Especialistas e militantes discutem direitos humanos e HIV/Aids em Niterói

Encontro é parte da série “Diálogos HIV e o Direito”, iniciativa liderada pelo PNUD. Cerca de 300 ativistas, estudantes e especialistas falaram de violação de direitos, estigma, discriminação e criminalização.

Arnaud Peral (PNUD, à direita) e Veriano Terto Jr. (UFRJ), durante 3º encontro da série Diálogos sobre HIV e Direito. Foto: Divulgação

Arnaud Peral (PNUD, à direita) e Veriano Terto Jr. (UFRJ), durante 3º encontro da série Diálogos sobre HIV e Direito. Foto: Divulgação

Cerca de 300 ativistas, estudantes e especialistas em HIV e aids se reuniram em Niterói às vésperas do Dia Mundial da Aids, nos dias 26 e 27 de novembro, para a 3ª edição do “Seminário Nacional para Promoção de Direitos Humanos no Contexto do HIV e AIDS” e “Diálogo Nacional sobre o HIV e o Direito”. A iniciativa tratou de temas como violação de direitos, estigma, discriminação e criminalização de pessoas vivendo com HIV e aids, entre outros.

Entre os destaques estiveram debates sobre advocacy na Previdência Social; judicialização da Previdência e da Assistência Social; novos desafios para prevenção e assistência do HIV; debates sobre a assistência prestada às pessoas com aids; os novos métodos de prevenção como um direito humano; e a co-infecção tuberculose e HIV.

A advogada do Grupo Pela Vidda (Valorização, Integração e Dignidade do Doente de AIDS) Niterói – grupo organizador do evento –, Patrícia Diez Rios, lembrou que o seminário justifica o trabalho da ONG, que atua diariamente na luta pelos direitos das pessoas vivendo com HIV e AIDS. “Espero que os debates possam trazer resultados para a nossa luta, para nossa população e nossas pesquisas”, destacou.

Participaram também da abertura do evento o representante residente adjunto do Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento (PNUD), Arnaud Peral, o procurador chefe da Procuradoria do INSS, Alessandro Stefanutto, e a representante do Departamento de DST, AIDS e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Cristina Pimenta, entre outros.

Saiba os detalhes clicando aqui.