residente do Sistema ONU e a representante da ONU Mulheres, Nadine Gasman, além de um breve passeio em um dos carros elétricos monitorados da ONU, gestos simbólicos do comprometimento dos participantes com a agenda da sustentabilidade.

Em seu discurso, Chediek parabenizou Brasília por seus 55 anos e lembrou que, também em 2015, a ONU celebra seus 70 anos. O coordenador residente do Sistema ONU no Brasil aproveitou a ocasião para salientar o desempenho de Brasília no âmbito do desenvolvimento humano.

Destacou que a cidade ocupa o nono lugar no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, o qual engloba 5.565 municípios brasileiros, e que o DF está em primeiro lugar no ranking do IDHM. Ressaltou ainda que Brasília é a campeã brasileira no cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM).

Chediek afirmou que este é o momento para relançar Brasília como exemplo nacional e mundial no desenvolvimento humano. Nesse contexto, lembrou que a comunidade internacional pretende estabelecer uma nova agenda global de desenvolvimento sustentável, que levará em conta as dimensões econômica, social e ambiental. “Estamos confiantes que, assim como foi e é um exemplo de implementação da agenda do milênio, Brasília será um exemplo da implementação da agenda de desenvolvimento humano sustentável”, disse Chediek.

O governador do DF ressaltou em seu discurso a importância da cooperação internacional para superar os grandes desafios da capital e evidenciou a importância da ONU nesse esforço. Para Rollemberg, “a cooperação internacional se faz indispensável, ao permitir conhecer como países diferentes enfrentaram e superaram seus desafios”.

O VIII Fórum Mundial da Água, que terá lugar em Brasília em 2018, também mereceu menção nas falas tanto de Chediek quanto de Rollemberg, que destacaram a importância do uso consciente e sustentável da água. “Vamos mobilizar nossa cidade para avançar em uma postura cada vez mais adequada em relação ao meio ambiente, garantindo que Brasília seja, em 2018, para o Brasil e para o mundo, uma referência no uso sustentável da água”, prometeu o governador.

Ao final da cerimônia, que reuniu aproximadamente 200 pessoas, os participantes receberam cada um uma muda de begônia como símbolo do engajamento na causa do desenvolvimento humano sustentável, foco da agenda da ONU e de seus países membros a partir de 2016.