Fundo da ONU aprova novo aporte para projeto Pró-Semiárido na Bahia

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

O Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) aprovou um novo aporte, no valor de 45 milhões de reais, para o projeto Pró-Semiárido, fruto de uma parceria entre o governo do estado da Bahia e o organismo internacional. A iniciativa de desenvolvimento regional atua em 32 municípios com mais baixo índices de pobreza do semiárido baiano, e tem como público-alvo as populações pobres das comunidades rurais.

O Pró-Semiárido é um projeto de desenvolvimento regional, atuante em 32 municípios com mais baixo índices de pobreza do semiárido baiano. Foto: EBC

O Pró-Semiárido é um projeto de desenvolvimento regional, atuante em 32 municípios com mais baixo índices de pobreza do semiárido baiano. Foto: EBC

O Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) aprovou nesta quinta-feira (9) a realização de um novo aporte, no valor de 45 milhões de reais, para o projeto Pró-Semiárido, fruto da parceria entre o governo do estado da Bahia e o organismo internacional.

A decisão foi formalizada durante reunião entre dirigentes da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) — empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) — e do Fida. O encontro também serviu para avaliar a execução do projeto, enquanto o novo aporte permitirá sua ampliação e diversificação.

“A ampliação do Pró-Semiárido será articulada em três eixos: ampliação do acesso à água para consumo humano e produção agrícola; apoio à comercialização dos produtos da agricultura familiar; e apoio à regularização fundiária das propriedades dos agricultores beneficiários pelo projeto”, disse o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, que participou da reunião.

A proposta do governo da Bahia para o financiamento adicional havia sido encaminhada oficialmente ao Fida em novembro do ano passado, tendo sido aprovada pelo presidente do Fida, Kanayo Nwanze.

Foi assinado também no encontro desta quinta-feira um memorando entre o representante do Fida no Brasil, Hardi Vieira, o coordenador do projeto, Cesar Maynart, o diretor da CAR Wilson Dias e o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, abordando os principais temas acordados e as etapas futuras de negociação, na expectativa de que, em 2018, os recursos estejam disponíveis para os investimentos previstos.

O Pró-Semiárido é um projeto de desenvolvimento regional, atuante em 32 municípios com mais baixo índices de pobreza do semiárido baiano e que tem como público-alvo as populações pobres das comunidades rurais. Tem como objetivo melhorar as condições de vida da população, através de um processo de desenvolvimento econômico e sociocultural, ambientalmente sustentável e com equidade de gênero.

O projeto possui três componentes, por meio dos quais realiza investimentos e serviços de apoio ao desenvolvimento: Desenvolvimento Produtivo e Mercado, Desenvolvimento de Capital Humano e Social e Gestão, Monitoria e Avaliação.


Mais notícias de:

Comente

comentários