Ferramenta permite comparar preços de medicamentos para os efeitos da COVID-19

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) apresentou nesta segunda-feira (15) o Observatório Regional de Preços de Medicamentos durante evento online transmitido para a América Latina e o Caribe.

A plataforma virtual pode ser acessada em observatorio.unops.org. Ela permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para tratar os efeitos da COVID-19. Também estão incluídos medicamentos que se encontram em fase de testes.

Ferramenta permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela OMS para tratar efeitos da COVID-19. Foto: UNOPS

Ferramenta permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela OMS para tratar efeitos da COVID-19. Foto: UNOPS

O Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) apresentou nesta segunda-feira (15) o Observatório Regional de Preços de Medicamentos durante evento online transmitido para a América Latina e o Caribe.

A plataforma virtual pode ser acessada em observatorio.unops.org. Ela permite aos governos e à sociedade comparar preços de medicamentos recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para tratar os efeitos da COVID-19. Também estão incluídos medicamentos que se encontram em fase de testes.

Seu objetivo é estabelecer uma faixa de preços justos de mercado, ajudando a reduzir o risco de corrupção e fraude. O Observatório utilizou fontes oficiais de 21 países, incluindo o Brasil, com dados do Banco de Preços em Saúde do Ministério da Saúde. A ferramenta é um painel informativo que possibilita a comparação com outros bancos de dados de compras locais.

O evento virtual de lançamento teve a presença de Alicia Bárcena, secretária-executiva da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL); Zoé Robledo, diretora-geral do Instituto Mexicano de Seguridade Social (IMSS); Carlos Contreras, presidente do Instituto de Segurança Social da Guatemala (IGSS); e Victor Zamora, ministro da Saúde do Peru.

Veja a apresentação em espanhol: 

“A resposta dos países para enfrentar a pandemia da COVID-19 deve incluir os princípios de gestão pública justa e equitativa: eficiência, eficácia, transparência, concorrência aberta e inovação”, disse Fabrizio Feliciani, diretor regional do UNOPS.

“Por esse motivo, disponibilizamos essa ferramenta aos governos, o que os ajuda a regular os critérios para comprar aos melhores preços do mercado, nos permite agir imediatamente sem sacrificar a responsabilidade e contribui para a revisão das Listas Básicas de Medicamentos baseados em critérios de custo-efetividade dos tratamentos.”

O observatório é uma contribuição do UNOPS para apoiar a resposta à pandemia, promovendo a gestão pública justa e equitativa, que ajuda a melhorar a eficiência dos gastos públicos por meio de processos de compras transparentes, eficientes e de qualidade, incentivando a participação social e a prestação de contas.

Sobre UNOPS

O UNOPS é um órgão das Nações Unidas, considerado pela Assembleia Geral como um recurso central para o gerenciamento de compras e contratos, bem como para obras públicas e infraestrutura, incluindo atividades para desenvolver as capacidades nacionais.