Evento debate como melhorar luta anti-HIV na América Latina

Comissão Global sobre o HIV/AIDS e as Leis discutiu em São Paulo como legislação e acesso à Justiça ajudam no combate contra a Aids. Evento, realizado neste domingo (26) e segunda-feira (27), reuniu 120 participantes de 18 países para o ‘Diálogo Regional para América Latina’.

Evento debate como melhorar luta anti-HIV na América LatinaComissão Global sobre o HIV/AIDS e as Leis discutiu em São Paulo como legislação e acesso à Justiça ajudam no combate contra a Aids. Evento, realizado neste domingo (26) e segunda-feira (27), reuniu 120 participantes de 18 países no Hotel Sheraton São Paulo WTC para o Diálogo Regional para América Latina.

As respostas para prevenção e combate ao HIV/AIDS na América Latina ainda encontram barreiras forjadas no preconceito e na violência. Segundo dados do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS), a maioria dos casos nesta região se concentra em grupos considerados de risco, como homens que mantêm relações sexuais com homens, usuários de drogas e trabalhadores e clientes da indústria do sexo. O estigma social que cerca esses grupos ainda mantém a epidemia oculta e desconhecida.

Com exceção de Venezuela e Uruguai, todos os países da América Latina e Caribe possuem legislação específica para o tratamento e a prevenção ao HIV/AIDS. Apesar das garantias da igualdade de oportunidades para as mulheres, elas continuam a sofrer altos índices de violência. De acordo com Maria Tallarico, coordenadora de HIV do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) na América Latina e Caribe, “homofobia, transfobia e violência mantêm as pessoas mais vulneráveis ao HIV às sombras e fora do alcance de medidas de prevenção e de tratamento.”

Para abordar as lacunas existentes entre o que diz a lei e o que ocorre na realidade em relação aos grupos mais vulneráveis ao HIV, a Comissão Global sobre HIV/AIDS e Leis, um organismo independente que reúne alguns dos mais respeitados líderes em políticas públicas, direitos humanos, legislação e HIV/AIDS, realizou um encontro dias 26 e 27 de junho, no Hotel Sheraton São Paulo WTC, em São Paulo. É o chamado ‘Diálogo Regional para América Latina’, organizado em conjunto pelo PNUD e o UNAIDS. Este será o quarto de uma série de sete diálogos regionais que estão sendo realizados em diversos países como parte de um esforço global para remover barreiras ao progresso no combate ao HIV/AIDS. Saiba mais sobre o evento clicando aqui.