Enviado especial da ONU anuncia avanços para reunificação do Chipre

Em nome dos líderes grego cipriota e turco cipriota, Espen Barth Eide sublinhou a vontade e determinação em comum para chegar a um acordo abrangente sobre o futuro da ilha, dividida desde 1974.

Declaração do enviado especial sobre Chipre, Espen Barth Eide, em nome do líder grego cipriota, Nicos Anastasiades (à direita), e o turco cipriota, Mustafa Akinci. Foto: UNFICYP

Declaração do enviado especial sobre Chipre, Espen Barth Eide, em nome do líder grego cipriota, Nicos Anastasiades (à direita), e o turco cipriota, Mustafa Akinci. Foto: UNFICYP

Os líderes cipriotas grego e turco, Nicos Anastasiades e Mustafa Akinci, anunciaram nesta quinta-feira (28) os próximos passos para alcançar a visão conjunta da ilha unificada, confirmou o enviado especial do secretário-geral da ONU para o Chipre.

Em nome dos líderes, Espen Barth Eide sublinhou a vontade e determinação em comum para chegar a um acordo abrangente sobre o futuro da ilha, dividida desde 1974. Para Anastasiades e Akinci, os resultados da mesa de negociação refletem a atmosfera positiva predominante na ilha.

O acordo atual se reflete em cinco pontos, com um apelo firme sobre a questão crucial humanitária das pessoas desaparecidas. Entre os compromissos acordados estão a abertura de mais postos de passagem entre os dois lados da ilha; a interconexão das redes de eletricidade; integração das redes de telefone; fim das interferências de rádio frequência; e o estabelecimento de um comitê de igualdade de gênero.

Os líderes voltarão a encontrar-se em datas já pré-definidas em junho e julho para avançar esses pontos e outras questões remanescentes para a promoção desse compromisso em comum.