Enviado da ONU condena ataques contra sede da polícia no Iraque

Atentado matou pelo menos 16 pessoas e deixou mais de 90 feridas. ‘Os autores mostram um total desrespeito pela vida humana’, declarou Martin Kobler.

Representante Especial Martin Kobler. UN Photo / Rick Bajornas

O enviado das Nações Unidas no Iraque condenou fortemente os ataques coordenados contra a sede da polícia na cidade de Kirkuk que matou pelo menos 16 pessoas e deixou mais de 90 feridas neste domingo (3).

“Meus pensamentos estão com as famílias das vítimas, com as pessoas de Kirkuk que, mais uma vez, são vítimas de violência gratuita e brutal. Os autores mostram um total desrespeito pela vida humana”, declarou o Representante Especial do Secretário-Geral e chefe da Missão de Assistência das Nações Unidas para o Iraque (UNAMI), Martin Kobler.

“Peço à liderança iraquiana que tome todas as medidas necessárias para lidar com esta situação alarmante, especialmente em Kirkuk, o símbolo da coexistência pacífica no Iraque”, acrescentou.